A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
23 pág.
aula 2

Pré-visualização | Página 1 de 6

- -1
ADMINISTRAÇÃO RURAL
MARKETING RURAL
Victória Maria Ferreira Diniz
- -2
Olá!
Você está na unidade . Conheça aqui os principais pontos vinculados à introdução aos conceitosMarketing Rural
de administração rural, a administração rural no contexto do agronegócio, as dimensões do agronegócio
brasileiro e mundial e a respeito de elementos vinculados ao marketing rural.
Bons estudos!
- -3
1 Introdução aos conceitos de administração rural
Antes mesmo de abordamos os conceitos que perpassam pela administração rural, é necessário
compreendermos alguns aspectos ligados ao agronegócio. Primeiramente, o conceito de ,agribusiness
desenvolvido por Goldberg em 1957 já sinalizava que o agronegócio correspondia a uma soma de operações que
iam desde a produção até a distribuição. Os elos que compõem todas as relações no desenvolvimento da
atividade agrícola precisam ser considerados nesse conceito. As atividades agrícolas não podem ser vistas de
maneira isolada, porque, na verdade, não são. A partir do momento que a agricultura passou a desenvolver e se
relacionar com outros segmentos, ela representa o .agronegócio
Outro aspecto importante é o fato de ser comum observarmos muitos conflitos conceituais e até mesmo
ideológicos no que se refere à e o . Vamos definir alguns aspectos.agricultura familiar agronegócio
Primeiramente, a agricultura familiar é aquela em que a mão de obra na propriedade é proveniente do núcleo
familiar, além da atividade produtiva ser desenvolvida em pequenas propriedades rurais. O segundo aspecto é
que nem toda agricultura familiar é uma agricultura de subsistência, ou seja, a produção da propriedade é
utilizada para alimentar a família, e não há comercialização de alimentos.
Assim, a agricultura familiar é a e está presente na mesa dos brasileiros e noforça do agronegócio brasileiro
mercado exterior. Se a agricultura familiar permite a integração no processo produtivo e a comercialização desse
alimento, então, ela pertence ao agronegócio.
Isso posto, falaremos um pouco sobre a , alguns aspectos presentes noadministração de propriedades rurais
dia a dia das unidades produtivas. Vamos abordar alguns aspectos relacionado as que o produtoratividades
rural tem de encarar em sua propriedade, no entanto, é fundamental que atividade desenvolvida na propriedade
seja rentável e que a propriedade passe a ser tratada como uma empresa rural.
- -4
1.1 Propriedade rural é uma empresa rural
Podemos dizer que até meados dos anos , , os produtores rurais não eram pressionados a ter 1980 1990
 , e o domínio de maneiras de produção era suficiente para produzir, possibilitando umaeficiência profissional
lucratividade adequada ao produtor. No entanto, os avanços tecnológicos, novas variedades de produção,
modernização com a mecanização e biotecnologia estimulou o produtor a se adequar e estabelecer seu espaço
nesse processo evolutivo.
Nesse novo cenário, o produtor precisa estar muito mais preparado para as mudanças e antecipá-las. As 
 já fazem parte do conceito de agronegócio, mas, de algum modo, é necessário fortalecer aindapropriedades
mais a interação e até mesmo a integração entre os de , , e ,elos insumo produção agroindústria distribuição
pois, se um desses elos falhar ou faltar por algum motivo, impacta os demais. Por exemplo, no caso de galináceos,
se a ração – que está presente no elo insumo – não chega a tempo para alimentar os pintinhos, isso atrasa o
tempo de engorda para o abate na agroindústria, que atrasa a sua chegada nos mercados.
Nesses contextos, a propriedades rurais precisam se , se e ser vistas como uma profissionalizar modernizar
, buscando informações do mercado ou segmento no qual está inserido, e interagir de maneira maisempresa
efetiva com as agroindústrias (NANTES, 1997).
Nos últimos anos, os avanços tecnológicos têm disponibilizado aos produtores melhorias em suas propriedades,
permitindo o desenvolvimento das atividades de maneira mais, muitas vezes, mais prática, simples e barateando
os custos produtivos. Quando falamos de tecnologia no campo, não nos referimos apenas a ou software hardware
ou aplicativos de celulares. Estamos falando de melhoramento , melhoria na egenético sanidade agropecuária
da plantando.eficiência produtiva por hectare
- -5
1.2 Os desafios na gestão da produção rural
O de propriedades rurais tem desafios muito complexos comparados a outrosgerenciamento
empreendimentos, isso porque ele lida com a gestão de muitas incertezas. Podemos citar algumas, como clima,
doenças em vegetais e animais, a sazonalidade e outros. Questões como a oferta e demanda por produto também
são um fator que impacta diretamente a das propriedades. O planejamento da produção érentabilidade
desenvolvido com meses, e até anos, de antecedência, mas o clima, como já mencionado, pode mudar
completamente o desenvolvimento do planejado. A e a de também impactam asazonalidade oscilação preço
atividade quando se produz um produto perecível. Investimentos em atividades que levam mais tempo para dar
retorno, como é o caso do café e da laranja. Diferentemente do milho e a soja, que se consegue, muitas vezes, com
bom manejo, ter duas safras de milho e uma de soja em apenas um ano.
Além desses fatores, ver a propriedade como um , um negócio, é se adequar às formas deempreendimento
desenvolvimento de produto conforme o mercado deseja. Não se trata apenas do que produzir, mas de que
maneira o do que se produz. Se o mercado asiático estabelece que para comprar frango domercado precisa
Brasil precisa reduzir o uso de antibióticos, o produtor terá que se adaptar, caso contrário, não terá para quem
vender.
Mas você deve se perguntar: como o se adequa a tal exigência? Como isso ocorre? Bem, é provável queproduzir
ele tenha de adequar todo seu manejo de produção para evitar ou mitigar a ocorrência de ou doenças zoonoses
na produção, reduzindo a necessidade de uso de medicamentos. Como controle de entrada de pessoas, não ter
animais domésticos próximos aos galpões de produção, não ter contato com outras aves, ter controles de
roedores, manter sempre limpo o silo de ração, e assim por diante. Então, observamos o quanto são complexas
essas , e não apenas isso, mas é necessário que o produtor seja um profissional na sua área,relações comerciais
permitindo que sua propriedade responda de maneira rápida e eficiente às necessidades dos clientes.
Mas do ponto de vista de propriedade, os produtores demonstram enfrentar muita dificuldade no uso de 
. Podemos citar como algumas dessas dificuldadestécnicas administrativas no desenvolvimento da produção
azer controle de contas, fluxo de entrada e saída, planejamento de preparação da terra para plantio e
consequentemente sua colheita, organização da infraestrutura produtiva da propriedade e, análise de
investimentos.
É importante observar que muitas vezes os produtores a propriedade dos seus pais que, em muitosherdam
casos, também aprenderam a produzir com seus pais. Naquele momento, como já mencionamos, não havia uma
- -6
necessidade por como observamos hoje. Então, é necessário que nós contribuamos eprofissionalização
ajudemos com a prestação de serviço profissional a essas propriedades que necessitam se desenvolver, tendo
em vista a mudança e a dinâmica do mercado mundial por alimentos.
Assim, além do gerenciamento da propriedade o empresário rural necessita compreender das tecnologias e
 disponíveis para a atividade. Em alguns casos, acessar a crédito com juros baixos para custeio etécnicas
investimento, seja uma alternativa de acesso à essas tecnologias disponíveis. Quando falamos de tecnologia, não
estamos dizendo apenas aspectos ligados a informatização da propriedade, mas sim aspectos ligados a
melhoramento de semente, melhoramento genético de aves, melhores para rações, tecnologias parapremix
irrigações e maquinários que evitam perdas na colheita.
Acrescentando a esse contexto, os produtores precisam identificar , estabelecer oportunidades