aula_7_TIC
27 pág.

aula_7_TIC


DisciplinaTecnologia da Informação e Comunicação3.084 materiais16.897 seguidores
Pré-visualização2 páginas
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO - AULA 7
Prof. LUIZ DI MARCELLO
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
 Compreender a dinâmica e as tendências do mercado de trabalho na área de Tecnologia da Informação
OBJETIVOS DA AULA
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Assistindo ao vídeo [1]...
MERCADO SUPERAQUECIDO: ALGUNS NÚMEROS
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Assistindo ao vídeo [1]...
 A cada 2 segundos uma pessoa passa a ter acesso à Internet de alta velocidade
 Investimento da China no Brasil
 Faturamento em 2011: U$ 182 bilhões
 O setor de TI cresce o dobro do PIB
MERCADO SUPERAQUECIDO: ALGUNS NÚMEROS
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Pelas estatísticas do Observatório Softex Sociedade Brasileira para Promoção da Exportação de Software, a indústria brasileira de TI emprega atualmente 600 mil pessoas. Porém, o déficit de mão de obra no setor aumenta ano a ano. Em 2010, havia uma carência de 75 mil profissionais e a previsão de entidades do segmento é de que esse número subirá para 92 mil pessoas em 2011. Elas estimam que até 2013 faltem aproximadamente 200 mil talentos no País
Saídas para evitar o apagão de mão de obra em TI [1]
http://cio.uol.com.br/noticias/2011/07/21/saidas-para-evitar-o-apagao-de-mao-de-obra-em-ti/
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
A indústria brasileira de TI é a oitava do mercado mundial. O setor cresce entre 11% e 14% ano, o dobro do Produto Interno Bruto (PIB)
O Brasil tem a meta de chegar em 2020 com negócios totalizando 200 bilhões de dólares e pular da oitava posição do ranking mundial para o terceiro ou quarto lugar. Mas para alcançar essa meta, Gil afirma que o País precisa formar cerca de 750 mil novos profissionais qualificados e com conhecimento da língua inglesa
Saídas para evitar o apagão de mão de obra em TI [2]
http://cio.uol.com.br/noticias/2011/07/21/saidas-para-evitar-o-apagao-de-mao-de-obra-em-ti/
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Achar talentos qualificados em tecnologia no Brasil tornou-se uma operação de guerra para as companhias que dependem dessas pessoas para sustentar a expansão dos negócios. \u201cNão há profissionais qualificados disponíveis no mercado. Os bons já estão empregados porque são diferenciados. Eles dominam as tecnologias e o inglês\u201d, comenta o gerente-geral da Dasein Executive Search, David Braga. Sua empresa de headhunter tem sido bastante requisitada por companhias dos setores de telecom, finanças e manufatura para achar especialistas em TI
Saídas para evitar o apagão de mão de obra em TI [3]
http://cio.uol.com.br/noticias/2011/07/21/saidas-para-evitar-o-apagao-de-mao-de-obra-em-ti/
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Iniciativas das próprias empresas
Algumas empresas criaram universidades corporativas: um espaço educacional dentro (e gerenciado por) de uma empresa, com o objetivo de institucionalizar uma cultura de aprendizagem contínua, proporcionando a aquisição de novas competências vinculadas às estratégias empresariais
Alguns exemplos: IBM, VALE, ELETROBRÁS, entre outras)
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
MERCADO DE TRABALHO
Assistindo ao vídeo [2]...
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
O mercado de trabalho para os profissionais de TI é próspero e apresenta muitas oportunidades. Mas é importante que o profissional mantenha-se atualizado e desenvolva novas competências e habilidades, além do conhecimento técnico, para manter-se qualificado e apto a enfrentar os novos e constantes desafios
MERCADO DE TRABALHO
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
O profissional de TI deve sempre estar conectado com o mundo da tecnologia, conhecer a fundo as ferramentas disponíveis neste momento não é o suficiente, a tecnologia de hoje não é a de amanhã por isso o profissional deve procurar a evolução e estar preparado para as novidades
MERCADO DE TRABALHO
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Podendo atuar em empresas onde a TI é meio ou atividade fim, as possibilidades são diversificadas e apresentam remuneração e oportunidades diferenciadas de outras áreas
Em um dos vídeos apresentados na aula, Mirian Leitão faz algumas observações e considerações:
 O setor de TI domina a vida moderna e todas as empresas precisam desses profissionais
 Algumas atividades: produção de software, cabeamento, administração de redes, prestação de serviços para pequenas e médias empresas
MERCADO DE TRABALHO
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Analista (desenvolvedor) de Sistemas:
Especificação, análise, projeto, desenvolvimento, documentação, implantação manutenção de produtos de software
Para isso, deve ter conhecimentos técnicos em:
 Hardware e software
 Modelagem de sistemas
 Gerência de Projetos
 Plataforma de Linguagens
Relacionamento interpessoal
PROFISSÕES NA ÁREA DE TI
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Administrador de Redes:
Desenvolvimento, administração e implantação de projetos físicos e lógicos de redes de computadores (corporativas ou residenciais, locais ou de longa distância)
Também supervisiona, audita e coordena a utilização de infraestrutura de TI (cabeamento e ativos)
Relacionamento interpessoal
	 
PROFISSÕES NA ÁREA DE TI
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Analista de Mídias Sociais:
Atento para o que acontece no Meio Digital e no Mundo Virtual 
Conectado a cada rede social
Gera conteúdo relevante para a marca e também para os clientes da marca
Busca novas opções de mídia para a empresa, planeja promoções, interage com o consumidor, aplica estratégias de comunicação nas redes sociais
PROFISSÕES NA ÁREA DE TI
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Gerente de Projeto:
Conhecimentos de TI
Conhecimento de Técnicas e Ferramentas Gerais de Gestão
Desejável formação PMBOK (Project Management Body of Knowledge é um conjunto de práticas em gerência de projetos levantado pelo PMI \u2013 Project Management Institute) 	 
PROFISSÕES NA ÁREA DE TI
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Engenheiro de Testes de Software:
http://profissoesemti.wordpress.com/as-profissoes-de-ti/engenheiro-de-testes/
Criação das estratégias de testes que serão utilizadas no produto em desenvolvimento até a criação dos Planos de Testes, que são passos pré-definidos que o Testador terá que executar, com a finalidade de verificar os resultados esperados de cada passo
Para ficar mais claro, \u201co teste do software é a investigação do software a fim de fornecer informações sobre sua qualidade em relação ao contexto em que ele deve operar. Isso inclui o processo de utilizar o produto para encontrar seus defeitos
	 
	 
	 
PROFISSÕES NA ÁREA DE TI
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Webmaster:
Recebe do webdesigner os arquivos com o design pronto
Decide a tecnologia que será utilizada pelo site
Define o hardware dos servidores
Define a estrutura em geral
	 
	 
	 
PROFISSÕES NA ÁREA DE TI
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Gestor de TI:
http://profissoesemti.wordpress.com/as-profissoes-de-ti/gestao-de-ti/
Gestores da infraestrutura lógica e física e dos serviços relacionados às TICs
Deve conhecer os principais modelos de gestão adotados por TI, cabendo exemplificar: 
 CobiT: recursos de sumário executivo, controle de objetivos, mapas de auditoria, ferramentas de implementação e guia com técnicas de gerenciamento. As práticas de gestão do CobiT são recomendadas pelos peritos em gestão de TI que ajudam a otimizar os investimentos de TI e fornecem métricas para avaliação dos resultados
	 
PROFISSÕES NA ÁREA DE TI
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
Analista de Segurança Informação:
Responsável pelo projeto para Centralização e Correlação de logs de segurança (SO, SQL, firewall, IPS, antivírus, sistemas e acessos)
Atuar no gerenciamento de patches de correção de vulnerabilidades divulgados
Apoio na análise de novo modelo de antivírus: responsável pelas atualizações diárias do antivírus e acompanhamento dos casos de infecções
 
PROFISSÕES NA ÁREA DE TI
AULA 7 \u2013 Prof. LUIZ DI MARCELLO
*
TI Verde incorporado às profissões:
Prática sustentável de produção, gerenciamento e descarte dos equipamentos eletrônicos,