Buscar

Atividade Ap2 Ecologia - Laila

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 5 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

SOBRAL 
2020 
 
 
 
 
CENTRO UNIVERSITÁRIO INTA-UNINTA 
CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA 
ECOLOGIA E PRODUÇÃO SUSTENTÁVEL 
 
 
 
 
LAILA SILVA SOUSA 
 
 
 
 
EXERCÍCIO COMPLEMENTAR AP2 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
1 – Imagine a relação entre um predador, por exemplo um Guepardo e sua 
presa uma gazela. De modo geral o predador se beneficia, pois mata e se 
alimenta da gazela, que nesse caso é a prejudicada. Entretanto – “Essa 
relação entre o predador e sua presa pode ser benéfica para ambas as 
espécies” do ponto de vista evolutivo, discuta essa afirmativa. 
 
A partir do momento que a gazela na posição de presa é capturada, outras 
gazelas conseguiriam fugir, fator esse que mostra que tópicos como agilidade 
rapidez e percepção fornecem oportunidade de fuga de aos animais mais 
“capacitados”. Sendo assim uma relação benéfica, posto que a morte de um 
gazela é atrelada a oportunidade de vida de outras da mesma espécie 
 
2 – Cite e dê exemplos de 7 estratégias de defesas usadas por animais para 
evitar, lutar e escapar de seus predadores. 
 
Produção de toxinas, (Tityus stigmurus e Rhopalurus rochai); Coloração 
aposemática, Exemplo: lagatas, Dendrobates azureus, Dendrobates auratus; 
Coloração críptica, Ex: Catocala, Moloch horridus (Diabo espinhoso); 
Mimetismo que se divide em dois - Mimetismo Mülleriano e Mimetismo 
Batesiano. Ex: Borboletas, Cobra coral falsa; Vida em grupo, que gera 
dificuldade de visão de campo e defesa em grupo Ex: avestruzes e leões; Defesa 
ativa, mecanismos de ataque, exemplo: porco espinho; Tanatose, fingir de 
morto, Ex: Reptéis (largatos e cobras) 
 
3 – Discuta a respeito do comportamento de enfrentamento ou de mobilização 
(mobbing behavior). 
 
Esse comportamento antipedrativo, ocorre quando os indivíduos de uma 
determinada espécie enfrenta um predador atacando-o e assediando-o, no 
intuito de proteger sua prole, é comum em aves. Tal tipo de prática é 
normalmente encontrada quando existe um grupo de filhotes sendo 
frequentemente atacados, as aves emitem sons barulhentos desviando a 
atenção dos predadores, nos casos das gaivotas, elas podem chegar a vomitar 
em seu predador. Essa prática afasta o predador das presas, visto que eles 
foram “descobertos”, no momento do ataque. 
 
4 – No contexto da abordagem para o comportamento antipredação, discuta a 
respeito do custo-benefício da camuflagem 
 
A camuflagem, apesar de ser uma estratégia antipredativa bastante eficiente, 
pode fazer com que animal tenha que permanecer em uma única posição 
durante um período muito grande de tempo, com o intuito de não ser descoberto, 
deixando assim de se alimentar e repor nutrientes necessários. 
 
5 - Defina coloração críptica. O comportamento críptico funciona? Discuta. 
São padrões / coloração que alguns animais utilizam com o intuito de se 
assemelharem com o ambiente em que vivem, dispersando, assim, os seus 
predadores. É uma prática eficiente, visto que dificulta a percepção dos 
predadores e o ataque ás presas, contudo, na maioria dos casos exige a 
estabilização de um animal em um ponto de forma fixa até que seja seguro. 
 
6 - Defina coloração aposemática. O comportamento aposemático funciona? um 
sabor desagradável.Discuta. 
 
Estratégia que os animais sinalizam através da coloração que produzem toxinas 
e substâncias impalatáveis, fator esse que afasta os predadores. É uma 
estratégia eficiente, posto que ao analisar as cores os animas tendem a evitar o 
ataque a essas presas, presumindo que possuem 
 
7 – No contexto da relação entre predadores e presas, discuta qual a vantagem 
da vida em grupo. 
 
A maior parte dos predadores decidem atacar em um momento surpresa, a vida 
em grupo dificulta esse fator, posto que dificilmente um predador não é avistado 
por um componente do grupo, além disso, existe o efeito da confusão, que ocorre 
quando o animal tem dificuldades em manter um campo visual devido a 
quantidade densa de animais de um bando; e a defesa em bando, que ocorre 
quando as presas não assumem uma posição passiva e se defendem juntas do 
predador 
8 – O que é e como ocorre o processo de sucessão ecológica? 
 
Sucessão ecológica é o processo ordenado da instalação e desenvolvimento de 
uma comunidade, ou seja modificações que acontecem ao longo do tempo. A 
sucessão é dividida em 3 etapas, a Ecese, que se dá pela a criação de um habitat 
novo, como um espaço que atrai organismos pioneiros, que ao se instalarem 
proporcionam modificações no espaço, fator que facilitará a colonização de 
organismos de maior complexidade; Sere ou Seral, após as modificações 
ocorridas na primeira fase, a área está atrativa para indivíduos maiores, essa 
comunidade é considerada uma transição entre a pioneira e a Clímax; no Clímax, 
houve a elevação e complexidade do ambiente, sendo assim, é proporcionado 
pelo aumento de relações ecológicas. Dessa forma, se inclusas em um 
panorama adequada, o maior número de relações ecológicas gera uma situação 
de equilíbrio, denominada de Clímax. 
 
9 – Quantos são os ciclos biogeoquímicos? Descreva cada um deles. 
 
 
6. Ciclo da água - A circulação da água refere-se ao movimento contínuo da 
água através da atmosfera, hidrosfera, litosfera e biosfera no ambiente natural 
e no ecossistema. Ocorre através de mudanças no estado físico e no fluxo de 
água pelos organismos e pelo meio ambiente. Esse ciclo depende diretamente 
da energia solar, da rotação da Terra e até da gravidade; Ciclo do Carbono - 
O ciclo do carbono é um ciclo biogeoquímico no qual o elemento carbono sai 
do ambiente dos organismos vivos e depois retorna ao ambiente. O carbono é 
um elemento que existe em todas as composições moleculares orgânicas, 
exceto em alguns compostos inorgânicos, e é necessário para os seres vivos. 
Na atmosfera, o carbono existe na forma de dióxido de carbono (CO2); Ciclo 
do Nitrogênio - começa com o nitrogênio gasoso (N2) presente no ambiente.É 
importante que o nitrogênio se fixeno solo, ou seja, o solo deve absorvê-lo. Tal 
processo denomina-se fixação e ocorre com a ajuda de bactérias e 
cianobactérias presentes no solo. Em seguida, a conversão de nitrogênio em 
amônia - um processo chamado amonização. A amônia produzida será 
absorvida pelas bactérias produtoras de nitrito, esta etapa é chamada 
nitrificação; Ciclo do oxigênio - começa com a fotossíntese: quando as 
plantas absorvem o CO2, o oxigênio gerado é liberado na atmosfera; Ciclo do 
fósforo - ocorre no solo, plantas e animais. Primeiro, as plantas o absorvem 
do solo e da água. Animais e humanos obtêm fósforo através dos alimentos. 
Quando os organismos morrem e se decompõem, o fósforo retorna ao solo e à 
água, renovando assim o ciclo; Ciclo do Enxofre - Este elemento pode ser 
encontrado em sedimentos rochosos e no solo, absorvido pelas plantas com a 
ajuda de bactérias e depois dissolvido na água. À medida que o ciclo 
biogeoquímico do enxofre evapora, a água se torna chuva ácida e devolve o 
enxofre ao solo. 
 
10 – Discuta a respeito da relação entre desenvolvimento sustentável e 
manutenção da biodiversidade. 
 
O Desenvolvimento sustentável surge no intuito de fortalecer o ideal da 
necessidade do cuidado para com a biodiversidade, posto que esse é atrelado 
diretamente com as matérias primas necessárias para produção, dessa forma, 
ambientes com diferentes espécies animais e vegetais representam equilíbrio e 
maior riqueza natural. Desse modo, a sustentabilidade desse ambiente é 
necessária, pois a degradação ambiental é interligada a recursos que não são 
inesgotáveis, sendo assim, é construída uma relação de dependência, pois só 
existe desenvolvimento sustentável com a estabilidade da biodiversidade.

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Materiais recentes

Perguntas Recentes