A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
Aula 2_Equação da Quantidade de Movimento para Regime Permanente

Pré-visualização | Página 1 de 1

1
Mecânica dos Fluidos
Prof° Edyones Oliveira
1 – Equação da Quantidade de 
Movimento para Regime Permanente
Nada mais é que a segunda lei de Newton da dinâmica modificada funcionalmente 
para o estudo da Mecânica dos Fluidos:
Para um sistema que tem, por definição, massa constante:
Definição: Força resultante, que age no sistema em estudo, é igual à variação 
com o tem poda quantidade de movimento do sistema.
2
Mecânica dos Fluidos
Prof° Edyones Oliveira
1 – Equação da Quantidade de 
Movimento para Regime Permanente
Quando o regime é permanente, as propriedades não variam em cada ponto com o 
tempo, mas podem variar de um ponto para outro.
Como Regime é Permanente:
3
Mecânica dos Fluidos
Prof° Edyones Oliveira
1 – Equação da Quantidade de 
Movimento para Regime Permanente
Vamos analisar as forças componentes da Força resultante.
Logo, a força resultante das pressões e tensões de cisalhamento na superfície 
lateral será:
4
Mecânica dos Fluidos
Prof° Edyones Oliveira
1 – Equação da Quantidade de 
Movimento para Regime Permanente
Uma vez definida essa resultante, pode ser reduzida à:
Lembrando:
Logo:
5
Mecânica dos Fluidos
Prof° Edyones Oliveira
1 – Equação da Quantidade de 
Movimento para Regime Permanente
Pelo princípio da ação e reação:
Logo:
Para facilidade de cálculo nos exercícios, não será levado em consideração o peso 
do fluido:
6
Mecânica dos Fluidos
Prof° Edyones Oliveira
2 – Método de Utilização da Equação
Aplicação 1: Conduto com redução gradual da seção
7
Mecânica dos Fluidos
Prof° Edyones Oliveira
2 – Método de Utilização da Equação
Aplicação 2: Redução de seção e mudança de direção
8
Mecânica dos Fluidos
Prof° Edyones Oliveira
2 – Método de Utilização da Equação
Aplicação 3: Jato incidindo numa placa plana