comunicação empresarial

comunicação empresarial


DisciplinaConcreto I7.634 materiais60.619 seguidores
Pré-visualização23 páginas
Origens da consultoria empresarial P1
O conceito de consultoria, embora possa parecer relacionado à Modernidade, remonta aos primórdios de nossa história. 
A atividade de consultoria representa uma das mais antigas profissões, como os conselheiros de monarcas. Há séculos, pessoas têm doado seu auxílio e opiniões, sendo sua principal recompensa de caráter psíquico: a sensação de utilidade e o sentido de benemerência.
Diversos registros antropológicos apontam a adoção de guias e conselheiros como um ponto em comum entre as mais antigas e diversas sociedades humanas. Esses guias advertiam e aconselhavam suas respectivas comunidades acerca de várias questões como caça, agricultura, guerra e relacionamentos.
É apenas no começo do século XX que a consultoria evolui para a atividade profissional bem definida e caracterizada como hoje a conhecemos. Na Europa Ocidental e nos Estados Unidos, ao longo das décadas de 1940 e 1950, pudemos observar grandes avanços na organização do trabalho da consultoria, que passa a se basear em práticas técnicas e científicas em busca de soluções práticas. Podemos, assim, concluir que a consultoria corresponde ao emprego da experiência e do conhecimento de um indivíduo em benefício de um objetivo humano. No âmbito empresarial, a consultoria é o serviço de suporte a administradores ou proprietários de empresas, visando auxiliar no processo de tomada de decisões que apresentam grande influência sobre os resultados da corporação.
O grande objetivo da consultoria é definir a alternativa de ação mais apropriada em um ambiente corporativo com diversos riscos, competidores e incertezas.
Tendências da consultoria
O ramo da consultoria empresarial vem se desenvolvendo muito intensamente em todo o mundo. No Brasil, podemos observar a expansão desse setor a partir dos anos 1960, motivada, principalmente, pelo crescimento empresarial no país e pela demanda de profissionais especializados diante da concorrência crescente entre as corporações, decorrente da globalização econômica. Os avanços da consultoria empresarial constituem um processo irreversível e constante. Para obter êxito nesse mercado auspicioso, contudo, é fundamental conhecer algumas das mais relevantes tendências da consultoria empresarial. Vamos analisá-las separadamente a seguir.
Crescimento da consultoria ocasionado pela necessidade de inovações e novas informações em um cenário econômico cada vez mais globalizado
Diante de uma economia globalizada, as empresas buscam investir na chamada tecnologia do conhecimento, atentando ao processo de solidificação de inovações. Podemos definir inovação como a habilidade de notar, planejar, organizar e lidar com novas realidades. Esse processo é essencial para as corporações que vivenciam a globalização econômica.
As empresas precisam se manter conectadas às novas técnicas e operações administrativas do meio empresarial, e isso gera a necessidade de contar com bons consultores para guiá-las nesse novo contexto.
Constantes e rápidos avanços tecnológicos, que forçam a corporação a adaptar-se continuamente.
Elaboração do futuro, que obriga a empresa a apresentar negócios, mercadorias, serviços e processos em geral cada vez mais dinâmicos e desenvolvidos.
Globalização, levando a entidade a aprimorar sua qualidade técnica, operacional e administrativa.
Conhecimento sustentado, que é um fator de forte demanda empresarial por ser uma grande vantagem competitiva, caso a empresa seja capaz de perceber, alcançar e empregar tal conhecimento.
Responsabilidades sociais e ambientais, que levam a empresa a manter-se sempre atualizada a respeito dos vários elementos que a cercam.
Crescimento da demanda de consultoria para as corporações estabelecerem suas vantagens competitivas
Podemos definir vantagem competitiva como determinado atributo de uma mercadoria ou serviço que faz consumidores e mercado adquiri-lo, deixando a concorrência para trás. Uma vantagem competitiva deve apresentar os seguintes atributos:
Sustentação, relacionando-se com os demais sistemas administrativos da entidade e apresentando alto padrão de qualidade.
Durabilidade, perpetuando-se para gerar uma personalidade à corporação e seus serviços, negócios e produtos.
Realidade, sendo reconhecida pelo mercado consumidor.
Estabelecer e fortalecer uma vantagem competitiva de determinada empresa é o mais importante desafio de um consultor.
Consultoria e terceirização estratégica
O atual ambiente empresarial, caracterizado pela crescente competição e por clientes cada vez mais exigentes quanto à qualidade, à tecnologia e ao preço dos produtos e serviços, leva os gestores à busca de novos métodos e práticas que auxiliem no complexo gerenciamento organizacional. Surge, assim, a terceirização estratégica, com as empresas tendendo a se concentrar cada vez mais em suas atividades básicas.
As corporações têm, cada vez mais, recorrido à terceirização como meio de delegar tarefas consideradas periféricas a seu principal negócio, dedicando, assim, maior energia e tempo aos fatores que agregam valor a seus serviços e mercadorias. 
A terceirização representa, portanto, a delegação a terceiros de tarefas que não pertencem ao núcleo tecnológico dos serviços e produtos da empresa.
Diante desse novo cenário, cabe ao profissional de consultoria orientar a empresa-cliente nesse processo, auxiliando-a a decidir quando e quais serviços devem ser terceirizados, sempre visando reduzir custos, aumentar a qualidade dos produtos e serviços oferecidos, otimizar o tempo empregado nas atividades e alcançar maior competitividade no mercado.
Ter Crescimento da demanda de consultoria, buscando uma melhoria contínua sustentada
A chamada melhoria contínua sustentada representa um esforço em aprimorar o processo operacional e administrativo, tornando-o cada vez mais competente e estimulador dos resultados corporativos, otimizando o emprego dos recursos existentes.
Todo serviço de consultoria deve focar o estabelecimento de um processo de qualidade total na empresa em questão. 
Assim sendo, a consultoria precisa adotar os seguintes princípios básicos de controle de qualidade empresarial:
atenção ao mercado consumidor;
desenvolvimento e gestão de pessoal;
planejamento e administração de processos;
pesquisa e identificação de negócios novos relevantes para a empresa-cliente;
auxílio determinante para que a empresa-cliente alcance os objetivos delineados;
fornecimento de informações e participação ativa no processo de análise, tomada de decisão, execução e avaliação de todas as atividades da empresa-cliente;
efetivação das lideranças empresariais;
relação com elementos estratégicos e colaboração com o processo de planejamento estratégico.
A consultoria e o apoio à fusão empresarial
Há alguns anos vem se observando uma tendência de grandes fusões entre empresas de consultoria, especialmente entre aquelas que se dedicam ao setor de auditoria. Esse fato tem gerado dúvidas e questionamentos de mercado a respeito dos benefícios efetivos para as empresas-cliente, cabendo a tais megaempresas, então, demonstrar as vantagens que podem oferecer.
Mundial
Consultoria internacionalizada
A globalização econômica que o mundo atual vivência tem gerado um constante aumento de abertura de novas empresas de consultoria em vários países. O intercâmbio de tecnologias entre profissionais de diversas nações, oriundo dessa nova realidade, possibilita a promoção profissional dos consultores, aprimorando, ainda, a qualidade dos serviços de consultoria. Essa interação, entretanto, pode ser prejudicada por choques culturais e dificuldades de compreensão do contexto social e econômico de cada país.
Crescimento da quantidade de universidades e professores que oferecem serviços de consultoria
Apesar da distância existente entre instituições de ensino superior \u2013 especialmente as de administração \u2013 e o meio empresarial, há uma importante tendência nesse sentido.
Hoje, muitas dessas instituições oferecem às empresas-cliente