A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
52 pág.
Banco de Questões - Farmacologia Básica

Pré-visualização | Página 1 de 13

Fa
tor
Farma
Farmacocinética
Farmacodinâmica
Hipolipêmicos
Hipoglicemiantes
Anti-inflamatórios
Anti-hipertensivos
Farmacologia da Coagulação
Farmacologia do Sistema Digestório
Antibióticos
Farmacologia do Sistema Nervoso Autônomo
Farmacologia do Sistema Nervoso Central
Pg. 3
Pg. 8
Pg. 11
Pg. 15
Pg. 19
Pg. 22
Pg. 26
Pg. 28
Pg. 31
Pg. 35
Pg. 43
Farmacocinética
1. Uma paciente de 18 anos é trazida ao
setor de emergências devido à dosagem
excessiva (overdose) de droga. Qual das
seguintes vias de administração é a
melhor para aplicar o antídoto contra a
overdose?
A. Intramuscular.
B. Subcutânea.
C. Transdérmica.
D. Oral.
E. Intravenosa.
2. A clorotiazida é um ácido fraco com
pKa de 6,5. Em qual dos seguintes locais
de absorção ela consegue passar
facilmente através da membrana se for
administrada por via oral?
A. Boca (pH aproximado de 7).
B. Estômago (pH de 2,5).
C. Duodeno (pH aproximado de 6,1).
D. Jejuno (pH aproximado de 8).
E. Íleo (pH aproximado de 7).
3. Qual dos seguintes tipos de fármacos
tem biodisponibilidade oral máxima?
A. Fármacos com alta biotransformação de
primeira passagem.
B. Fármacos altamente hidrofílicos.
C. Fármacos amplamente hidrofóbicos, mas
solúveis em solução aquosa.
D. Fármacos quimicamente instáveis.
E. Fármacos que são substratos da
glicoproteína P.
4. Qual das seguintes afirmações é
verdadeira em relação à barreira
hematencefálica?
A. As células endoteliais da barreira
hematencefálica têm junções com fendas.
B. Fármacos ionizados ou polares podem
atravessar facilmente a barreira
hematencefálica.
C. Os fármacos não podem atravessar a
barreira hematencefálica por meio de
transportadores específicos.
D. Fármacos lipossolúveis atravessam
facilmente a barreira hematencefálica.
E. A estrutura capilar da barreira
hematencefálica é similar à do fígado e do
baço.
5. Uma paciente de 65 anos (60 kg) com
anamnese de acidente vascular encefálico
(AVE) isquêmico recebeu a prescrição de
clopidogrel para prevenção de AVE. Ela
voltou a ser hospitalizada após 6 meses
devido a AVE recorrente. Qual das
seguintes afirmações é a provável razão
para não responder ao tratamento com
clopidogrel? Ela é:
A. Pobre biotransformadora por CYP2D6.
B. Rápida biotransformadora por CYP1A2.
C. Pobre biotransformadora por CYP2E1.
D. Rápida biotransformadora por CYP3A4.
E. Pobre biotransformadora por CYP2C19.
6. Qual das seguintes reações
metabólicas de fase II torna um metabólito
de fase I facilmente excretável pela urina?
A. Oxidação.
B. Redução.
C. Glicuronidação.
D. Hidrólise.
E. Desidrogenação alcoólica.
7. A alcalinização da urina com
bicarbonato é usada no tratamento de
pacientes que apresentam dosagem
excessiva de fenobarbital (ácido fraco).
Qual das seguintes afirmativas descreve
Farmacocinética
melhor a razão de alcalinizar a urina nessa
situação?
A. Para reduzir a reabsorção de fenobarbital.
B. Para diminuir a ionização de fenobarbital.
C. Para aumentar a filtração glomerular de
fenobarbital.
D. Para diminuir a secreção tubular proximal.
E. Para aumentar a reabsorção tubular de
fenobarbital.
8. Marque a alternativa CORRETA sobre o
volume de distribuição de fármacos:
A. O volume de distribuição correlaciona a
quantidade de fármaco livre no corpo com a
concentração de fármaco que foi
administrada.
B. O volume de distribuição calculado não
deve exceder qualquer volume físico do
corpo, porque ele é o volume necessário
para conter a quantidade de fármaco na
concentração encontrada no sangue.
C. Fármacos com volume de distribuição alto
tem concentração mais elevada no tecido
extravascular, ou seja, não são distribuídos
de forma homogênea.
D. Os fármacos que são completamente
retidos dentro do compartimento vascular
têm um alto volume de distribuição.
9. A velocidade e a extensão de absorção
de um fármaco são afetadas por diversos
fatores que são específicos à situação do
tratamento. A respeito da absorção de um
fármaco assinale alternativa CORRETA:
A. Uma dose mais alta e/ou administrada
mais rapidamente resulta em maior aumento
na concentração local do fármaco, isso
aumenta a tendência do fármaco a sofrer
difusão através das membranas ou no
sangue, com consequente diminuição na
concentração local do fármaco.
B. A absorção de um fármaco ocorre
primariamente através do sistema circulatório,
enquanto o sistema linfático contribui com um
componente menor, uma vez absorvido na
circulação sistêmica, o fármaco é então
capaz de alcançar qualquer órgão-alvo com a
possível exceção dos compartimentos
santuários, como o cérebro e os testículos.
C. Os órgãos e os tecidos variam
acentuadamente na sua capacidade de
captar diferentes fármacos, bem como na
proporção de fluxo sanguíneo sistêmico que
recebem, as forças que governam a
distribuição de um fármaco entre os diversos
tecidos e compartimentos afetam
enormemente a concentração do fármaco no
plasma.
D. A capacidade dos tecidos não-vasculares
e das proteínas plasmáticas de captar e/ou
de ligar-se ao fármaco contribui para a
complexidade dos esquemas de dosagem e
também deve ser considerada para alcançar
níveis terapêuticos do fármaco.
10. O metabolismo dos fármacos envolve
dois tipos de reação, conhecidos como
reações de fase I e reações de fase II.
Sobre estas reações é CORRETO afirmar:
A. As reações de fase I são anabólicas e
envolvem a conjugação, resultando em
produtos inativos que são excretados.
B. As reações de fase I e II ocorrem
principalmente no plasma, intestino ou
pulmões.
C. Entre as reações de fase II, estão:
oxidação, hidroxilação, desalquilação,
desaminação e hidrólise.
D. Os metabólitos obtidos nas reações de
fase II são mais hidrossolúveis que seu
precursor, sendo eliminados na urina ou bile.
E. As reações de fase II estão relacionadas
ao metabolismo de pró-fármacos ou pró-
drogas, onde a forma farmacologicamente
ativa é obtida depois que o pró-fármaco ou
pró-droga é metabolizado.
Farmacocinética
11. A lipossolubilidade e a
hidrossolubilidade são características de
um fármaco que afetam diretamente sua
farmacocinética. Acerca da
hidrossolubilidade e lipossolubilidade,
assinale a alternativa CORRETA:
A. Características como hidrossolubilidade e
lipossolubilidade não interferem na taxa de
difusão passiva de um fármaco através das
membranas celulares.
B. Fármacos lipossolúveis atravessam
facilmente a barreira hematoencefálica e
atingem sítios de ligação no sistema nervoso
central.
C. A hidrossolubilidade ou lipossolubilidade
são fatores que não alteram a absorção dos
fármacos por via transdérmica.
D. Os fármacos lipossolúveis, após sua
administração, ficam confinados
principalmente no plasma e tecido intersticial.
E. Fármacos hidrossolúveis tendem a se
acumular no tecido adiposo.
12. Após a absorção, o fármaco distribui-
se para os líquidos intersticiais e
intracelulares. Sobre o processo de
distribuição, assinale a alternativa
CORRETA:
A. A fração dos fármacos que não estão
ligados a proteínas plasmáticas, ou seja, a
fração livre, é que apresenta atividade
farmacológica.
B. A ligação de um fármaco a proteínas
plasmáticas é independente da sua afinidade
pelos sítios de ligação a proteínas
plasmáticas e da concentração de proteínas
plasmáticas circulantes.
C. Inicialmente os fármacos são distribuídos
para órgãos com menor irrigação sanguínea
como, por exemplo, fígado, rins e cérebro.
D. A distribuição independe de fatores
fisiológicos e propriedades físico-químicas
dos fármacos.
E. A placenta é uma barreira de proteção do
feto à ação dos fármacos utilizados pela mãe.
13. A absorção de um fármaco está
diretamente relacionada à sua via de
administração. Sobre vias de
administração e absorção dos fármacos,
assinale a alternativa CORRETA:
A. Fármacos ácidos não são absorvidos em
meio ácido.
B. Fármacos básicos apresentam maior
absorção em meio ácido.
C. Fármacos que são administrados por via
oral, apresentam sua biodisponibilidade
reduzida, devido ao efeito de primeira
passagem.
D. Fármacos oleosos podem ser
administrados por via intravenosa.
E. A acidificação