A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
36 pág.
X - acondicionamento

Pré-visualização | Página 1 de 1

Gestão Operacional de Resíduos Sólidos 
GERAÇÃO 
SEPARAÇÃO 
ACONDICIONAMENTO 
APRESENTAÇÃO 
RECUPERAÇÃO 
- Reciclagem 
- Reutilização 
•TRANSPORTE 
•Direto 
•Transferência 
•TRATAMENTO 
•Incineração 
•Compost 
•Recuperação 
•DISPOSIÇÃO FINAL 
•Aterro sanitário 
•Aterro sanitário 
manual 
COLETA 
VARRIÇÃO 
ACONDICIONAMENTO 
 
Onde começam os problemas para 
o serviço de limpeza Urbana de 
sua cidade? 
 
"Em nossas próprias residências". 
ACONDICIONAMENTO 
 
USUÁRIO: Responsabilidade pela 
compra e atendimento das normas. 
 
PODER PÚBLICO: Normatizar e 
conscientizar a população para que 
procure acondicionar de forma correta o 
lixo gerado em cada domicílio. 
ACONDICIONAMENTO 
 
. 
 Preparação dos resíduos para a coleta. Etapa que 
normalmente cabe ao gerador. 
 
 - Importância do Acondicionamento Adequado 
 
1 – Evitar acidentes 
2 – Evitar proliferação de vetores; 
3 – Minimizar impacto visual e olfativo; 
4 – Reduzir a heterogeneicidade dos resíduos 
 (coleta seletiva); 
5 – Facilitar a etapa de coleta. 
 
 
 
Sistema Compatível com a coleta. 
Escolha do tipo de acondicionamento: 
 
• características do lixo; 
• sua geração; 
• freqüência da coleta; 
• tipo de edificação; 
• veículo coletor; 
• preço do recipiente. 
 
 
Movimentação do lixo em áreas 
internas de residência 
 
Características genéricas dos recipientes: 
 
• atender às condições sanitárias; 
• não ser feio, repulsivo ou desagradável; 
• ter capacidade para conter o lixo gerado 
durante o intervalo entre uma coleta e outra; 
• permitir uma coleta rápida, aumentando 
com isso a produtividade do serviço; 
• possibilitar uma manipulação segura por 
parte da equipe de coleta. 
 
Características do recipiente com retorno: 
 
 
•Características (especificações) genéricas dos 
recipientes metálicos ou plásticos (domiciliares) 
 
-capacidade - de 25 a 240 litros; 
-formato – tronco cônico ou tronco piramidal; 
-material – chapa galvanizada, resina plástica, borracha vulcanizada, etc.: 
-cantos – arredondados; 
-reforços – anéis, nervuras estampadas; 
- rodas- facilidade no manuseio; 
-tampa – deverá ajustar-se ao recipiente de forma a evitar exposição do 
lixo e exalação de odores; 
-estanqueidade – para evitar escorrimento de líquidos; 
-resistência – deverá ser suficientemente resistente a fim de evitar 
deformação durante manuseio. 
 
Obs.: ver especificações da ABNT que abrangem também os sacos 
plásticos. 
Características genéricas de recipientes metálicos 
estacionários (contenedores) de grande capacidade: 
 
 
 
• contenedores estacionários, cap. de 750 a 1100 litros: usados em 
veículos de coleta compactadores , com dispositivos mecânicos para 
vazamento nos veículos; 
 
• “Caixa Brooks” - cap. de 5 a 7m³ (basculante); 
 
• “Caixa Dempster” –cap. de 3 a 4m³ (basculante); 
 
•- Contenedores s diversos – cap. de 2,5 a 30m³ (com ou sem 
compactação, tipo “ roll on roll of ”, etc.,). 
 
Obs.: - uso de veículos poliguindastes e outros; 
 - ver especificações da ABNT . 
 
Recipientes com Retorno 
 
 
RECIPIENTES SEM RETORNO 
 
SACOS PLÁSTICOS 
 
•CAPACIDADES : 20 A 100 LITROS 
•ESPESSURA COMPATÍVEL 
•VANTAGENS: leves e higiênicos 
•DESVANTAGENS: frágeis para perfuro 
cortantes, são arrastados por chuvas 
intensas e são rasgados por animais. 
 
 
RECIPIENTES SEM RETORNO 
 
SACOS PLÁSTICOS 
 
 
 
Vantagens Desvantagens 
 
-maior facilidade e rapidez 
na coleta; 
-higiene no manuseio dos 
resíduos mais leves; 
-não sofre corrosão; 
-evita ruídos na coleta; 
-reduz a catação; 
-reduz danos aos 
uniformes dos garis; 
-evita derramamentos; 
- reduz furto. 
 
-custo ao longo do tempo mais 
elevado que o recipiente 
metálico e plástico; 
-possibilidade de problemas em 
aterros sanitários; 
-possibilidade do aumento da 
poluição atmosférica e visual; 
-reciclagem.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.