A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
31 pág.
Dermatopatologia Aplicada a Estética

Pré-visualização | Página 5 de 7

pouco desenvolvida.
	
	É comum em mulheres de qualquer faixa etária ou peso, com desequilíbrios circulatórios que possam gerar edema e que são usuárias de métodos contraceptivos à base de hormônios.
	 
	Afeta principalmente indivíduos jovens, ativos fisicamente e com músculos definidos. Há grande espessamento da pele e uma conformação bastante regular e uniforme da pele mas, após realizar a palpação na região acometida apresenta mobilidade.
	
	É encontrado em diferentes partes do corpo e representa variações do  FEG em um mesmo indivíduo.
	3) Dentre os vários fatores que favorecem o quadro de FEG quais não se encaixam?
		
	
	Tabagismo e etilismo
	 
	Rompimento das fibras elásticas
	
	Sedentarismo
	
	Posturas corporais
	
	Estrógeno
	
	
	4) Em relação a avaliação do FEG marque a ALTERNATIVA INCORRETA:
 
		
	
	Durante a palpação é comum o paciente sentir dor.
	
	Os diferentes graus e consistências de FEG encontrados na avaliação requerem diferentes tratamentos.
	
	É na inspeção que é possível identificar o grau de acometimento do FEG.
	
	A palpação é importante para que seja possível avaliar a temperatura e a textura da pele.
	 
	O Teste de Casca de Laranja é o teste onde o paciente realiza contração muscular voluntária da área avaliada.
	5) Sobre o tecido adiposo marque a ALTERNATIVA FALSA:
		
	
	As bolsas adiposas duplas são constituídas de duas camadas de tecido, tecido adiposo superficial e tecido adiposo profundo. As bolsas adiposas podem ou não estar associadas a flacidez tissular.
	
	Os adipócitos são células específicas para armazenar lipídios, sem que essa função comprometa a sua estrutura e a sua integridade funcional.
	 
	Algumas pessoas apresentam hipertrofia adipocitária, popularmente chamada de gordura flácida; outras apresentam lipedema, popularmente chamada de gordura dura.
	
	Existem três maneiras de diminuir a adiposidade localizada lipólise, necrose e apoptose.
	
	As bolsas adiposas simples são constituídas de apenas uma camada de tecido adiposo e são encontradas nas regiões subaxilar, de tríceps, região abdominal superior parte interna de coxas e culotes.
	6) Apesar de muito indesejado o tecido adiposo desempenha papéis importantes no nosso organismo. Marque a alternativa que NÃO se encaixa como função do tecido subcutâneo:
		
	
	Responsável pelo metabolismo de hormônios que controlam o ritmo da lipólise.
	
	Proteção contra traumas mecânicos.
	
	Isolante térmico.
	 
	Fornecer aporte de oxigênio aos músculos.
	
	Armazenamento calórico.
 
Aula 8
	1) Quanto as localizações de maior incidência do quadro de estrias marque a ALTERNATIVA FALSA:
		
	
	Seios
	 
	Pescoço
	
	Glúteos
	
	Região lombossacra
	
	Abdome
	2) Sobre as diversas características das estrias marque a ALTERNATIVA ERRADA.
 
		
	
	Inicialmente as estrias se apresentam como vermelhas ou arroxeadas, são estrias rubras; após em torno de 1 ano se apresentam com a cor esbranquiçada, são as estrias nacaradas.
	
	As estrias têm aspecto linear, são paralelas e bilaterais.
	 
	Como as estrias se tornam brancas com o tempo, é indispensável que no tratamento haja estímulo dos melanócitos no intuito de pigmentar a lesão.
	
	As estrias são caracterizadas por atrofia tegumentar adquirida que com o passar do tempo tendem a se tornarem mais profundas e largas.
	
	As estrias são perpendiculares ao sentido de maior tensão do tecido tegumentar e acompanham as linhas de clivagem.
	3) Sobre a GLICAÇÃO marque a alternativa ERRADA:
		
	
	A gilcação favorece o quadro de estrias e também o aparecimento de manchas na pele
	
	A glicação também pode estar associada a desidratação da pele.
	 
	Glicação é a destruição da proteína de colágeno
	
	A glicação leva ao comprometimento do funcionamento de todo o tecido tegumentar.
	
	A glicação é causada pelo excesso de açúcares que se une ao grupo das proteínas, de peptídios ou de aminoácidos.
	4) Sobre a flacidez tissular marque a ALTERNATIVA INCORRETA:
 
		
	
	A flacidez tissular é bastante comum em indivíduos de pele madura, em indivíduos que perderam muito peso, em mulheres pós gestação, em indivíduos que fazem uso contínuo de corticoides, ou em indivíduos com alterações hormonais.
	
	A flacidez é caracterizada pela falta de fibras de sustentação da pele (colágeno e elastina).
	 
	A flacidez tissular está associada à flacidez muscular, por isto é indispensável que o paciente se submeta ao tratamento de ambas ao mesmo tempo.
	
	A quantidade de fibras de colágeno e fibras de elastina presentes na derme irão influenciar no quadro de flacidez tissular.
	
	Genética, exposição solar, fumo, consumo de bebidas alcóolicas e alimentação inadequada, em especial o açúcar, são fatores que favorecem o quadro de flacidez tissular.
	5) A etiologia das estrias ainda é bastante controversa. Há impossibilidade de gerar lesões idênticas em animais, o que dificulta a avaliação experimental sobre o assunto. Ainda assim algumas teorias são aceitas. Sobre estas teorias julgue as sentenças como V (para as sentenças verdadeiras),  e F (para as sentenças falsas) e assinale a alternativa que apresente a sequência correta:
(   ) A teoria da predisposição genética sugere que algumas pessoas nasçam sem fibroblastos e que isto seja passado por gerações.
(   ) A teoria que disserta sobre os agentes mecânicos afirma que o estiramento demasiado do tecido cutâneo, em especial o que ocorre repentinamente causa estrias.
(   ) A teoria que fala sobre os fatores endócrinos e bioquímicos diz que os corticoides são grandes causadores de estrias porque estimulam de maneira desorganizada e exagerada a produção de colágeno levando a pele a resistir muito ao estiramento.
(   ) A teoria que fala sobre os agentes mecânicos inclui como fatores causais o período de gestação, a obesidade e a hipertrofia muscular.
 (   ) A teoria que analisa os fatores endócrinos e bioquímicos ainda não está bem explicada mas acredita que alterações cutâneas ocorrem como consequência da ação de hormônios.
		
	
	V; V; F; V; F
	
	F; F; V; V; F
	 
	F; V; F; V; V
	
	F; V; F;V; V
	
	V; V; F; V; V
Aula 9
	1) Sobre o complexo quadro de flacidez muscular
		
	
	No quadro de flacidez muscular os músculos se apresentam frouxos e moles podendo na avaliação serem confundida com flacidez tissular.
	
	É preciso atenção quanto a importância de se tratar flacidez muscular, pois indivíduos jovens apresentam apenas baixo tônus muscular. Com o passar dos anos, indivíduos maduros, evoluem para o quadro de sarcopenia.
	
	A melhor maneira de se evitar e tratar o quadro de flacidez muscular é realizando atividade física.
	 
	A flacidez muscular apesar de atingir estrutura diferente da flacidez tissular deve ser tratada da mesma maneira.
	
	A flacidez muscular ocorre por falta ou por baixa estimulação da contração muscular.
	2) Sobre as fases de CICATRIZAÇÃO do tecido marque a ALTERNATIVA FALSA
		
	
	Na fase de proliferação é quando tem início a recuperação das estruturas lesionadas. Ocorre migração dos fibroblastos e consequente deposição de colágeno e elastina.
	
	É na fase de granulação que os fibroblastos transformam o tecido de granulação em tecido cicatricial a partir da produção de colágeno e epitelização por queratinócitos.
	
	Na fase de proliferação importantes ações ocorrem a partir dos fatores de crescimento que têm a função de estimularem reações biológicas que por sua vez estimulam a reparação e a regeneração da pele.
	 
	Na fase de maturação há aumento da permeabilidade vascular; mediadores bioquímicos migram para a região da lesão, e aumentam a permeabilidade vascular o que facilita a passagem de várias células para a área da lesão.
	
	a Fase inflamatória ou exsudativa  Tem como principal finalidade a limpeza da ferida, com a remoção de tecidos desvitalizados e bactérias.
	
	
	3) Sobre as fibras vermelhas e brancas encontradas nos músculos marque a ALTERNATIVA FALSA.
		
	
	As fibras vermelhas são denominadas fibras de contração lenta.
	 
	As fibras