A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
13 pág.
TCC I (ATLETISMO)

Pré-visualização | Página 1 de 2

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA (BACHARELADO) 8º SEMESTRE
Discente: BIANCA RAYONE DA CRUZ MENACHO
ATLETISMO COMO ESPORTE BASE NO DESENVOLVIMENTO MOTOR DE CRIANÇAS NA FASE DE INICIAÇÃO ESPORTIVA
Trabalho de Conclusão de Curso I (TCC I)
CACERES-MT
2021
Discente: BIANCA RAYONE DA CRUZ MENACHO
ATLETISMO COMO ESPORTE BASE NO DESENVOLVIMENTO MOTOR DE CRIANÇAS NA FASE DE INICIAÇÃO ESPORTIVA
Trabalho de Conclusão de Curso I (TCC I)
Trabalho apresentado ao Curso de Educação Física (Bacharel) - Universidade Norte do Paraná para a disciplina de TCC I (Trabalho de Conclusão de Curso I)
CACERES-MT
2021
SUMÁRIO
1.	INTRODUÇÃO	4
2.	PROBLEMATIZAÇÃO	5
3.	OBJETIVOS	6
3.1 OBJETIVO GERAL	6
3.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS......................................................................... 6
4.	JUSTIFICATIVA	7
5.	METODOLOGIA	8
5.1 MÉTODO	8
6.	REVISÃO BIBLIOGRÁFICA	9
7.	CRONOGRAMA DA PESQUISA	12
8.	RESULTADOS ESPERADOS	12
9.	REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS	13
1. INTRODUÇÃO
No decorrer do crescimento de uma criança, pode-se observar que depois que esta aprende a dar os seus primeiros passos, consequentemente tenta executar com mais destreza e rapidez, fazendo com que aprenda a correr. O mesmo se diz quando estão alegres e tentam pular mais alto ou a frente. Contudo, é assim que o atletismo também surge, de forma natural e espontânea e não apenas nas pistas e campos de treinamento. 
Considerando a fase de iniciação esportiva, muitas vezes a criança é inserida diretamente a um esporte coletivo como futebol, futsal, handebol, enfim pulando a modalidade do atletismo, a qual possui movimentos e habilidades motoras que se bem trabalhadas e habilitadas, tornam-se naturais e simples durante a realização dos demais esportes. “O Atletismo é estritamente ligado aos movimentos naturais do ser humano de correr, marchar, lançar, arremessar e saltar, e, por isso, é chamado de esporte base.” (GONÇALVES, 2007, p. 01).
Em vista disso, é viável então que durante a fase de iniciação esta prática seja inserida em primeira mão, pelo fato que esta apresenta movimentos corporais naturais do atletismo? Além de possuirmos estas práticas, seria interessante aperfeiçoá-las e consequentemente adquirir um melhor desempenho nas diferentes modalidades a serem praticadas?
A iniciação esportiva é passo para muitas crianças que descubram o mundo esportivo no futuro das mesmas. O objetivo do presente projeto é destacar os teóricos a serem desenvolvidos para elaboração do nosso trabalho de conclusão de curso (TCC), sendo assim será necessário explorar o contexto da contribuição do Atletismo no desenvolvimento motor em crianças na fase de iniciação esportiva, bem como identificar os aspectos relevantes na iniciação esportiva, que influenciam diretamente no desenvolvimento integral das crianças.
2. PROBLEMATIZAÇÃO
Os esportes coletivos e individuais são existentes no cotidiano de atletas e amadores tanto para adultos como para crianças. São inúmeras as buscas por talentos em crianças e adolescentes entre as mais variadas modalidades esportivas, fazendo com que pratiquem repetidamente a modalidade desejada propriamente dita ou em trabalhos de condicionamento físico, mesmo sabendo que todas elas levam uma parte característica do atletismo.
A busca num corpo hábil muitas vezes parte em meios distintos do Atletismo, sem que haja uma primeira vivência da modalidade. Contudo buscamos analisar a importância do trabalho desta modalidade durante a infância, mais ainda durante a fase de iniciação esportiva para as habilidades motoras, de modo que esclareça tal contribuição para outras modalidades esportivas que forem praticadas em sequência com base aos referenciais teóricos de diferentes autores.
 
3. OBJETIVOS
 3.1 OBJETIVO GERAL
Nosso objetivo é evidenciar como o Atletismo torna-se importante para o desenvolvimento motor de crianças durante a fase de iniciação esportiva, levando em consideração as diferentes habilidades naturais existentes nesta modalidade.
3.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS
O presente estudo do tema citado tem por objetivo:
· Conhecer as características da prática do Atletismo
· Possibilitar as crianças o acesso as diferentes habilidades da modalidade em foco
· Investigar os efeitos durante a prática do Atletismo em relação as habilidades motoras
· Explorar possíveis benefícios ao inserir o Atletismo durante a fase de iniciação esportiva.
4. JUSTIFICATIVA
	Conforme os Parâmetros Curriculares Nacionais de 1997 (PCNs), o trabalho de Educação Física é importante, pois possibilita aos alunos terem desde cedo, a oportunidade de desenvolver habilidades corporais e de participar de atividades culturais, como jogos, esportes, lutas, ginásticas e danças, com a finalidade de lazer, expressão de sentimentos, afetos e emoções.
Torna-se necessário então, que os profissionais de Educação Física ofereçam inicialmente a prática do atletismo, de forma prazerosa e limitadora, respeitando a realidade do meio em que está trabalhando, pois a importância formativa desta modalidade traz várias habilidades, que oportuniza o aluno de adquirir ao menos uma aptidão física para seu desenvolvimento. Sendo assim, a partir do momento em que o aluno se depara no jogo, este efetuará com mais destreza nos movimentos, pois seu primeiro contato já havia ocorrido com o atletismo. De acordo com Kirsch; Koch; Oro (1984), a Educação Física deve oferecer meios para alcançar as formas esportivas mais variadas de acordo com as possibilidades de nossos alunos. Na fase de iniciação, o ideal é oferecer um grande número de oportunidades para o desenvolvimento de habilidades motoras variadas, pois proporcionamos ao aluno iniciante, experiências motoras em corridas, equilíbrio, lançamentos, saltos, etc.
No entanto, a escolha da modalidade do atletismo como pesquisa, é pelo fato da importância em trabalhar as habilidades motoras fundamentais e naturais durante a infância, mais ainda durante a fase de iniciação esportiva as habilidades motoras, de modo que tornem se bem aplicadas e com destreza, contribuindo para outras modalidades esportivas que forem praticadas em sequência.
5. METODOLOGIA
	Primeiramente será realizado um diagnóstico situacional da prática de habilidades motoras durante a iniciação esportiva, através da leitura dos artigos: “Iniciação esportiva universal” do livro 1. ed. Belo Horizonte: UFMG, e “Compreendendo o desenvolvimento motor: bebês, crianças, adolescentes e adultos. 3ª ed. São Paulo: Phorte, 2005. Sendo assim, faremos os levantamentos bibliográficos de diferentes autores, uma vez que o embasamento analisado corresponde à fontes científicas da área do projeto de pesquisa aqui apresentado.
5.1 MÉTODO
Para esta pesquisa utilizamos as bases de dados Biblioteca Virtual em efdeportes, no Scientific Electronic Library Online; Google Acadêmico; Medline; Scielo e Lilacs, direcionando-a os seguintes descritores: Atletismo; esporte base, desenvolvimento motor; crianças, iniciação esportiva.
6. REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
Segundo Gomes (2008) “através da prática do atletismo, as crianças aprendem a conviver em sociedade, conhecer e observar regras, reconhecer e aceitar os limites de seu corpo e de seus colegas”. Nos dias de hoje, o atletismo é tão conhecido em todas as regiões e praticado de forma amadora, já que ainda é pouco implantado no meio social, principalmente para o público mais jovem com intuito de uma prática mais profissional ou competitiva.
	A iniciação esportiva é a fase onde a criança passa a entender as práticas esportivas de forma organizada e orientada. É fundamental compreender a fase que a criança se encontra para aplicação de atividades corretas e fundamentadas. A etapa mais abrangente e excelente para melhora do processo de desenvolvimento esportivo está na faixa etária de 6 a 12 anos (GRECO e BENDA, 1998). 
	Go Tani afirma que:
Sob o ponto de vista de estudos o desenvolvimento infantil, pode-se afirmar que existem evidências suficientes para uma tomada de decisão

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.