A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Conceitos básicos da Anatomia Humana

Pré-visualização | Página 1 de 1

PLANO FRONTAL (CORONAL): Corte
vertical, divide o corpo nas partes
anterior e posterior;
PLANO TRANSVERSAL
(HORIZONTAL): Corte horizontal
(cintura), divide o corpo nas partes
superior e inferior;
PLANO SAGITAL: Corte vertical, divide
o corpo em direita e esquerda;
Pode ser chamado de plano mediano
ou plano sagital mediano.
 
Secções oblíquas: Corte em qualquer
plano que fique na diagonal entre o
horizontal e vertical. 
PLANO SAGITAL
No plural, acrescentar
mais uma letra
correspondente
Pessoa fica ereta (de pé), com os pé
retos (dedos apontados para a frente) e
apoiados no chão, o olhar fixo no
horizonte. As palmas das mãos estão
voltadas para frente (anteriormente), os
polegares ficam para fora. 
Conceitos básicos da
Anatomia é o estudo da estrutura do corpo humano. 
Ciência antiga e tem investigação há pelo menos
2.300 anos. 
 Anatomia Humana
PLANO FRONTAL 
PLANO TRANSVERSAL
O. = osso
M. = músculo
A. = artéria
V. = veia
R. = ramo
N. = nervo
Lig. = ligamento
Superior (cranial): Parte de cima
Inferior (caudal) : Parte de baixo 
Medial: Perto do corpo
Lateral: Para fora do corpo
Distal: Origem mais longa de uma
parte do corpo
Proximal: Origem mais perto de
uma parte do corpo
Ipsilateral: Do mesmo lado
Contralateral: De lados opostos
Anterior (ventral): Frente do corpo
Posterior (dorsal): Costas do copo
Superficial: mais próximo da
superfície
Intermédio: Entre uma estrutura
superficial e profunda
Profundo: Mais distante da
superfície.
Anomalias acentuas que deformam a
construção do corpo do indivíduo.
Geralmente é incompatível com a vida.
Prejuízos da função do órgão ou parte do
corpo, pode trazer pertubações
funcionais.
Transversal: Corta horizontalmente,
temos superior e inferior;
Coronal: Corta verticalmente, temos
anterior e posterior;
Sagital: Corta no meio, dividindo em
direito e esquerdo.
Diferenças morfológicas/física que podem
se apresentar externamente ou
internamente (sistema do organismo),
sem prejuízos para as funções.
Tronco: Tórax, abdome e membros.
Membros superiores: 
Raiz ombro
Parte livre: braço, antebraço e mão
Membros inferiores: 
Raiz quadril
Parte livre: coxa, perna e pé
SEMPRE DEPENDE
DE UM PONTO DE
PARTIDA 
Movimentos angulares: eles
aumentam ou diminuem o ângulo
entre dois ossos;
Flexão: diminui o ângulo entre os
ossos (aproxima-os);
Extensão: aumenta o ângulo entre
os ossos (ação de alongamento);
Abdução: afastamento de um
membro em relação á linha média
do corpo;
Adução: movimento de um
membro em direção á linha média
do corpo;
Deslizamento: deslizamentos das
superfícies planas de dois ossos
entre si;
Rotação Medial: em direção ao
plano sagital;
Rotação lateral: em direção oposta
ao plano sagital;
rotação é o giro de um
osso ao redor do eixo
longitudinal
Dividida em duas partes contínuas:
A parte superior: cavidade abdominal
contém o fígado, estômago, ruins e outros
órgãos.
A parte inferior: cavidade pélvica contém a
bexiga urinária, alguns órgãos genitais e o
reto. 
Subdivida em cavidade do crânio (fica
no crânio e acomoda o encéfalo) e
cavidade vertebral (ao longo da
coluna vertebral e acomoda a medula
espinal).
Possui três partes:
Duas partes laterais contendo um pulmão
cercado por uma cavidade pleural e uma
parte central de órgãos chamada
mediastino, contém o coração cercado
pela cavidade pericárdica.
Cavidade torácica: superior e cercada
pelas costelas e músculos da parede
torácica.
Cavidade abdominopélvica: inferior
e cercada pela parede do abdome e
pela cintura pélvica
Alguns órgãos são cercados
pela cavidade peritoneal
Cavidade torácica e
abdominal são separadas
pelo diafragma.
Órgãos viscerais/vísceras: Pulmões,
coração, intestinos e rim.
Paredes ósseas são
rígidas e protegem os
órgãos
Duas divisões:
Circundação: Movimento de um membro ou dedo de forma que ele descreve
um cone no espaço 
Elevação: mover uma parte do corpo para uma posição superior
Depressão: Mover uma parte do corpo para uma posição inferior
Protrusão: Movimento não angular na direção anterior
Retração: Movimento não agular na direção posterior
Supinação: rotação do rádio em torno da ulna, coloca a palma da mão
anteriormente
Pronação: Rotação do rádio em torno da ulna, coloca a palma da mão
posteriormente
Oposição: Movimento chamado oposição do polegar, movimento de pinça
Inversão: Girar a planta do pé
medialmente
Eversão: Girar a planta do pé
lateralmente
Dorsiflexão: elevação do pé, ele fica
próximo a superfície anterior da perna
Flexão plantar: Depressão do pé, com
elevação do calcanhar
Hiperextensão: movimento de
extensão além do plano anatômico
Inclinação lateral: afastamento do
tronco em relação á linha média do
corpo.
Inversão: Girar a planta do pé
medialmente
Eversão: Girar a planta do pé
lateralmente
Dorsiflexão: elevação do pé, ele fica
próximo a superfície anterior da perna
Flexão plantar: Depressão do pé, com
elevação do calcanhar
Hiperextensão: movimento de extensão
além do plano anatômico
Feito por: Márcia Moura
@marciamoura.nutrir
Marieb, 2014
Moore, 2014
Eixo longitudinal: Posição de pé, ângulo
reto em relação ao solo (linha passa no
meio da cabeça em direção aos pé)
Eixo transversal ou látero-lateral:
Posição de pé, ângulo reto em relação
ao eixo longitudinal (linha passa no
meio do corpo sentido direita-esquerda)
Eixo sagital ou antero-posterior: (7) :
Posição de pé, ângulo reto com ambos
os eixos (como se fosse uma flecha no
peito)

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.