A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Agravo de instrumento

Pré-visualização | Página 1 de 1

Requisitos: nome das partes, o nome e endereço dos advogados, exposição do fato e do direito, as razões do pedido 
de reforma ou de invalidação da decisão e o próprio pedido. 
Documentos Necessários: petição inicial, contestação, da petição que ensejou a decisão agravada, a decisão agravada, 
 certidão da respectiva intimação ou outro documento oficial que comprove a tempestividade e as procurações. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Agravo de 
Instrumento 
ART 1015-1020 
I. Tutelas provisórias 
II. Mérito do processo 
III. Rejeição de convenção de arbitragem 
IV. Incidente de desconsideração da 
personalidade jurídica 
V. Rejeição, revogação ou acolhimento do 
pedido de gratuidade da justiça 
VI. Exibição ou posse de documento ou coisa 
VII. Exclusão de litisconsorte 
VIII. Rejeição do pedido de limitação do 
litisconsórcio 
IX. Admissão ou inadmissão de intervenção 
de terceiros 
X. Concessão, modificação ou revogação do 
efeito suspensivo aos embargos à execução 
XI. Redistribuição do ônus da prova nos 
termos do art. 373, § 1º 
 
Matérias Agraváveis 
Cabe de Decisões 
Interlocutórias 
Decisões Interlocutórias 
não agraváveis devem 
ser arguidas como 
PRELIMINAR de 
Apelação 
Interposto no 
Tribunal Ad Quem 
Prazo de 15 dias -> 
requisitos e documentos 
necessários do art. 1016 
e 1017 CPC 
Se for eletrônico: O agravante poderá requerer 
a juntada, aos autos do processo, de cópia da 
petição do agravo de instrumento, do 
comprovante de sua interposição e da relação 
dos documentos que instruíram o recurso. 
Não sendo eletrônico: o agravante deverá 
informar sobre a interposição do recurso ao juiz 
no prazo de 3 dias. –> o descumprimento 
importará na inadmissibilidade do recurso. 
 
Preenchido os 
Requisitos o Recurso 
é Recebido 
Art. 1027, II, §1, 
CPC 
Julgamento 
Parcial do Mérito. 
Art. 356, §5 
 Também caberá agravo de instrumento contra decisões 
interlocutórias proferidas na fase de liquidação de sentença ou 
de cumprimento de sentença, no processo de execução e no 
processo de inventário. 
O relator no prazo de 5 dias: 
I. poderá atribuir efeito suspensivo ou deferir a tutela 
antecipada. II. intimar o agravado pessoalmente ou o 
advogado para juntar documentos que entender 
necessários em 15 dias (contrarrazões). III. Intimar o MP 
 
 
 Não conhecer de recurso inadmissível, prejudicado ou que não 
tenha impugnado especificamente os fundamentos da decisão 
recorrida; 
 Negar provimento a recurso que for contrário a: 
a) súmula do STF, do STJ ou do próprio tribunal; b) acórdão 
proferido pelo STF ou pelo STJ em recursos repetitivos; c) 
entendimento firmado em IRDR ou de assunção de competência 
 
O relator 
solicitará data 
para julgamento 
 
Retratação: O juiz 
poderá retratar-se 
e o agravo ficará 
prejudicado. 
 
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2015/Lei/L13105.htm#art373§1