A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
53 pág.
AEROSOLTERAPIA E OXIGENIOTERAPIA

Pré-visualização | Página 3 de 3

paciente com TOT ou com TQT.
Na prática é bastante usado durante o
desmame.
22/05/2020
44
Tenda Facial x Colar de TQT
• Conhecida como máscara de
macronebilização.
• Oferta de 21 a 40% de FiO2, fluxos
de 6 a 15 l/min.
• Fluxos menores que 5 l/min
favorecem reinalação do CO2.
• Indicadas para pacientes com
trauma facial ou que não toleram
a máscara facial.
• Máscara de TQT.
• Alcança FiO2 de 35 a 60% com
fluxo de 6 a 15 l/min.
• Indicados para pacientes com
TQT, posicionado diretamente
sobre a cânula.
22/05/2020
45
SISTEMAS DE ALTO FLUXO
Fornecem determinada concentração de Oxigênio em
fluxos iguais ou maiores que fluxo inspiratório
máximo do paciente. FiO2 fornecida é precisa e
constante.
“Para qualificar um dispositivo de alto fluxo, o sistema deve fornecer um fluxo total de no
mínimo 60l/min. Este critério de fluxo é baseado no fato de que o fluxo inspiratório máximo
do adulto médio, na ventilação corrente, é de aproximadamente 3 vezes o volume minuto.
Como 20 l/min está próximo do limite superior do volume minuto sustentável pelas pessoas
doentes, um fluxo de 3x20 ou 60 l/min deve ser suficiente. Em raras situações, as
necessidades são iguais ou superiores a 100 l/min.”
• Sistema Venturi
• Cânula Nasal de ALTO FLUXO
22/05/2020
46
Máscara com Sistema Venturi
Consta de um adaptador a jato entre a máscara e a
fonte de O2. É possível controla a FiO2 deste sistema.
O sistema Venturi é baseado no princípio de
Bernouilli: administrar um jato de gás sob pressão no
sistema, haverá desenvolvimento de pressão
subatmosférica lateralmente ao pequeno orifício, que
propicia entrada do gás que se encontra próximo ao jato
pelos orifícios laterais.
Especificações: máscara transparente, flexível, atóxica com elástico para ajuste facial
e orifícios laterais; traqueia; 6 diluidores coloridos para diferentes concentrações de % de
FIO2, nas cores azul (24%), amarelo (28%), branco (31%), verde (35%), rosa (40%), laranja
(50%) e copo (branco) com entrada para ar comprimido, prolongamento de oxigênio.
22/05/2020
47
22/05/2020
48
Oxigênio NASAL DE ALTO FLUXO:
Técnica recente em adultos.
Fluxo fornecido de 40 a 60 L/min com pronga larga, sem
desconforto ou lesão da mucosa.
Efeito de PEEP, FiO2 constante, boa
umidificação/aquecimento.
Marino, Compêndio de UTI.
22/05/2020
49
http://www.myoptiflow.com/#gsc.tab=0
22/05/2020
50
Cortesia Dr. Marcelo Alcantara
CTI do Hospital Monte Klinikum, Fortaleza, Brasil
22/05/2020
51
Total: 310 pacientes com Insuficiência Respiratória
Aguda Hipoxêmica (P/F< 300 mmHg) em 23 UTIs
na França e Bélgica.
Terapias: oxigenoterapia convencional por
máscara, VNI e Cânula Nasal de Alto Fluxo.
22/05/2020
52
MORTALIDADE
22/05/2020
53
Referências:
 Fundamentos da Terapia respiratória, Egan.
 FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA, Bruno Presto.
 Bases da Fisioterapia Respiratória - Terapia Intensiva e Reabilitação, 
Maria da Glória
 Fisioterapia Respiratória No Paciente Crítico, Sarmento
 O ABC da Fisioterapia Respiratória, Sarmento.
 Fisioterapia na UTI, Presto & Presto.
 Fisioterapia para Problemas Respiratórios e Cardíacos, Pryor.
 Fisio Respiratória - Uma Nova Visão, PRESTO & PRESTO.