A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
49 pág.
Aulas de Silvestre 6 semestre

Pré-visualização | Página 3 de 14

cloaca, evitando assim contaminação
---URODEO--- menor porção, recebe ureter e oviduto. Possui a capacidade de retroperistaltismo, empurrando urato e urina para o coprodeo
---PROCTODEO—Vai passar a ultima fase de eliminação. Vai ter a bolsa de fabricius que é o órgão linfoide das aves e também terá o desembocamento dos órgãos genitais (onde que vai sair os ovos). Aqui ira sair fezes e urina junto.
Sistema Digestório -Bursa de Fabricius
Sistema imunológico 
Produz linfócitos B 
Mais proeminente em filhotes (até 6 meses)
TRATO REPRODUTOR FEMININO 
f
Eles vão ter os ovários grudados. Vai estar na parte cranial dos rins, e está colocado na veia cava (o que torna difícil a castração)
Ovíduto após os ovários que vai desembocar na cloaca, apenas os rapinantes tem 2 ovídutos 
O folículo é a gema, porem a gema não é o embrião, a gema é o que ele vai se alimentar. 
A reprodução é um pouco mais complexa. Botar ovo pode acabar se tornando muito tardia. 
Pode usar a ocitocina da mesma maneira. 
Quando está em época de reprodução, a ave precisa de uma quantidade grande de proteína, de cálcio, então quando ela está na fase reprodutiva tem que dar muito mais nutrientes em alimentação, se não ela irá tirar do próprio corpo. 
Alguns animais vão botar uma quantidade de ovo para espécie. As calopsitas botam de forma continua, assim acaba se tornando bem desgastante. 
Se a ave não tem cálcio ela vai conseguir botar ovo, mesmo que estimulo com ocitocina. 
O tempo de produção de um ovo é 24 horas em qualquer espécie. 
O ovíduto tem 5 divisões 
 --INFUNDIBULO (dividido em funil proximal e túbulo distal, Produção de chalaza e albumina)—Capta o ovócito e ai acontece a fecundação, porque depois que faz a capsula não tem como ter a fecundação
---MAGNO (adiciona albumina, sódio, magnésio e cálcio)--- Tem várias células que vão secretar e vai ter várias substancias, que vai formar a primeira camada na gema.
--ISTMO--- Uma parte menor que vai ter várias mini proteínas e vai iniciar o processo de calcificação e faz a primeira película que vai formar a casca (neste processo consegue fazer a ovocentese)
---UTERO---Vai realizar o processo total de calcificação onde faz a formação de cálcio (demora 24 horas)
---VAGINA--- ovo passa rapidamente por aqui. Pode armazenar espermatozoides (em perus, ocorre o armazenamento de zoides por meses).
-- O ovo pode ficar retido, mas precisa analisar se precisa tirar ou não. Quais as complicações se ficar retido?
Resposta:
SISTEMA REPRODUTOR MASCULINO 
DOIS TESTICULOS, localizado em cima do rim e vai desembocar na cloaca. O tamanho do testículo muda conforme a época de reprodução, podendo também mudar de coloração. * Não confundir no RX que o testículo está em um tamanho aumentado. 
Na hora de reproduzir encosta cloaca com cloaca e escorrega espermatozoide, sendo assim que eles copulam. 
SISTEMA URINARIO
---Rins ---
Ø Equivale a 2,6% do peso do animal (mamífero – 0,5%) 
Ø Dividido em medial, cranial e caudal Ø Em passeriformes o medial é fundido com o cranial Ø Localizados na depressão ventral do sinsacro – dissecção é difícil 
Ø Não há diferenciação clara de cortex e medula como em mamíferos 
Ø São envolvidos por ar – saco aéreo abdominal Ø Dois tipos de néfron 
Ø Com alça de Henle (10-30% dos néfron) 
Ø Sem alça de Henle (maior parte – “Néfron reptilianos”)
RINS – Maior que de mamífero em relação ao tamanho do animal. Será dividido em cranial, medial e caudal. 
Ele fica preso em uma depressão no sinsacro. Não consegue diferenciar o córtex e medula. A diferença é que tem 2 tipos de nefron, tendo a alça de henle (absorção de água), a outra porcentagem de nefron não tem alça de henle, assim não concentra urina (aves tem a concentração de urina pequena, por isso não se usa exame de urina para diagnosticar doença).
Ø Rins 
Ø Sistema porta renal: Ilíaca externa e mesentérica (Sangue venoso) 
Ø Válvula que abre e fecha este sistema ØImportância clínica 
ØQuando medicamentos são aplicados nos MP, o sangue pode ir direto para os rins, levando a medicação para lá, aumentando a chance de nefrotoxicidade 
ØMedicamento pode ser eliminado antes de ser distribuído para o organismo
--sistema porta renal – artérias que vão da pata para o rim, se tiver esse sistema está aberto, aplica a injeção e vai da pata toda para o rim, então se for nefrotóxico irá prejudicar o animal, assim só se aplica em membros torácicos. 
FUNÇÕES:
Ø Regulação de eletrólitos 
Ø Parte do metabolismo mineral (Produção de vitamina D e cálcio) 
Ø Secreção de apo-lipoproteínas (junto com o fígado) – contribuem para regulação de lipoproteína plasmática 
Ø Produzem Ácido úrico no final do metabolismo de nitrogênio – enzima xantina desidrogenase é a enzima final do ciclo das purinas 
Ø Ácido úrico não precisa de água para ser excretado 
Ø Vantagem na produção de urina dentro dos ovos, pois a ureia é tóxica, o que impediria o crescimento dos embriões
Fisiologia do rim 
Metade da excreção é feita com urina e a outra com acido úrico. Um feto na barriga, quem excreta é o próprio rim da mãe, porque se fosse creatinina iria prejudicar o feto. 
-- Se tem um animal doente oferecer glicose porque ele tem a taxa metabólica alta e oferecer um local mais aquecido para manter a temperatura dele. A doença evolui muito rápida. Quanto menor a ave, mais cuidado com a contenção. 
Caso clínico 1 
Você acabou de atender um papagaio com prolapso, descreva as dificuldades de diagnóstico e resolução do caso de acordo com o seu aprendizado de anatomia de aves
RESPOSTA:
AULA 09/03
1 – O que acontece quando o parceiro de uma ave morre? 
Resposta: Depende, podendo ficar doente. O primeiro comportamento é procurar fêmea, podendo ficar agressivo, hiporexo, tendo assim que dar uma atenção maior.j
2- Quem é o parceiro quando a ave está sozinha no cativeiro? 
Resposta: Em cativeiro o animal pode se apegar ao próprio ser humano. 
3- Quem ensina aos filhotes o que pode ou não ser feito? E quando está em cativeiro?
Resposta: O próprio ser humano 
4-Melhor ter uma ave sozinha? Casal? Mais de uma?
Resposta: Depende da espécie, tem aves que não aceitam viver com outro da mesma espécie ou outra, o mesmo tipo de sexo ou outro. Analisando sempre se a espécie tem uma personalidade sociável. 
Exemplos: Calopsita +1, 
Papagaio pode ser +1, mas tem que ter ciência que o animal pode não aceitar, assim a aproximação tem que ser devagar. 
SOCIABILIDADE 
 - ALGUMAS AVES VIVEM EM GRUPOS GRANDES COMO PINGUIM, ALGUNS PSITACÍDEOS, PASSERIFORMES
- Psitacídeos nômades x Psitacídeos tropicais 
- Laços de casais são mais fortes em animais tropicais
 - Maior apresentação de dominância
Resposta:
- Podem ser solitários ou viver em pequenos ou grandes grupos 
- Não são aves agressivas e podem ser criadas em grupos grandes 
- Pouca vocalização 
- Laços fortes com parceiro (pombo correio)
- As aves diurnas possuem dois momentos de maior alvoroço, ao amanhecer e ao anoitecer 
 -Vocalização intensa 
- Os país conseguem identificar o chamado de seus filhotes a partir de aproximadamente 3 semanas (depende da espécies) 
---Conseguem distinguir seus filhotes entre filhotes de outras aves 
–--Filhotes respondem ao chamado de seus pais e não a de outras aves 
- Isso acontece também com seres humanos e suas aves! 
- Papagaios possuem dialetos regionais distintos
• - Psitacídeos – frutas, folhas e sementes
Ração exstrusada ou peletizada
Só ração não é o suficiente, tendo que complementar com frutas, exceto: Abacate e evitar uva e morango, sempre dando uma variedade de alimentos por dia. 
 • - Passeriformes – Frutas, sementes, insetos 
Pode até dar semente, mas tem que fazer um mix de semente, mais ração peletizada, tem que fazer uma variação com frutas também + legumes + folhas (eles gostam de jiló) 
Eles podem enjoar de alimentos
Lembrar que se muda a dieta gradualmente
• - Columbiformes - onívoros: frutas, sementes, folhas e pequenos insetos
Não se pode dar girassol em excesso para papagaio, pois é gordura, pode dar como petisco