A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
31 pág.
Dermatopatologia Aplicada a Estética

Pré-visualização | Página 4 de 7

excessivo de açúcar. 
	4) Relacione as colunas de acordo com as regiões acometidas pelas rugas e, em seguida, assinale a alternativa que apresentar corretamente a sequência numérica da segunda coluna:
		(1) Região Frontal
	(   ) famoso código de barras. O processo ainda é completado pela flacidez nos cantos dos lábios. É comum o surgimento destes sinais a partir dos 50 anos.
	(2) Região Orbicular
	(   ) aparece primariamente de maneira vertical, em torno dos 30/40 anos, com o passar do tempo, em torno dos 50 anos, surgem as rugas horizontais que são consequência dos depressores dos supercílios.
	(3) Região Glabelar
	(   ) aparece em torno dos 25 até os 28 anos por ação dos músculos frontais. Em torno dos 40 anos elas aumentam não apenas sua profundidade mas também aumentam em quantidade, especialmente no centro da testa, isto se dá porque também ao longo dos anos os movimentos são feitos mais repetidas vezes.
	(4) Região Perioral
	(   ) surge ao redor dos olhos em torno dos 28 anos. As pálpebras superiores sofrem queda (ptose) lateral aumentando a quantidade de pele sobre os olhos e diminuindo desta maneira a abertura dos olhos.
	(5) Região Nasal
	(   ) com a degeneração lenta das cartilagens há queda da porção móvel, consequentemente ocorre alongamento da estrutura. Este processo ocorre ao longo de toda a vida.
	 
	 
	 
 
		
	 
	4; 3; 1; 2; 5
	
	4; 3; 5; 1; 2
	
	5; 2; 3; 4; 1
	
	3; 2; 1; 4; 5
	
	1; 3; 2; 5; 4
	
	
	5) Fatores exógenos e endógenos podem influenciar no aparecimento de rugas e ptoses. Marque a opção correspondente aos fatores que se encaixam naqueles que favorecem ao quadro:
		
	
	Fumo, exposição solar, aplicação de cosméticos.
	 
	Poluição, consumo excessivo de açúcar e exposição solar.
	
	Falta de cuidados com a pele, reposição hormonal de estrgênio nas mulheres, poluição.
	
	Aplicação de cosméticos, consumo excessivo de açúcar, fumo.
	
	Genética, exposição solar, uso de protetor solar em creme.
	
	
	6) Sobre as rugas marque a alternativa INCORRETA:
		
	
	As rugas gravitacionais também são conhecidas como ptoses e apresentam aspecto flácido.
	
	As rugas estáticas podem ser tratadas com recursos estéticos utilizados pelos profissionais esteticistas.
	
	Rugas estáticas e dinâmicas apresentam aparências iguais mas a identificação de cada tipo é indispensável para o tratamento adequado.
	
	São influenciadas por fatores endógenos e exógenos, sendo este últimos passíveis de controle.
	 
	As rugas dinâmicas independem do movimento e por isto são mais difíceis de serem tratadas.
Aula 6
	1) As discromias são alterações na pigmentação da pele. As efélides e as manchas senis estão entre as discromias que mais levam nossos pacientes se submeterem aos tratamentos estéticos. Sobre as dicromias marque a ALTERNATIVA CORRETA:
		
	 
	As efélides são manchas hipercrômicas características de pessoas claras e que aumentam com a exposição solar.
	
	As manchas senis são consequências da exposição solar em peles maduras.
	
	As hipopigmentações são manchas que ocorrem nas regiões do tronco e tem como sua principal característica a alta melanogêse.
	
	Uma vez manchada nunca mais a pele deixará de apresentar esta alteração por isto os tratamentos estéticos se tornam desnecessários nestes casos.
	
	As hiperpigmentações são caracterizadas pelo estímulo exagerado dos melanócitos, levando estas células a entrarem em colapso e por isso cessarem a produção de melanina.
	2) A rosácea é uma alteração pouco conhecida mas que em muito prejudica quem sofre com o quadro. Sobre a rosácea marque a ALTERNATIVA ERRADA:
		
	
	O tratamento empregado varia com o estágio e a gravidade da doença.
	
	A pele do paciente com rosácea é extremamente sensível a produtos químicos e físicos.
	
	Bebidas alcoólicas, exposição solar, vento, frio e ingestão de alimentos quentes são agravantes para o quadro.
	
	Não há cura para a rosácea.
	 
	Agentes antimicrobianos e calmantes devem ser evitados devido à sensibilidade da pele.
	
	
	3) A rosácea é uma doença que atinge em torno de 10% da população. Trata-se de uma alteração vascular inflamatória crônica, com reicidivas e exaceRbações frequentes. Dentre as características comuns nesta alteração qual NÃO se encaixa:
		
	 
	Boca seca
	
	Flushing facial
	
	Telangiectasias
	
	Possível edema facial 
	
	Rinofima
	4) Sobre o melasma, marque a alternativa que NÃO se encaixa as suas características:
		
	
	As manchas da melasma aparecem mais comumente em áreas fotoexpostas
	 
	As máculas de melasma se apresentam assimétricas.
	
	O melasma se apresenta com características bilaterais.
	
	A mancha de melasma se apresenta com contornos regulares e limites nítidos.
	
	O melasma se apresenta como máculas acastanhadas mais ou menos escuras que o tom da pele.
	5) O processo que leva ao aparecimento de manchas é bastante complexo. São quatro as vias que levam a produção exacerbada de melanina. Sobre estas vias, julque as alternativas como verdadeira (V) ou falsa (F) e assinale a alternativa que contenha a sequência correta.
(   ) Via neurócrina -  o sistema nervoso capta a informação vinda da radiação solar e a envia ao melanócito que para proteger a pele produz melanina.
(   ) Endócrina - quando os hormônios estimulam o processo de melanogênese.
(   ) Efeito parácrino - os queratinócitos, por algum estímulo, enviam ao melanócito ineficiente e por isto os próprios queratinócitos passam a produzirem melanina de maneira exagerada.
(   ) Pós inflamatório - o melanócito observa que o organismo está inflamado, a partir daí é sensibilizado e com isto produz excesso de melanina
(   ) A cada inflamação, por qualquer motivo, a produção de melanina é aumentada e o melanócito nunca mais volta a produzir a quantidade normal de melanina, podendo apenas apresentar uma pele cada vez mais manchada.
		
	
	F; F; V; V; F
	
	F; V; F; V; V
	
	V; F; F; V; F
	
	F; V; V; F; V
	 
	V; V; F; V; V
	6) A proteção solar e o conhecimento de tudo que diz respeito a este assunto é indispensável aos profissionais da área estética uma vez que a fotoexposição leva a uma série de afecções características da estética. Baseado nos conhecimentos em relação à radiação solar marque a ALTERNATIVA ERRADA:
		
	 
	A radiação UVB é a responsável por causar envelhecimento, rugas, manchas e câncer de pele.
	
	A radiação UVA é protegida através do PPD - Persistent Pigmented Darkening presente, obrigatoriamente, nos protetores solares.
	
	As radiações solares são compostas pelas radiações ultravioletas A, B e C. A radiação UVC apesar de ser alta fica praticamente toda retida na camada de ozônio.
	
	Parte da radiação UVB fica retida nos vidros e na roupa.
	
	É o Fator de Proteção Solar - FPS presente nos protetores solares que protegem a pele contra a radiação UVB.
Aula 7
	1) O fibroedemagelóide (FEG)é uma disfunção que atinge de 85% a 95% das mulheres após a puberdade, em todas as etnias. Sobre as características do FEG marque a ALTERNATIVA CORRETA:
		
	
	As regiões mais acometidas pelo FEG são: nádegas e braços.
	 
	Fibroedemagelóide é uma infiltração no tecido conjuntivo que produz uma reação fibrótica consecutiva. Sendo assim podem ser encontradas a fibrose e o edema que acometem o tecido conjuntivo da derme e o tecido adiposo subcutâneo.
	
	Trata-se de uma alteração inestética que incomoda muito mas não é capaz de gerar prejuízos fisiológicas e/ou estruturais do sistema tegumentar.
	
	O FEG pode se apresentar com aspecto de casca de laranja. Mas esta é uma característica do FEG grau IV.
	
	As mulheres são menos acometidas pelo FEG pois possuem o tecido mais espesso e por isto mais resistentes.
	2) O fibroedemagelóide pode ser classificado quanto à sua consistência. Sobre o FEG duro, é correto afirmar que: 
		
	
	Acomete, principalmente mulheres idosas e com quadros de edema de membros inferiores.
	
	É comum em indivíduos com mais de 30 anos que perderam peso sem atividade muscular associada, sedentários e com massa muscular