A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
243 pág.
Apostila Auxiliar Veterinário parte 1 (1)

Pré-visualização | Página 1 de 29

SUMÁRIO 
 
 
MERCADO DE TRABALHO E RAMO PET 4 
ATRIBUIÇÕES DO AUXILIAR VETERINÁRIO 8 
ORIGENS DE CANÍDEOS E FELÍDEOS 15 
ORIGEM DOS FELÍDEOS 24 
RAÇA CANINAS 29 
RAÇAS FELINAS 44 
Raças de Gatos 44 
ANATOMIA E FISIOLOGIA BÁSICA 48 
TIPOS DE CRÂNIOS EM CÃES 76 
ANATOMIA CANINA - NOÇÕES BÁSICAS 81 
INFORMAÇÕES ANATOMIA, FISIOLOGIA E COMPORTAMENTO - GATOS 
DOMÉSTICOS 119 
EXAMES COMPLEMENTARES E DE DIAGNÓSTICO 124 
ANÁLISES CLÍNICAS 124 
SANGUE: NOÇÕES BÁSICAS 124 
DIAGNÓSTICO POR IMAGEM 131 
POSICIONAMENTO RADIOGRÁFICO E ANATOMIA RADIOGRÁFICA EM PEQUENOS 
ANIMAIS 135 
Nomenclatura para os posicionamentos 135 
Nomenclatura - Posicionamentos 136 
Radiografia Látero-lateral da Cavidade Abdominal 136 
FARMACOLOGIA VETERINÁRIA 191 
CICLO ESTRAL EM CADELAS 229 
O que é o ciclo estral em cadelas? 229 
Quando começa? 229 
Quais são as 4 fases do ciclo estral em cadelas? 229 
2 
CICLO ESTRAL EM GATAS 230 
MANEJO DE PARTO CADELAS 232 
GATAS 237 
CUIDADOS COM FILHOTES RECÉM NASCIDOS 238 
 
 
 
 
3 
 
MERCADO DE TRABALHO E RAMO PET 
 
 
Dono do afeto de milhares de brasileiros, os animais de estimação 
representam um valioso mercado para vários segmentos de negócios: 
Pet Food (alimento), Pet Vet (medicamentos veterinários), Pet Serv 
(serviços e cuidados com os animais), e Pet Care (equipamentos, 
acessórios e produtos para higiene e beleza). 
O setor cresce consistentemente, ano a ano. Calcula a 
Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de 
Estimação (Abinpet) que o Brasil fature neste ano a cifra de R$ 15,4 
bilhões. Um aumento de 8,3% em relação a 2012, permanecendo em 
segundo lugar em nível mundial, atrás dos Estados Unidos. Em valores 
globais, o setor deverá chegar à marca de U$ 102 bilhões. De 2012 
para 2013, o faturamento de Pet Serv deverá aumentar 24,5%, de Pet 
Food, 4,9%, de Pet Care, 5,2% e Pet Vet, 6,7%. 
Em termos de mercado doméstico, quanto à população de animais 
de estimação, o Brasil se classifica em quarto lugar no ranking mundial: 
a Abinpet estima que são 37,1 milhões de cães, 26,5 milhões de peixes, 
21,3 milhões de gatos, 19,1 milhões de aves e 2,7 milhões de outros 
animais que movimenta o setor. 
Outro mercado de crescimento nesse setor foi o de exportações 
brasileiras, que em 2012 teve alta de 11,7% em relação ao ano anterior. 
Para esse franco desenvolvimento os exportadores contam com o apoio 
de um projeto, fruto de parceria entre a Abinpet e a Agência Brasileira 
de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Parte 
importante dessa expansão é a de empresas que trabalham com 
acessórios para os pets. 
4 
 
 
Mais que boas ideias, o setor exige profissionalismo e inovação 
O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) incluirá na 
Pesquisa Nacional de Saúde – a PNS, encomendada pelo Ministério da 
Saúde – um levantamento para oficializar o número de animais de 
estimação no Brasil. 
Os dados servirão, por exemplo, para que o governo defina 
políticas mais específicas para a saúde animal, como campanhas de 
combate à raiva. Mas ao mesmo tempo terão relevância para todos os 
segmentos do setor, tato na identificação das oportunidades de 
negócios quanto na definição das estratégias comerciais. 
Essas oportunidades estão, basicamente, inseridas entre os 10 
principais itens que compõem os gastos com animais: 
 
● Alimentação 
● Veterinário 
● Medicamento 
● Vacina 
● Banho 
● Tosa 
● Acessórios 
● Hotel 
● Creche 
● Adestramento 
 
Mas elas se inter-relacionam. Ou seja, oferecer a integração dos 
serviços e produtos em espaços unificados nos quais estejam 
5 
disponíveis inovações de base tecnológica também é uma das soluções 
criativas e atraentes para brasileiros que buscam por um tratamento 
especializado para seus animais de estimação. 
É importante que o empreendedor saiba que todo estabelecimento 
que fabrica, manipula, fraciona, comercializa, armazena, importa ou 
exporta produtos veterinários para si ou para terceiros, deve, 
obrigatoriamente, estar registrado no Departamento de Defesa Animal 
da Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura. 
Porém essa não é a única exigência legal para atuar no setor de pets. 
Por isso, se você tem uma ideia e quer atuar no segmento, esteja 
convicto que será necessário desenvolver um planejamento antes de 
começar. O mercado de pet shop, mesmo sendo considerado maduro, 
está em plena ascensão e o distanciamento do profissionalismo e da 
inovação pode custar à manutenção do negócio no mercado. 
 
O Brasil é atualmente o terceiro maior mercado do mundo em 
faturamento no ​setor pet​​, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e 
do Reino Unido, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria 
de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet). 
 
No ano passado, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) 
divulgou que há mais de 50 milhões de cães e 22 milhões de gatos em 
nosso país. Esses dados nos ajudam a entender o sucesso de um dos 
setores que mais crescem no Brasil: o ​mercado pet​​. 
 
 
Mesmo com a crise econômica enfrentada pelo país e a 
contenção de gastos que as pessoas estão aderindo, essa área tem se 
destacado muito pelo fato dos animais de estimação terem passado 
para dentro das casas e ganhado o status de membros das famílias. 
 
 
 
 
6 
 
7 
ATRIBUIÇÕES DO AUXILIAR VETERINÁRIO 
 
 
O Auxiliar Veterinário, é comparado ao enfermeiro de pessoas! Como já diz o                         
nome, sua função é auxiliar (ajudar) o veterinário. Ele aprende a fazer primeiros                         
socorros, pontos, administrar medicamentos, procedimentos de assepsia,             
diagnóstico inicial, auxilia o veterinário em cirurgias e tratamento dos bichinhos em                       
geral. É uma formação técnica e qualifica o profissional para trabalhar em pet                         
shops, clínicas e hospitais veterinários, ONGs, empresas de medicamentos                 
veterinários ou qualquer outro local que faça o tratamento de animais. 
 
O que faz especificamente um Auxiliar de Veterinária? 
O Auxiliar Veterinário é o profissional responsável por cuidar dos animais 
mediante instruções do veterinário. 
Ele realiza aplicações de medicamentos, cuida da instrumentação cirúrgica, 
auxilia nas cirurgias quando requisitado, acalma os cães ou gatos, preparar banho e 
tosa, administra corretamente as mercadorias e sempre mantém o controle para 
reposição das mesmas. 
Cuida da higiene e realiza as tosas das raças com as ferramentas corretas, 
adequadas a cada tipo de pelo/pelagem, trata das maternidades, verifica se as 
instalações estão corretas, observa o comportamento das mães e crias, cuida de 
sua higiene e nutrição, presta os primeiros auxílios, como corte de unhas, limpeza 
da glândula adrenal, limpeza do ouvido e tricotomia, raspagem de pelo para cirurgia 
ou acesso venoso. 
 
8 
 
O Auxiliar de Veterinária tem papel de oferecer apoio à logística interna de clinicas, 
pet shop e hospitais veterinários, além de oferecer apoio 
No conjunto de regras de conduta ética do Auxiliar de Veterinária inclui-se 
nunca se passar por um veterinário, jamais prescrever medicações, não 
diagnosticar