A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
13 pág.
Espectrofotometria no Infravermelho

Pré-visualização | Página 2 de 2

em qualificação e quantificação de gases em tempo real. Os analisadores de espectro óptico transmitem energia eletromagnética na faixa quase visível. A energia viaja através do campo de gás, para um ou mais refletores, e os espectros retornados são avaliados para determinar quais gases foram encontrados ao longo do caminho. Fornece análise infravermelha de um volume de amostra fora do instrumento. A análise de gás óptico no infravermelho é fornecida ao longo de um caminho linear aberto, como uma linha de cerca, e retorna do refletor ao instrumento para análise. O caminho aberto significa que o campo de gás é externo ao instrumento, ou seja, é aberto ao ambiente e é refletido em um refletor e retornado ao instrumento para análise.
Figura 04 – Espectrômetro de infravermelho por transformada de Fourier de Campo Aberto.
7. INTERPRETAÇÃO DE ESPECTROS
Observar inicialmente a presença ou ausência de absorção devida ao grupamento carbonila. Se o espectro da substância apresentar absorção entre 1820 a 1630 cm-1 (nC=O), seguir a seta à direita e identificar o grupo funcional responsável pela absorção (ácido carboxílico, amida, aldeído, anidrido, éster, haleto de acila, cetona, aril-cetona). Seguir então para o bloco esquerdo do esquema e verificar a presença ou ausência de outras funções orgânicas. Se não apresentar absorção entre 1820 a 1630 cm-1, seguir a seta à esquerda e identificar as ligações ou grupos funcionais presentes ou ausentes na estrutura molecular. Havendo uma ligação dupla ou anel aromático, caracterizar o padrão de substituição nos quadros correspondentes: olefinas ou benzeno e derivados. Finalmente, verificar a presença de grupos CH2 e CH3 no quadro referente a alcanos. A imagem abaixo mostra esse comportamento: 
Figura 05 – Espectro de Infravermelho.
8. APLICAÇÕES
A principal aplicação da espectrofotometria de IV é no auxílio de identificação de amostras, principalmente com relação aos grupos funcionais das moléculas presentes. Dessa forma, ela é uma técnica essencialmente qualitativa de grande importância na identificação de substâncias orgânicas, principalmente na área de síntese. IV também é uma técnica semiquantitativas ou mesmo pode ser quantitativa, mas para isso precisa estar associada a um tratamento estatístico (quimiométrico) robusto. Algumas das vantagens dessa técnica são a facilidade de preparação da amostra; a possibilidade do uso de amostras em filmes sólidos, amostras líquidas e gasosas; bem como o custo, o tamanho e a versatilidade do equipamento necessário para as análises.
REFERÊNCIAS
COUTRIM, Mauricio X. Absorção no infravermelho. Disponível em: <http://professor.ufop.br/sites/default/files/mcoutrim/files/qui_346_iv_e_luminescencia_5a_aula_2016-1_0.pdf>. Acesso em: 24 de maio de 2020.
FERNANDES, Archangelo Padreca. Espectrofotometria. Disponível em: <http://www.profbio.com.br/aulas/praticas_aulas_06.pdf>. Acesso em 24 de maio de 2020.
ESPECTROSCOPIA NA REGIÃO INFRAVERMELHO. Disponível em: <https://www.doraci.com.br/downloads/engenharia/espectroscopia-infravermelho.pdf>. Acesso em 24 de maio de 2020.
PILLING, Sergio. Introdução à espectrofotometria e Lei de Lambert-Beer. Disponível em: <https://www1.univap.br/spilling/FQE2/FQE2_EXP10_Espectrofotometria.pdf>. Acesso em: 25 de maio de 2020.
ESPECTROSCOPIA DE INFRAVERMELHO. Laboratório de Pesquisa em Polímeros e Compósitos. Disponível em: <https://policom.ufsc.br/espectroscopia-de-infravermelho/>. Acesso em: 25 de maio de 2020.
COMPONENTES DO ESPECTROFOTÔMETRO. UFRGS. Disponível em <http://www.ufrgs.br/leo/site_espec/componentes.html>. Acesso em: 26 de maio de 2020.
Open Path - Fourier Transform Infrared (OP-FTIR). Hanford Vapors. Disponível em: <https://hanfordvapors.com/under-evaluation-rtd/wireless-integrated-in-field-spectroscopic-instruments/op-ftir/>. Acesso em: 27 de maio de 2020.
O QUE É INFRAVERMELHO? Flir. Disponível em: <https://www.flir.com.br/discover/what-is-infrared/>. Acesso em 27 de maio de 2020.
FOGAÇA, Jennifer Rocha Vargas. Raios infravermelhos. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/raios-infravermelhos.htm. Acesso em 27 de maio de 2020.
TRASFERETTI, Benedito Claudio. Espectroscopia no infravermelho: obtenção e interpretação de espectros de reflexão especular e constantes dieletricas. 2002. 91p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Quimica, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/250006>. Acesso em: 27 de maio de 2020.
LIN, Cheng-Hsien; GRANT, Richard H.; HEBER, Albert J.; JOHNSTON, Cliff T. Application of open-path Fourier transform infrared spectroscopy (OP-FTIR) to measure greenhouse gas concentrations from agricultural fields. Atmos. Meas. Tech., 12, 3403–3415, 2019.