A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
26 pág.
PIM II - SEGUNDO SEMESTRE - MAGAZINE LUIZA - NOTA 8,0

Pré-visualização | Página 3 de 6

Ao assumir, sua primeira atitude foi enxugar os gastos desnecessários e focar 
nas operações digitais. Antes de chegar a diretor executivo, Frederico tinha 
assumido a área de tecnologia da empresa, juntamente com a de logística onde foi 
criado o LuizaLabs, laboratório de desenvolvimento e inovação, com mais de 400 
desenvolvedores com o objetivo de aplicar a tecnologia a serviço da experiência de 
compra. 
Nessa escalada, a empresa reverteu uma dívida líquida de 300 milhões de 
reais para uma posição de caixa líquido de 1,6 bilhão de reais. As ações do 
Magazine Luiza foram as mais valorizadas tanto em 2016, quanto em 2017 
tornando-se verdadeiras ações explosivas da Bolsa de Valores. 
Em agosto desse ano (2019) houve uma queda nas ações do Magazine Luiza 
(MGLU3), que saíram de R$ 36,00 para R$ 33,00, mas está longe de ser preocupante 
para quem pretende investir no papel tornando essa queda uma ótima oportunidade para 
compra já que graficamente a ação continua em tendência de alta no longo prazo, mas 
pela primeira vez em muito tempo fez um movimento que permite compra do papel com 
menos risco. 
Os analistas do Itaú BBA, em Outubro desse ano (2019), fizeram um relatório de 
análise técnica no qual informam que as ações do Magazine Luiza estão próximas de um 
forte movimento de alta, os analistas alertam que essa valorização de curto prazo 
inicialmente precisa superar a resistência em R$44,40, hoje os papéis negociam em torno 
de R$42,47 e o objetivo de alta apontado está em R$49,80 com uma valorização de 17%. 
Do lado da baixa, o ativo segue em um movimento de realização de lucros e 
encontrará suportes em R$ 40,95 e R$ 38,70. 
https://www.infomoney.com.br/MGLU3
 
 
7 
 
5.0 DINÂMICA DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS 
Moscovici diz que “a competência interpessoal é a habilidade de lidar 
eficazmente com as relações interpessoais, de lidar com outras pessoas de forma 
adequada às necessidades de cada uma e às exigências da situação” (Moscovici 
1985, p.27). 
Uma organização deve preocupar-se com as relações interpessoais a fim de 
promover o autoconhecimento e principalmente a comunicação. 
5.1 AS RELAÇÕES HUMANAS NO MAGAZINE LUIZA 
A cultura da empresa é valorizar pessoas, assim as práticas e valores são 
passados aos colaboradores que são guardiões deles. O Magazine Luiza foi 
apontado pelo relatório Great Place to Work 2018 como a empresa que melhor 
conversa com seus funcionários (Magalus). 
5.2. RELAÇÕES HUMANAS INTERNAS 
5.2.1 Comunicação Interna 
Os passos mais importantes da companhia são comunicados por meio: do 
Portal Luiza, Rádio Luiza e TV Luiza. Além desses, há o Rito de Comunhão (expor 
resultados); a Reunião Matinal (divulgação dos desafios); o Seminário de 
Posicionamento Estratégico (reunião de lideranças); o Conselho dos colaboradores 
(reuniões com gestores), o Disque-Presidência, canal para denúncias de ações 
contra a empresa), a Política de Portas Abertas (fim de paredes e o acesso às 
lideranças), por fim, a Celebração e Agradecimento. 
5.2.2 Empreendedorismo 
A empresa se destaca no Empreendedorismo. Os líderes promovem a Gestão 
Participativa e o Autodesenvolvimento (planos de carreira individual), divulgando 
vagas e promovendo colaboradores de forma coerente por reconhecimento dos que 
se sobressaem (Meritocracia). 
5.3. COMUNICAÇÃO EXTERNA 
 
 
 
8 
 
5.3.1 Atendimento ao cliente 
Dispõe de profissionais especializados para atender clientes (SAC). As 
ligações e e-mails são acompanhados pela liderança, fidelizando os consumidores 
por meio da excelência no atendimento. 
5.3.2 Campanhas e publicidades locais 
Na Liberdade Acompanhada, os gerentes criam propagandas e campanhas 
para comunidade local, participam de ações da comunidade e possuem autonomia 
para atuar como se fossem os próprios donos. 
5.3.3 Fornecedores 
Junto aos fornecedores visa-se o ganho e preços justos (“ganha-ganha”). Há 
a uma carta de parceria, na qual os aspectos negociados são especificados com 
uma cláusula específica sobre Responsabilidade Social e Ambiental e, na evidência 
de práticas contrárias às premissas, rompem-se os acordos comerciais. 
5.3.4 Meio Ambiente 
O Magazine Luiza tem desenvolvido políticas e práticas de preservação e 
conscientização em relação aos recursos naturais e desenvolve campanhas de 
sensibilização, como o Projeto Cuidar do Ambiente, Preservação de recursos 
naturais; Uso de papel reciclado; Instituto Ethos Carona Amiga Sua Empresa, Sua 
Casa; Hora do Planeta. 
 
Gráfico 1 – Membros da Diretoria e Cargos 
 
Fonte: Próprio Autor 
 
 
9 
 
6.0 INDICADORES DE LIQUIDEZ DO MAGAZINE LUIZA 
Liquidez é a capacidade de um ativo ser transformado em dinheiro sem 
perder o seu valor. Com isso, quanto mais alta a liquidez mais facilidade você terá 
de vender e converter em dinheiro. 
Os indicadores de liquidez funcionam como uma ferramenta para analisar os 
créditos e a capacidade financeira de uma empresa, ou seja, sua habilidade em 
cumprir corretamente suas obrigações passivas assumidas. Para isso, informações 
como do seu balanço patrimonial, que incluem dados do seu ativo e passivo, são de 
importância necessidade. 
Liquidez Corrente: Esse indicador mede a capacidade que a sua empresa tem 
de cumprir com os pagamentos em curto prazo. 
Liquidez Corrente = Ativo Circulante / Passivo Circulante 
Liquidez Imediata: Esse indicador de liquidez mede a capacidade que a 
empresa possui, de arcar com as suas dívidas perante terceiros em curto prazo. 
Liquidez Imediata = Disponível / Passivo Circulante 
Liquidez Geral: A liquidez geral é um indicador utilizado para medir a 
capacidade que uma empresa tem de honrar com as suas obrigações de curto e 
longo prazo. 
Liquidez Geral = (Ativo Circulante + Realizável a Lo ngo Prazo) / (Passivo Circulante 
+ Passivo Não Circulante) 
6.1 INDICADORES DE ATIVIDADE 
6.1.1 Prazo Médio de Estoque (PME) 
O prazo médio de estocagem determina o tempo médio que um produto fica 
parado em seu estoque, desde sua entrada no inventário até a venda, indica o 
tempo médio necessário para a total renovação dos estoques. 
PME = Estoques / 2 / Custo Produto Vendido x 360 
6.1.2 Prazo Médio de Recebimento (PMR) 
Conforme o pagamento dos clientes, com essa fórmula abaixo vamos saber 
qual o prazo médio de recebimento por suas vendas no período de um ano. 
PMR= Contas a receber/ 2 / Vendas liquida / 2 x 360 
 
 
10 
 
6.1.3 Prazo Médio de Pagamento (PMP) 
Revela o tempo médio que a empresa leva para saldar suas dividas com 
fornecedores. A empresa recebe pelas vendas de produtos, e na maioria dos casos 
no mercado brasileiro esse recebimento ou pagamento é realizado com certo prazo 
estipulado e negociado entre empresa e comprador. 
PMP= Fornecedores/ 2 / CPV / 2 x 360 
6.2 CICLO OPERACIONAL DA EMPRESA 
É a soma de todos os acontecimentos referentes a uma operação 
empresarial. 
C.O = PME + PMR 
6.3 CICLO FINANCEIRO 
Trata-se do período que compreende o tempo de pagamento aos 
fornecedores até o recebimento pelos clientes. 
C.F = C.O - PMP 
6.4 INDICADORES DE ENDIVIDAMENTO 
A função dos indicadores de endividamento é medir quanto uma empresa 
possui de dívida sobre o valor de patrimônio e ativos. Para evitar o endividamento 
existe três planejamentos fundamentais que não pode ser esquecido: Planejamento 
estratégico; Planejamento financeiro; Planejamento orçamentário. 
6.5 RELAÇÃO CAPITAL DE TERCEIROS (P) / CAPITAL PRÓPRIO (PL) 
Essa medida revela o nível de endividamento (passivos) da empresa em 
relação ao seu financiamento por meio de recursos próprios. 
P/PL = Passivo circulante + Não Circulante / Patrimônio Líquido 
6.6 RELAÇÃO CAPITAL DE TERCEIROS (P) / ATIVO TOTAL (AT) 
Esse indicador mostra a relação entre todos os empréstimos contraídos, que 
ainda faltam ser amortizados, sobre o Ativo Total. 
P/AT = Exigível total / Ativo total 
 
 
11 
 
6.7 INDICADORES DE RENTABILIDADE 
Os indicadores