A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
26 pág.
Apanhadão de libras

Pré-visualização | Página 3 de 9

R: E (vermelho – dedo na boca sinalizando os lábios) 
 
53- Marcela viaja em lua de mel. Qual o sinal do estado civil de Marcela? 
 
R: C 
 
54- Para que o ILS seja um profissional sem vínculo voluntário, ele precisa: 
I – Gostar dos surdos e de estar junto deles. 
II – Estar atualizado com os acontecimentos gerais. 
III – Ser fluente na língua de sinais. 
IV – Ter amigos surdos. 
V – Ter conhecimento sobre a surdez. 
As afirmativas corretas são: 
c) II, III e V 
 
55- O Decreto 5626, que regulamentou a Lei 10.436/02, definiu formas institucionais para o uso e 
a difusão da Libras e da Língua Portuguesa, visando ao acesso das pessoas surdas à educação. 
O Decreto trata ainda da: 
I. Institucionalização da Libras. 
II. Inclusão da Libras como disciplina curricular nos cursos de Pedagogia, letras e Fonoaudiologia. 
III. Inserção de novos sinais à Libras. 
IV. Formação de instrutores surdos e tradutores e intérpretes de Libras / Língua portuguesa. 
V. Obrigatoriedade do ILS em todos os níveis escolares. 
As afirmativas corretas são: 
a) I, II e IV. 
 
56- 
 
Resposta: A 
 
57- Qual o sinal correspondente a cor da rosa 
 
R: mão abre e fecha 
 
58- A fonologia das línguas de sinais estuda as configurações e movimentos dos elementos 
envolvidos na produção dos sinais. Portanto, a estrutura lingüista da formação do sinal constitui-se 
de: 
d) Configuração de mão, ponto de articulação, movimento, orientação e expressões não manuais. 
 
59- Conforme o Decreto 5626/2005 (Cap. Iv, Art. 14), as escolas devem ser providas com os 
seguintes profissionais: 
I – Professor de Libras ou instrutor de Libras. 
II – Tradutor e Intérprete de Libras – língua portuguesa 
III – Professor para o ensino de língua portuguesa como segunda língua para pessoas surdas. 
IV – Professor de sala de recursos para atuar também em sala de aula regular. 
V – Professor regente de classe com conhecimento acerca da regularidade linguística manifestada 
pelos alunos surdos. 
Assinale a alternativa correta: 
d) Estão corretas somente as alternativas I, II e IV. 
 
60- O alfabeto manual é: 
b) Apenas um recurso utilizado para soletrar nomes próprios e empréstimos lingüísticos do 
português. 
 
61- As línguas de sinais utilizam as expressões faciais e corporais para estabelece tipos de frases, 
como as entonações na língua portuguesa. 
 
A frase acima está na forma: 
b) Exclamativa 
 
62- Das crescentes críticas ao oralismo e de pesquisas sobre as línguas de sinais nasce a 
“comunicação total”, uma proposta pedagógica para a educação de surdos que ganhou impulso 
nos anos 70. Sobre a comunicação total, é correto afirmar que: 
I – Corresponde a um conjunto de recursos comunicativos, tais como sinais, leitura orofacial, 
amplificação de som e alfabeto digital. 
II – Os sinais utilizados nessa prática pedagógica correspondem, exclusivamente, à língua de sinais 
usada pela comunidade surda. 
III – A partir das experiências relatadas por alunos surdos, pode-se afirmar que muitas foram as 
maneiras de realizar essa prática. 
IV – Estudos realizados para verificar sua eficácia indicam que, embora alguns resultados positivos 
tenham sido alcançados, muitos surdos ainda apresentavam sérias dificuldades em expressar 
sentimentos e idéias, problemas graves quanto à escrita, entre outros. 
Estão corretas as afirmativas: 
b) I, III e IV 
 
63- As decisões tomadas no Congresso de Milão determinaram o fim do uso de qualquer gesto ou 
sinal, nos países que participaram do Congresso, no trabalho educacional com as pessoas surdas. 
De acordo com esse fato histórico, é correto afirmar que: 
I – A partir do Congresso de Milão, o oralismo foi o referencial assumido e as práticas educacionais 
vinculadas a ele foram amplamente desenvolvidas e divulgadas. 
II – Com o Congresso de Milão termina uma época de convivência tolerada NE educação dos 
surdos entre a linguagem falada e a gestual e, em particular, desaparece a figura do professor 
surdo, que, até então, era freqüente. 
III – A abordagem oralista na educação dos surdos não foi, praticamente, questionada por quase 
um século. 
IV – O oralismo como prática educaional revolucionou a educação de surdos, trazendo-lhes 
somente benefícios. 
As afirmativas corretas são: 
d) I, II e III. 
 
64- O alfabeto manual representa letras do alfabeto em Português por meio de configurações de 
mãos específicas. No entanto, a língua de sinais é muito mais ampla e complexe do que o uso 
simplificado deste recurso, apresentando gramática e regras próprias para promover a interação 
entre surdos-surdos e surdos ouvintes sinalizadores. 
Em qual das alternativas encontra-se a palavra professor? 
 
R: A 
 
65- Considere a citação abaixo: 
“É impossível para aqueles que não conhecem a língua de sinais perceberem sua importância para 
os surdos, sua enorme influência sobre a felicidade moral e social dos que são privados da audição 
e sua maravilhosa capacidade de levar o pensamento a intelectos que de outra forma ficariam em 
perpétua escuridão. Enquanto houver dois surdos no mundo e eles se encontrarem, haverá o uso 
de sinais.”(J. Schuylerhong). 
Com base na abordagem bilíngüe da surdez, assinale a alternativa correta: 
b) A surdez é um conceito que abrange déficits sensoriais e cognitivos elevados, caracterizando-
se como patologia, sendo o tratamento realizado por médicos. 
 
66- A partir do reconhecimento da libras em todo o território nacional, são vários os profissionais e 
instituições especializados que participam do processo educacional da educação dos surdos, entre 
eles: 
I – Intérprete de Libras/Língua portuguesa – Profissional com competência lingüística em 
Libras/língua portuguesa, que atua no contexto do ensino regular no qual há alunos surdos 
matriculados. 
II – Instrutor surdo de Libras – Profissional surdo que atua em serviços especializados, 
desenvolvendo atividades relacionadas ao ensino e à difusão da Língua Brasileira de Sinais – 
Libras e de aspectos socioculturais da surdez na comunidade escolar. 
III – Escola Especial para surdos – Serviço especializado com proposta pedagógica de educação 
bilíngüe que oferece escolarização não formal. 
IV – Instituições especializadas – Serviço especializado que oferece atendimento educacional e/ou 
de natureza terapêutica (Psicologia e Fonoaudiologia, entre outros), para alunos surdos 
matriculados na Educação Básica. 
V – Intérprete de Libras – ele substitui a figura do professor em relação à função central na 
mediação do processo de aprendizagem. Sua atuação é mediar a comunicação entre surdos e 
ouvintes, nas diferentes situações de aprendizagem e interação social. 
Estão corretas as afirmativas: 
d) I, II, IV e V 
 
67- Sem a audição a criança tende a se afastar do seu meio ambiente, o que pode ocasionar: 
a) A aparência de criança retardada com distúrbios emocionais e de aprendizagem. 
 
68- Na língua de sinais, como é marcado o gênero? 
b) Com acréscimo do sinal de homem ou de mulher para indicar pessoas ou animais. 
 
69- As causas da deficiência auditiva sensório-neural podem ser: 
d) Drogas ototóxicas, causas perinatais, causas pré-natais e rubéola. 
 
70- Quais são as implicações da interação precoce das crianças surdas com adultos surdos, 
usuários da língua de sinais? 
a) O contato com adulto surdo usuário da língua de sinais favorece a criança a construir sua própria 
identidade. 
 
71- Quais são os conceitos sobre língua de sinas na proposta de educação bilíngüe para surdos? 
I – A língua de sinais é considerada a língua natural da pessoa surda. 
II – As crianças, quando expostas à língua de sinais, apresentam desenvolvimento semelhante à 
criança ouvinte. 
III – A linguagem de sinais é só um meio para o surdo aprender o português. 
IV – A língua portuguesa é tida como segunda língua para o surdo. 
Estão corretas as afirmativas: 
d) I, II e IV 
 
72- É de fundamental importância

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.