A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
AULA 03 - PRINCIPIOS DE OSTEOSSINTESE

Pré-visualização | Página 1 de 1

M a r i a L u i z a F e r n a n d e s – O r t o p e d i a – D a v i V e i g a – P á g i n a | 1 
 
FRATURA 
T 
 
T 
T 
o 
 
o 
 
T 
 
T 
o 
o 
 
 
CONSOLIDAÇÃO ÓSSEA 
T 
 
 →
 
T 
T 
T 
o 
→
o 
o 
T 
PRINCÍPIOS DE FIXAÇÃO 
T 
REDUÇÃO DA FRATURA PARA RESTAURAR AS 
RELAÇÕES ANATÔMICAS 
T 
T 
Princípios da osteossíntese – aula 
03 
M a r i a L u i z a F e r n a n d e s – O r t o p e d i a – D a v i V e i g a – P á g i n a | 2 
 
T 
T 
FIXAÇÃO DA FRATURA PROMOVENDO 
ESTABILIDADE ABSOLUTA OU RELATIVA 
T 
T 
T 
PRESERVAÇÃO DO SUPRIMENTO SANGUÍNEO 
T 
T 
MOBILIZAÇÃO SEGURA E PRECOCE 
T 
T 
T 
T 
ESTABILIDADE 
ESTABILIDADE RELATIVA 
T 
→
T 
M a r i a L u i z a F e r n a n d e s – O r t o p e d i a – D a v i V e i g a – P á g i n a | 3 
 
T 
ESTABILIDADE ABSOLUTA 
T →
T 
T 
T 
T 
T 
IMPLANTE 
GESSO 
T 
T 
T 
T 
PLACAS 
T 
o 
o 
T 
T 
T 
T 
T 
PARAFUSO 
T 
M a r i a L u i z a F e r n a n d e s – O r t o p e d i a – D a v i V e i g a – P á g i n a | 4 
 
HASTES INTRAMEDULAR 
T 
T 
T 
T 
FIXADOR EXTERNO 
T 
T 
T 
T 
T 
T 
FIOS DE HIRSCHNER 
T 
T 
T 
T 
REVISANDO 
T 
T 
T 
T 
COMPLICAÇÕES 
CONSOLIDAÇÃO VICIOSA 
T 
RETARDO DE CONSOLIDAÇÃO 
T 
T 
→
T 
PSEUDOARTROSE 
T 
T 
M a r i a L u i z a F e r n a n d e s – O r t o p e d i a – D a v i V e i g a – P á g i n a | 5 
 
T 
RESPOSTAS ÀS PERGUNTAS 
T 
T