A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
106 pág.
História Antiga Oriental (Questionario Completo)

Pré-visualização | Página 1 de 29

Aula 01 - AS ORIGENS DA CIVILIZAÇÃO E DO ESTADO 
1a Questão 
"Os produtos cultivados variavam de região para região com a natural predominância de espécies nativas, como os cereais 
(trigo e cevada), o milho, raízes (batata-doce e mandioca) e o arroz, principalmente. Uma vez iniciada a atividade, o homem 
foi aprendendo a selecionar as melhores plantas para a semeadura e a promover o enxerto de variedades, de modo a 
produzir grãos maiores e mais nutritivos do que os selvagens.Por que se fala em Revolução Agrícola? Porque o impacto da 
nova atividade na história do homem foi enorme. E não se trata apenas de questão acadêmica, mas de algo real e palpável 
como o próprio número de seres humanos sobre a face da Terra." (PINSKY, Jaime. As Primeiras Civilizações. São Paulo: 
Editora Contexto, 2011, p.48). 
Acerca do texto acima identifique as assertivas corretas: 
I - O texto identifica a capacidade dos homens adaptarem suas técnicas de cultivo ao meio em que viviam. 
II - O texto destaca as mudanças positivas que a Revolução Agrícola provocou na humanidade. 
III - O texto insinua que a Revolução Agrícola trouxe mudanças no número de pessoas que habitavam a Terra. 
 Apenas I está correta. 
 Apenas II está correta. 
 Apenas I e II estão corretas. 
Certo Todas estão corretas. 
 Apenas III está correta. 
 
Explicação: 
O texto destaca a capacidade da humanidade de produzir seus alimentos. Ao selecionar as plantas que vingavam ou não, 
estavam adaptando-se à realidade em que viviam. Da mesma forma, podemos destacar também que a Revolução agrícola 
auxiliou no aumento populacional. 
 
2a Questão 
Podemos afirmar que o conceito de "Oriente" discutido no curso está expresso de forma mais adequada na seguinte 
afirmativa: 
Certo o Oriente pode ser entendido por uma classificação volátil, relacionada a um espaço de poder em que se 
desenvolveu civilizações importantes. 
Para definir o Oriente é necessário dividir o globo terrestre em duas partes e destacar a parte que possui povos 
menos tolerantes. 
o Oriente pode ser descrito como todo o território que não se localiza no espaço europeu, isto é, fora da cultura 
europeia como o Egito e a Pérsia. 
JHºNJHºN
Realce
JHºNJHºN
Realce
o Oriente deve ser entendido pelo elemento basilar da civilidade, ou seja, foi o único espaço onde se desenvolveu 
civilizações inteligentes. 
o Oriente na realidade não existe isto é uma invenção dos geógrafos, por isso, os historiadores não devem levar em 
consideração. 
 
Explicação: 
O conceito de Oriente é volátil visto que, não possuímos uma definição precisa de onde inicia ou termina seu espaço. Muda 
ao longo dos séculos e de acordo com interesses políticos, econômicos e até religiosos. 
 
3a Questão 
Ao refletirmos sobre o tema da escravidão a primeira imagem que nos ocorre é aquela praticada pelos portugueses entre 
os séculos XV e XIX, ou seja, indivíduos oriundos do continente africano. Lembramos ainda da justificativa dada por eles 
para escravizar os africanos em detrimento de outros povos. Comparando a escravidão deste período com aquela realizada 
na Antiguidade o elemento que mais se destaca é: 
Certo na Antiguidade a escravidão era praticada contra os povos derrotados ou elementos da própria população, mas 
que estivessem endividados. Não existia um critério ou justificativa étnica para isso. 
na Antiguidade os povos utilizavam a justificativa étnica para escravizar. Desta forma, aqueles identificados como 
orientais foram subordinados pelos gregos e romanos. 
na Antiguidade um dos elementos mais comuns utilizados para justificar a escravidão era a questão religiosa. 
Aqueles que praticassem uma religião diferente daquela hegemônica poderiam virar cativos. 
na Antiguidade a escravidão utilizava como justificativa a evolução cultural. Povos mais desenvolvidos, que 
possuíssem uma forma mais elaborada de vivência, poderia escolher um grupo ou povo para subordinar e assim, 
"civilizar". 
na Antiguidade a escravidão estava relacionada ao tamanho do Estado. Estados mais frágeis eram naturalmente 
incorporados e sua população transformada, sem resistência, em cativa. 
 
Explicação: 
A questão busca salientar uma importante diferença entre o modelo escravista da Antiguidade e o da Modernidade. No 
mundo antigo, a questão étnica, religiosa ou civilizatória não serviam como justificativa para a prática. A lógica era do povo 
vencedor poder reduzir seu opositor à condição de cativo independente de quaisquer elementos. 
 
4a Questão 
"Durante a Idade da Pedra, a partir da manufatura de instrumentos. Ferramentas de pedra, osso e madeira foram sendo 
aperfeiçoados e, graças a elas, foi possível uma maior exploração dos recursos vegetais e animais." 
HELENE, M.E. M e BICUDO, M.B. Sociedades sustentáveis. São Paulo: Scipione, 1994. p.7 
JHºNJHºN
Realce
De acordo com o texto acima é correto afirmar que: 
 A idade da Pedra é a idade é um período obscuro da história da humanidade. 
Certo A manipulação do meio em que vive ajudou o homem a explorar melhor os recursos que possuía em seu redor. 
 Os seres humanos não desenvolveram habilidades para promover transformações em suas vidas. 
 Os hominídeos não são ancestrais do homem moderno. 
 Os hominídeos não possuíam inteligência que pudessem utilizar na manipulação de objetos. 
 
Explicação: 
O ser humano, a partir da observação e adaptação, conseguiu explorar melhor o ambiente. Ele consegue manipular o meio 
ambiente e utilizar de forma mais produtiva os recursos de que dispõe. 
 
5a Questão 
¿O aparecimento do homem sobre a terra é indicado pelos instrumentos que ele faz. Para obter alimento e abrigo, os 
homens fabricaram instrumentos (ferramentas) com que supriam as suas deficiências corporais. A princípio, utilizavam-se 
de lascas de madeira, pedra ou osso, obtidos à mão, para recolher o alimento: eram facas, machados e enxós bastante 
primitivos¿. AQUINO, Rubim Santos Leão de. História das sociedades: das comunidades primitivas às sociedades medievais. 
Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico, 1980. P. 64. Assinale a alternativa que completa a afirmação: Os grupos humanos 
característicos do período a que se refere o texto¿ 
 já conheciam a divisão do trabalho e a propriedade privada. 
 eram caçadores, pescadores, coletores e agricultores. 
 já haviam domesticado alguns animais e plantas. 
Certo eram caçadores, pescadores, coletores. 
 dividiam-se socialmente em classes de acordo com a posse da terra, as ferramentas e os animais domésticos. 
 
Explicação: 
O período citado no texto, refere-se ao Paleolítico. Desta forma, a maneira utilizada pelos homens para sobreviver era 
aquela que explorava os recursos da natureza; os homens eram caçadores, pescadores, coletores. 
 
6a Questão 
"O fato é que uns e outros eram caçadores e, embora se acredite agora que ocasionais experiências de agricultura tenham 
ocorrido antes, a data-chave para a grande revolução situa-se 10 mil anos atrás. Só nessa época é que o homem teria se 
iniciado sistematicamente como agricultor, mudando sua História, alterando sua relação com a natureza, passando de 
JHºNJHºN
Realce
JHºNJHºN
Realce
simples consumidor a produtor, e de paciente a agente transformador da natureza." (PINSKY, Jaime. As primeiras 
civilizações. São Paulo: Editora Contexto, 2011, p.42) 
O texto acima descreve as mudanças observadas pela humanidade no período identificado como Revolução Neolítica. 
Acerca deste período, podemos afirmar que: 
o desenvolvimento da agricultura e da domesticação de animais não trouxe qualquer mudança para os homens do 
período. Ainda eram vulneráveis e nômades. 
Certo o desenvolvimento da agricultura e da domesticação de animais trouxe "facilidades" para a