A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
18 pág.
Atividade Final (SIOPE)

Pré-visualização | Página 1 de 3

PROGRAMA FORMAÇÃO PELA E SCOLA 
 
 
 
 Pâmela Amaral de Alvarenga Soares 
 Poliana Azevedo Rocha de Paula Ferreira 
 Taylanne Almeida Souto Nobre 
 
 
 
 SISTEMA DE INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS PÚBLICO S 
 EM EDUCAÇÃO – SIOPE 
 
 
 
 Tutora: Ana Paula da Silva Ribeiro 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 SÃO FIDÉLIS - RJ 
 2020 
 
 
 PROGRAMA FORMAÇÃO PELA ES COLA 
 
 
 
 Pâmela Amaral de Alvarenga Soares 
 Poliana Azevedo Rocha de Paula Ferreira 
 Taylanne Almeida Souto Nobre 
 
 
 
 
 SISTEMA DE INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS PÚBLICO S 
 EM EDUCAÇÃO – SIOPE 
 
 
 
 Tutora: Ana Paula da Silva Ribeira 
 Trabalho apresentado como requisito 
 Avaliativo para obtenção de nota final do 
 Curso Formação Pela Escola módulo SIOPE. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 SÃO FIDÉLIS - RJ 
 2020 
 
 
 RESUMO 
O trabalho foi realizado com o objetivo de aprofundar o conhecimento acerca do 
SIOPE – Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação. 
Uma ferramenta eletrônica instituída para coleta, processamento, disseminação 
e acesso público às informações referentes aos orçamentos de educação da 
União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Com os avanços 
tecnológicos e a era da informação, torna – se cada vez mais fácil a divulgação 
de dados para que a sociedade conheça a realidade de cada município. Os 
conhecimentos que aprendemos durante esse contexto, tem como foco o 
aprendizado do SIOPE e sua finalidade, mostra como é distribuído os recursos 
do FUNDEB, MDE entre outros. 
Esse trabalho tem como reflexivo no tocante de informações necessárias para 
ter uma aprendizagem de maneira individual e coletiva, pois vamos mencionar 
as informações necessárias sobre o SIOPE e realizar entrevista com 
conselheiros do CACS/Fundeb. 
 
 
 
Palavras – chave: SIOPE, Educação e Investimentos públicos; 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 SUMÁRIO 
 
1 . Introdução __________________________________ 4 
2. Desenvolvimento _____________________________ 5 
 2.1 Os Parceiros e seus envolvidos ________________6 
 2.2 O SIOPE no município de São Fidélis ___________7 
 2.3 Roteiro para entrevista com conselhos do 
 CACS/Fundeb ________________________________8 
3. Considerações Finais __________________________10 
4. Referências __________________________________11 
5. Anexos ______________________________________12 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 INTRODUÇÃO 
 
A formação do FNDE, e atuação do conhecimento do SIOPE, tem essa 
vantagem, atuar na curiosidade e nas interrogações que são humanas. Com 
perguntas e respostas claras dos investimentos públicos em educação. 
O SIOPE, criado em 2006, permite que a população fiscalize e tome 
conhecimento do uso que é feito do dinheiro público ligado a educação, com 
finalidade de fiscalizar e coibir os abusos de desvio de verba outros fins, 
garantindo transparência e divulgação das informações. 
Destacando ainda a garantia de maior transparência do trabalho feito pelos 
gestores educacionais. Esse sistema digital é operado pelo Fundo Nacional de 
Desenvolvimento da Educação (FNDE) e ainda favorece as pesquisas no que 
se refere aos diversos estudos e análises ligados a educação e aos diversos 
financiamentos ligados a mesma. Dessa forma, desenvolve – se então possíveis 
mecanismos de controle e melhoria na qualidade dos serviços prestados pelo 
Estado á sociedade. 
O SIOPE poderá subsidiar a definição e a implementação de políticas de 
financiamento orientadas para a promoção da inclusão educacional, da 
igualdade de oportunidades, da equidade, da efetividade e da qualidade do 
ensino público. 
Para concluir o trabalho foi feito uma pesquisa no site do FNDE/SIOPE, para 
consultar um relatório de um Distrito Federal ou Município, no campo RREO 
(Relatórios Resumido da Execução Orçamentaria), para poder responder 
algumas questões de % investidas de fato nos entes. E também foi feita uma 
entrevista com uma pessoa do CACS/Fundeb (Conselho Acompanhamento e 
Controle Social), para saber os conhecimentos sobre o SIOPE. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
4 
 
 
 DESENVOLVIMENTO 
 
A origem do SIOPE encontra – se ligado as atividades do instituto nacional de 
pesquisas educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo levantamento 
de todos sobre financiamento e investimento do setor público em educação. 
Essa atividade, desenvolvida pela autarquia, permite ao Governo Federal 
identificar como é feita a distribuição de recursos. Nos diferentes níveis e 
modalidade de ensino dos governos municipais, estaduais, distrito federal. Em 
parcerias com instituto de pesquisa econômica aplicada (Ipea) e com o instituto 
brasileiro de geografia e estatística (IBGE), o Inep, desde 1997, tem produzido e 
calculado analise dos balanços da união, dos 26 estados, do distrito federal e de 
uma amostra representativa de municípios. Na busca do aprimoramento e 
agilização do processo de tratamento das informações educacionais. 
Com o conhecimento do sistema SIOPE e sabendo fazer à interpretação de suas 
informações a população poderá ter a chance de sugerir na gestão dos recursos, 
qualificando sua participação no processo de planejamento, execução e 
avaliação das políticas públicas educacionais. Sobre o conceito de controle 
social Silva (1996, p. 18) define que: “controle social é a participação da 
sociedade no acompanhamento e verificação da execução das políticas 
públicas, avaliando objetivos, processos e resultados”. Com esse poder e 
responsabilidade cabe à população zelar pelo acompanhamento e controle dos 
gastos públicos, pela implementação das políticas públicas. 
A principal função é mostrar a sociedade o quanto se investe efetivamente em 
educação pública, fortalecendo assim, o mecanismo de controle social dos 
gastos na manutenção e desenvolvimento do ensino e em última instancia, 
contribuindo para a melhoria da qualidade dos serviços prestados pelo Estado e 
para garantia do cumprimento e da eficácia nos investimentos públicos no setor 
educacional e para qualidade dos serviços prestados a sociedade. 
Em relação ao âmbito municipal, o Sing baseava – se em uma amostra 
estratificada dos estados brasileiros, envolvendo cerca de 280 municípios, 
escolhidos pelo tamanho da população. 
 O Siope, na condição de sistema informatizado, foi organizado em três 
módulos, a saber: 
� Sistema de Coleta de Dados (Entrada): possibilita que os entes 
federados, incluam as informações referentes às receitas totais e aos 
investimentos públicos em educações efetuadas por cada estado e 
município brasileiro, bem como pelo Distrito Federal; 
� Banco de Dados (Armazenamento): armazena os dados declarados e 
transmitidos pelos entes, de maneira organizada; 
 
 
5 
 
 
� Relatórios (Saída): possibilita o acesso e a impressão de relatórios 
variados, para qualquer pessoa, sem utilização de senha. Este

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.