Histologia do tecido conjuntivo e adiposo (2)

Histologia do tecido conjuntivo e adiposo (2)


DisciplinaHistologia I17.124 materiais233.783 seguidores
Pré-visualização1 página
Histologia do tecido conjuntivo e adiposo.docx
Histologia: tecido conjuntivo
Funções:
-Formado por matriz extracelular abundante e vários tipos celulares especializados (São todos os elementos que estão compondo a matriz do tecido).
-Suporte estrutural para órgãos (estroma).
-Preenche espaços não ocupados por outros tecidos (conexão).
-Apoia e nutre os epitélios (sangue-tecido).
-Envolve nervos, músculos e vasos.
-Processo de cicatrização (tec. De granulação, pelos fibroblastos).
-Permite considerável liberdade de movimento.
-Defesa (macrófagos).
-Estocagem de gordura.
Matriz extracelular (MEC)
· Formado por fibras, substancia fundamental amorfa e células.
· Matriz fibrilar
-Fibras colágenas: 
· Proteína + abundante (30%)
· Resistente a tração e confere resistência a pele evitando lesões.
· Formam fibras de ancoragem.
· Sintetizadas por fibroblastos 
· Pro colágeno \u2013 colágeno primitivo vai ser lançado no compartimento extracelular, onde vai se associar com outros pro colágenos, formando os tropocolágenos. Posteriormente as fibrilas de tropocolágeno vao se organizar em feixes formando a fibra colágena e depois os feixes de fibras colágenas.
· Tipos de colágeno
-Colágeno tipo 1: Pele, ossos, tendões, ligamentos, fáscias, dente, córnea (formam fibras e feixes de fibras). + resistente
-Colágeno tipo 2: cartilagens (Só forma fibrilas).
-Colágeno tipo 3 ou fibra reticular: Tecidos fetais, estroma e glândulas, órgãos linfoides e hematopoiéticos (cora por prata \u2013 forma fibrilas e fibras). Manutenção dos órgãos 
- Colágeno tipo 4: Membrana basal dos epitélios, vasos e célula muscular lisa (não formam fibrilas, formam rede).
-Colágeno tipo 5: Membrana basal de epitélios (formam redes de ancoragem).
 
-Fibras elásticas: 
· permitem a retomada da pele ao formato original após a esticada da pele. 
· Delgadas, sem estriação longitudinal
· Podem formar malhas 
· Composta por elastina (elasticidade e resistência a degradação-exceto elastase) e fibrotúbulos 
-Fibras reticulares( colágeno tipo 3 e glicoproteínas )
· ligam o tecido conjuntivo aos tecidos vizinhos (órgãos que tem relação com o sangue).
· Fibras colágenas finas e delicadas
· Rede extensa em certos órgãos 
· Formadas por colágeno tipo 2 , com alto teor de glicosilação e associa-se a glicoproteínas e proteoglicanos
· Síndrome de Ehlers-Danlos tipo 4 (falta o 3): ruptura dos vasos do intestino.
Obs: três síndromes para pesquisa
- Síndrome de Ehlers-danlos: hiper-extensividade da pele e junções 
- Osteogenesis imperfecta: Defeitos ósseos
- Escorbuto: Deficiência de vitamina C leva alterações da enzima propil hidroxilase (hidroxiprolina) 
Matriz não fibrilar (substancia fundamental)
-Colágenos não fibrilares.
-glicosaminoglicanos livres ( ácido hialuronico- viscosidade)
-proteoglicanos (proteína+gags).
-fatores solúveis.
-Enzimas: proteaseses e glicoronases.
-formada por moléculas orgânicas 
-atua como lubrificante e como barreira contra microosganismos. 
Glicosaminoglicanos (GAGS)
· Polímeros longos de açúcares não ramificados
· Ácido hialuronico \u2013 se deposita no tecido conjuntivo e preenche as lacunas, dando volume ao tecido.
· \u201cO proteoglicano vai ser a haste e o gags seriam as cerdas\u201d (escova de mamadeira)
Proteoglicanos 
· Funções: reter fatores de crescimento bfgf , barreira de filtração nas membranas basais (rins).
Glicoproteinas de adesão 
· São aquelas que estão associadas muitas vezes com as fibrilas ou com as fibras reticulares formando uma substancia gelatinosa (coloide) - facilitando sua adesão.
Obs: O sangue vai vir muito concentrado em relação ao tecido por isso que os solutos passam dos vasos para o tecido \u2013 na porção dos capilares.
A medida que o sangue vai liberando seus solutos e vai chegando nas vênulas na forma hipotônica (menos concentrado), porém o tecido tem alta concentração de resíduos e gás carbônico e esses solutos acabam sendo transportados por difusão a favor do gradiente de concentração, tendo assim a absorção de nutrientes e liberação de excretas.
· Fluido tissular: contém uma pequena porcentagem de proteínas plasmáticas , as quais passam através da parede dos capilares para os tecidos adjacentes como resultado da pressão hidrostática do sangue. 
As células 
· As células mesenquimais (célula originada a partir da mesoderme) vão se diferenciar em fibroblastos e células adiposas.
Fibroblastos 
· Produz a matriz extracelular (proteínas colágenas, elásticas, além dos glicosaminoglicanos e proteoglicanos).
· Tambem produzem fatores de crescimento, que controlam o crescimento e diferenciação celular.
· São as células mais comuns do tec.conjuntivo e são capazes de modular sua capacidade metabólica, a qual vai refletir em sua morfologia. 
· Amadurece, transformando-se em fibrócito. É responsável pela síntese de colágeno tipo 1. 
· Produz substancia intercelular e origina células de outros tecidos conjuntivos, sendo responsáveis pela regeneração. 
 Mastócitos e a reação alérgica: 
· Os grânulos são constituídos de heparina (substancia anticoagulante) e de histamina (processo alérgico). Essa última substancia é liberada em ocasiões de penetração de certos antígenos no organismo, e seu contato com os mastócitos desencadeiam o consequente processo alérgico. 
Leucócitos 
Obs: diapedese- processo de migração dos leucócitos (glóbulos brancos) do sangue para os tecidos. Depois que reestabelecem a homeostase esses leucócitos forem apoptose \u2013exceto os linfócitos, pois tem função de maturação de outros linfócitos nos órgãos linfoides. 
Tipos de tecidos conjuntivos 
Frouxo
· Contém todos os elementos estruturais típicos, porém sem predominância
· As células mais númerosas são os fibroblastos e macrófagos 
· Possui consistência delicada, flexível, bem vascularizada e não é resistente a trações.
Denso
· Adaptado para fornecer resistência e proteção 
· Formado pelos mesmo componentes, porém existem menos células e muita fibra colágena tipo 1 .
· Menos flexível e mais resistente a tração 
Denso não modelado: pobre em células colágenas e rico em colágeno (camada reticular da pele) \u2013 feixes desorganizados.
Denso modelado: fibras paralelas e compactas de caráter resistente e pouco elástica ex: tendões e ligamentos \u2013 feixes organizados.
Obs: tecido mucoso
-possui consistência gelatinosa 
-principais células são fibroblastos
-é o principal componente do cordão umbilical 
Tecido adiposo 
Histogênese do tecido adiposo 
· Originado da mesoderme 
· Células adiposas = adipócitos 
· Maior deposito de energia do corpo (triglicerídeos)
· Tecido vascularizado
· Subs. Intercelular reduzida 
· Tela subcutânea \u2013 hipoderme 
Funções:
· Reserva energética 
· Preenchimento
· Modela a superfície corporal
· Contra choques mecânicos 
· Isolamento térmico
· Produção de calor em recém nascidos e animais hibernantes 
· Função endócrina: leptina 
- controle do apetite
- pessoas obesas geralmente não reconhecem a leptina, sendo essa a causa do aumento da fome. 
Obs: 
Branco: vísceras, produz atp e calor
Marrom: regula a produção de calor e temperatura.
Obs 2:
1-hipertrofia 
2-hiperplasia