A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Aula 6 - Nome empresarial

Pré-visualização | Página 1 de 1

Aula 6 – Nome empresarial 
Nome empresarial: 
https://www.youtube.com/watch?v=hsZU_FxB_fU
O nome empresarial é a firma ou a denominação adotada para o exercício de empresa, estando a este equiparada a denominação das sociedades simples, associações e fundações (Artigo 1.155 do CCB) e devendo distinguir-se de qualquer outro já inscrito no mesmo registro (Artigo 1.163 do CCB). Nesse sentido, a inscrição do empresário, ou dos atos constitutivos das pessoas jurídicas, ou as respectivas averbações, no registro próprio, asseguram o uso exclusivo do nome nos limites do respectivo estado (Artigo 1.166 do CCB).
É considerado crime de concorrência desleal usar indevidamente nome empresarial alheio. O nome empresarial não pode ser igual a outro, deve sempre haver uma distinção.
A Firma utiliza o nome ou sobrenome de um ou todos os sócios, que poderá ser abreviado ou não. Jamais designa o objeto social da Sociedade. Via de regra é escolhido o nome do sócio majoritário acompanhado da sigla “& Cia” mais “Ltda.”
Já a Denominação Social designa sempre o objeto da Sociedade acompanhado de uma palavra ou expressão de uso comum. Caso a Sociedade tenha mais de uma atividade para compor a Denominação Social, deverá ser escolhida uma delas. Lembrando que a atividade fim da Sociedade deverá estar presente na Denominação Social.
O nome empresarial não pode ser alienado (Artigo 1.164 do CCB). No entanto, o adquirente de estabelecimento pode, se o contrato o permitir, usar o nome do alienante, precedido do seu próprio, com a qualificação de sucessor (Artigo 1.164, § único do CCB).
O empresário individual deve adotar firma constituída por seu nome, completo ou abreviado, aditando-lhe, se quiser, designação mais precisa da sua pessoa ou do gênero de atividade (Artigo 1.156 do CCB).
No caso da empresa individual de responsabilidade limitada o nome empresarial deverá ser formado pela inclusão da expressão "EIRELI" após a firma ou a denominação social (Artigo 980-A, § 1º do CCB).
A sociedade limitada pode adotar firma ou denominação, integradas pela palavra final "limitada" ou a sua abreviatura (Artigo 1.158 do CCB) sob pena de responsabilidade solidária e ilimitada dos administradores que assim empregarem a firma ou a denominação da sociedade (Artigo 1.158, § 3º do CCB). A firma deve conter o nome de um ou mais sócios e a denominação deve designar o objeto da sociedade, sendo permitido nela figurar o nome de um ou mais sócios (Artigo 1.158, §§ 1º e 2º do CCB).
A sociedade anônima opera sob denominação designativa do objeto social, integrada pelas expressões "sociedade anônima" ou "companhia", por extenso ou abreviadamente, podendo constar da denominação o nome do fundador, acionista, ou pessoa que haja concorrido para o bom êxito da formação da empresa (Artigo 1.160 do CCB).
Aquele que se julgar prejudicado pode a qualquer tempo propor ação para anular a inscrição do nome empresarial feita com violação da lei ou do contrato (Artigo 1.167 do CCB).
Marca: 
É uma expressão que identifica um produto ou serviço com determinadas características, ou que vincula um produto a determinado empresário, produtor ou prestador.
É conferido exclusividade à marca registrada em âmbito nacional. Nenhuma outra empresa poderá ter uma marca igual ou parecida.
Diferença entre nome empresarial e marca
	Nome Empresarial
	Marca
	Registro na Jucesp
	Registro no INPI – Instituto Nacional de Propriedade Industrial
	Abrangência Estadual (art, 1.166 Código Civil)
	Abrangência Nacional
	Registro dura até o fim da empresa
	10 anos.
	Não depende da atividade econômica da empresa. Uma empresa não pode ter o mesmo nome que a outra no mesmo estado, independente da atividade.
	Depende da atividade. É possível ter um Mcdonalds vendedor de cadeiras e um Mcdonalds que vende hambúrguer. 
Título do Estabelecimento: 
Denominações que servem para distinguir o estabelecimento comercial, industrial ou agrícola, ou relativo a qualquer atividade lícita; insígnias são os emblemas ou quaisquer outros sinais destinados ao mesmo fim. Ele não é o nome empresarial, mas pode ter uma parte do nome empresarial.
Ele não tem uma proteção por registro especifico, mas é protegido pelas normas de concorrência desleal. 
É o nome fantasia. 
Insgínia 
É um símbolo ou um emblema que tem como função a identificação do estabelecimento. A insígnea é um sinal distintivo; um detalhe para diferenciar o estabelecimento. 
Ela, assim como o titulo do estabelecimento, não possui registro próprio, sendo protegida pela regras de concorrência desleal. 
Caso a insígnia venha a ter os requisitos para o registro de marca, ela pode ser registrada.