A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
259 pág.
Pack Estatística

Pré-visualização | Página 7 de 48

missão e valores das empresas delimita como deve ser a postura ética e 
conduta moral de seus funcionários. Desta forma, garante que a empresa tenha 
uma postura ética em relação aos seus pares, como são chamados os stakehol-
ders, como acionistas, funcionários, poder público, clientes e sociedade, gerando 
códigos de ética para demonstrar que a empresa tenha responsabilidade social e 
ambiental, respeitando normas e regras vigentes. (HAMEL, 2007).
O documento principal que deve ser elaborado pela corporação (e muitas vezes até servir de 
base para uma capacitação) é o Código de Ética Corporativo, contendo a missão, a visão e valores 
da corporação (SROUR, 2008). Este documento, entregue normalmente antes do início dos traba-
lhos de um novo funcionário, deve conter todas as normas e valores que serão essenciais para a 
boa conduta dos colaboradores em relação às normas da empresa, às boas práticas de trabalho e 
à relação social e ambiental. Confira! 
 • Compromisso ético da empresa perante a comunidade, público interno e público 
externo (Responsabilidade Social). 
 • Práticas anticorrupção. Deve demonstrar todas as entradas e valores de serviços, 
bens e mercadorias de forma legal e lícita, com transparência dos registros e 
balanços perante os órgãos fiscais, para evitar práticas como “caixa dois”, sone-
gação de tributos e corrupção do poder público, propinas e práticas de comissões 
irregulares e brindes. 
 • Divulgação de balanço social para o público externo, em redes sociais e em jornais de 
grande circulação. 
 • Governança corporativa. Se existe na alta direção da empresa consciência dos atos 
referentes às responsabilidades sociais. 
 • Empregados dos fornecedores (se não utilizam mão de obra escrava ou infantil, 
por exemplo).
 • Gerenciamento do impacto ao meio ambiente, como solo, ar e água, além do ciclo de 
vida dos produtos, embalagens e insumos utilizados e pós-venda. 
 • Educação ambiental e desenvolvimento de práticas e ações sustentáveis, 
entre outros.
Entretanto, De Lucca (2009) relembra que não basta somente o Código de Ética como norma 
de conduta. A empresa deve ter um plano estratégico que garanta que todas as etapas dos proces-
sos estejam de acordo com as normas e regras da legislação vigente, comprometendo-se com os 
valores éticos e morais que está solicitando de seus colaboradores.
Figura 1– Ética empresarial.
Fonte: wk1003mike/shutterstock.com
SAIBA MAIS!
Para saber mais sobre missão, visão e valores (Principalmente valores, que são 
as regras de conduta da corporação) leia em: <http://www.sebrae.com.br/Sebrae/
Portal%20Sebrae/Anexos/ME_Missao-Visao-Valores.PDF>.
Passaremos agora ao conceito de responsabilidade social. Continue conosco!
2 O que é Responsabilidade Social?
Tenha em mente que a ética praticada nas corporações está intimamente ligada à atuação 
que estas têm perante a sociedade, ou seja, a Ética Empresarial está ligada à Responsabilidade 
Social. As empresas e instituições públicas, além de terem internamente o Código de Ética e Con-
duta Moral, têm o dever de praticar atos que estejam de acordo com a conduta moral e ética do 
público externo (DE LUCCA, 2009).
FIQUE ATENTO!
Conforme SROUR (2008), Responsabilidade Social acontece quando a empresa, de 
forma voluntária, assume posturas e atitudes que promovam o bem-estar do públi-
co externo e interno (colaboradores e sociedade).
Conforme pontuou De Lucca (2009), a responsabilidade em relação à comunidade se divide 
em: Responsabilidade Social Corporativa; Responsabilidade Social Empresarial; e Responsabili-
dade Social Ambiental. 
A responsabilidade social corporativa diz respeito às preocupações sociais voltadas para o 
público interno e o ambiente de negócios de uma empresa, ao passo que a responsabilidade social 
empresarial tem mais beneficiários, como o público externo, fornecedores, clientes, sociedade, 
governo e envolve questões como a qualidade de vida e bem-estar do público interno. São as 
ações sociais que envolvem a comunidade.
FIQUE ATENTO!
Comportamento ético é diferente de Ética Empresarial. O comportamento ético é 
o que se espera de governos, pessoas, empresas e organizações em todos os sen-
tidos, com bases nos valores como honestidade, equilíbrio e integridade, perante a 
comunidade e ao meio ambiente.
O conceito de Responsabilidade Ambiental é o mais recente. Cada vez mais, fala-se em sus-
tentabilidade ou no chamado desenvolvimento sustentável por meio de práticas, políticas e ações 
que vão além do atendimento ao ambiente interno das corporações, atingindo principalmente as 
questões do público externo, da comunidade e o meio ambiente em si. 
Figura 2 – Ética Empresarial x Responsabilidade Social.
Fonte: totallypic/shutterstock.com
EXEMPLO
As empresas que atuam no segmento papeleiro ou na fabricação de papel, por 
exemplo, além de atenderem normas rígidas governamentais que determinam o 
plantio de certas árvores, o reflorestamento e cuidados com a fauna, devem levar 
em conta conceitos como reciclagem e reutilização de material para fabricação de 
papéis. Elas também devem possuir obrigatoriamente certificações socioambien-
tais para se manter no mercado, como o certificado ISO14000.
As empresas que têm responsabilidade social e cuja prática é baseada na sustentabilidade 
normalmente produzem ações voltadas à comunidade do entorno, mas também à sociedade em 
geral. Ao promover uma ação social colaborativa, a empresa muitas vezes fica marcada por esta 
atividade, e dependendo do setor, outras ações são quase obrigatórias. 
Figura 3 – Produtores de papel devem se comprometer com o reflorestamento.
Fonte: Anna Moskvina/shutterstock.com 
Existem alguns tipos de certificação mais comuns, como o ISO9000 e ISO14000. Estes selos 
denotam que a empresa respeita os direitos humanos, gêneros, comportamento ético e é pautada 
pelo Estado de Direito.
SAIBA MAIS!
ISO14000 é um sistema de gestão ambiental (SGA) segundo o qual empresas que 
demandam ou trabalham com algum tipo de produto que afete o meio ambiente 
devem obrigatoriamente ter premissas para serem aceitos por organizações e 
empresas (clientes finais também) em nível nacional e internacional. Para saber 
mais sobre ISO14000, leia o artigo disponível em: <http://www.qualidade.esalq.
usp.br/fase2/iso14000.htm>
Vamos conferir a seguir a relação entre esses dois conceitos! 
3 Relação entre Ética Empresarial x 
Responsabilidade social
Há uma falsa impressão de que as empresas são compromissadas socialmente e já cum-
prem regiamente a lei. Para que uma empresa seja socialmente responsável, existem fatores a 
serem considerados, como práticas sustentáveis e o balanço social (GOMES e MORETTI, 2007).
O principal desejo e meta das corporações é a lucratividade e o interesse financeiro de seus 
acionistas, entretanto a empresa que deseja ser socialmente responsável deve ouvir o que chama-
mos de stakeholders, ou seja, colaboradores, fornecedores, clientes, parceiros e poder público e 
trazê-los para o centro das atividades sociais.
Figura 4 – Sustentabilidade e Responsabilidade Social.
Fonte: Suz7/shutterstock.com
Entenda que não existe Responsabilidade Social sem ética nos negócios, por isso a necessi-
dade dos códigos de ética empresariais. Não adianta a empresa ser corrupta, fraudar seus regis-
tros e balanços e desenvolver ações sociais, pois quando estes padrões de comportamento virem 
à tona ela terá que responder por eles.
 A empresa deve cultivar em sua cultura organizacional a Responsabilidade Social e Ambien-
tal, além da Ética Empresarial, para obter resultados objetivos no âmbito externo. Em outras pala-
vras, ela deve atender inicialmente o público interno, mantendo seus padrões éticos, para poste-
riormente entrar em uma atividade que envolva a comunidade.
Fechamento
Concluímos esta aula! Aqui, você pôde aprender