A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Prótese removível - Classificação de cummer

Pré-visualização | Página 1 de 1

Prótese removível
Classificação de Cummer
Resumo prótese parcial removível – Vanessa Wunsch
A classificação de Cummer é de uso fundamental nos procedimentos de elaboração do plano. Por ter bases biomecânicas considera:
O tipo de suporte:  a Classes I e II são de suporte misto, dental e fibromucoso. Esses tipos de arco podem sofrer, quando em função pequenos movimentos rotacionais em torno do fulcro, que passa sobre os dois principais apoios.
As classes III e IV são exclusivamente dentossuportada, portanto, sem eixo de rotação reais.
Localização ideal do retentor indireto: os casos de Classe I e II exigem retentores indiretos. A sua localização é determinado traçando-se uma linha perpendicular a linha de fulcro equidistante dos dois dentes de suporte. (Equidistante: que se afastam por igual.)
Classes III e IV como são de regime de trabalho exclusivamente dentário, não necessitam de retentores indiretos. Possuem eixos de rotação virtual.
Classe I ou diagonal
Dois retentores dispostos diagonalmente no arco. (disposto:organizado,  inclinado)
Classe II ou diametral:
Dois retentores diretos opostos diametralmente no arco.
Classe III ou unilateral:
Dois ou mais retentores diretos colocados no mesmo lado do arco..
Classe IV ou multilateral
Três ou quatro retentores diretos em relação triangular ou quadrangular no arco