A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
TECIDO MUSCULAR (LÂMINA HISTOLÓGICA)

Pré-visualização | Página 1 de 1

TECIDO MUSCULAR
ESQUELÉTICO
LÂMINA 31 - Corte de músculo estriado esquelético
COLORAÇÃO HE
O musculo esqueletico é constituido de 
celulas cilindricas multinucleadas 
(mionios) e envoltórios de tecido 
conjuntivo.
1- Fibras musculares esqueléticas: 
citoplasma acidofilo com grande 
quantidade de miofiblilas (feixes de 
filamentos finos e espessos) Cada fibra 
é constituída de uma única celula 
cilíndrica denominada miônio.
2- Núcleo de mionios: numerosos 
ovoides e perifericos (sincicio)
3- Estriação transversal: devido à 
organização dos filamentos finos e 
espessos.
4- Envoltórios do tecido conjuntivo
*Endomísio; faixa fina de tecido conjuntivo 
frouxo, rico em fibras reticulares que 
envolve cada fibra. Geralmente em 
imagem negativa.
*Perimísio: tecido conjuntivo frouxo com 
vasos sanguineos, que envolve os 
fascículos (feixe de fibras musculares)
*Epimísio: tecido conjuntivo denso 
ordenado (fáscia muscular) que 
envolve externamente o músculo.
 CHG TERCEIRA PROVA 
Taíssa Occhipinti Magalhães sala 146 
 CHG TERCEIRA PROVA 
Taíssa Occhipinti Magalhães sala 146 
EPIMÍSIO
PERIMISIO
ENDOMÍSIO MIÔNIOS
TECIDO ESTRIADO CARDÍACO
LÂMINA 32 - Corte de coração
COLORAÇÃO HE
CORTE 
LONGITUDINAL
1- Fibras musculares 
cardíacas 
(cardiomiocitos) 
acidófilas e ramificadas 
formando plexos
2- Estriação transversal
3 - Estrias 
escalariformes (discos 
intercalares) unindo os 
cardiomiócitos (célula 
muscular cardíaca). 
Cada cardiomiócito 
possui 1 ou 2 núcleos 
centrais ligeiramente 
excêntrico.
4 - Nucleo dos 
cardiomiocitos: são 
ovoides e com 
localização central ou 
ligeiramente excêntrico.
CORTE TRANSVERSAL
Após localizar o endocardio (tecido conjuntivo 
frouxo que reveste internamente o coração), 
podemos observar as Fibras de Purkinje (fibras 
especiais do sistema de condução) no 
conjuntivo sub-endocárdio
1 - Fibras de purkinje: halo claro ao redor do 
núcleo (imagem negativa do glicogênio). É a 
principal característica para a sua identificação 
histológica, em corte transversal, 
oblíquo ou longitudinal.
Possuem maior diâmetro que as fibras 
do miocardio.
Suas células se unem pelos discos 
intercalares(observados somente em 
corte longitudinal) semelhante à união 
entre os cardiomiócitos
miofibrilas localizadas na periferia da 
célula
 CHG TERCEIRA PROVA 
Taíssa Occhipinti Magalhães sala 146 
TECIDO MUSCULAR LISO
LÂMINA 30 - Corte de músculo liso
COLORAÇÃO HE
1- Fibras 
musculares lisas 
acidófilas: cada fibra 
é formada por 
apenas uma célula 
pequena, fusiforme 
(leiomiócito)
2- Nucleo dos 
leiomiócitos: central 
e alongado
3- ausência de 
estriação 
transversal
Organização em 
fascículos
LÂMINA 99 - Corte de esôfago
COLORAÇÃO HE
Tecido muscular estriado esquelético: 
Espessa camada muscular em contre 
transversal ou obliquo localizado 
abaixo do tecido conjuntivo glandular.
Tecido muscular liso: pequenos 
fascículos geralmente em cortes 
transversais localizados mais 
superficialmente, próximos aos 
adenômeros das glândulas 
esofágicas
 CHG TERCEIRA PROVA 
Taíssa Occhipinti Magalhães sala 146