A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
14 pág.
Fisioterapia Musculoesqueletica N2

Pré-visualização | Página 1 de 3

FISIOTERAPIA
Pergunta 10,5 em 0,5 pontos
Um paciente de 32 anos de idade possui diagnóstico de síndrome do impacto crônica no ombro esquerdo. Apresenta dor local, discinesia escapular e diminuição da amplitude de abdução, e da rotação externa e da força muscular global ao redor da articulação. Os exames de imagem demonstraram pequeno grau de ruptura do tendão do músculo supraespinal. Recomenda-se o tratamento conservador.Acerca desse caso clínico, assinale a alternativa que descreve a indicação mais efetiva de abordagem fisioterapêutica para o paciente.
Resposta Selecionada:, E. Terapia manual, exercícios pendulares e resistidos com ênfase na fase excêntrica para o supraespinal e demais músculos do manguito rotador, além de exercícios resistidos para os músculos escapulares.
Respostas:, 
A. Ventosaterapia, TENS e crioterapia.
B. Ultrassom, infravermelho, TENS, crioterapia e fortalecimento do deltóide.
C. Laser, crioterapia e fortalecimento do Trapézio
D. Acupuntura, ventosaterapia, massagem local e exercícios pendulares. 
E. Terapia manual, exercícios pendulares e resistidos com ênfase na fase excêntrica para o supraespinal e demais músculos do manguito rotador, além de exercícios resistidos para os músculos escapulares.
Pergunta 20,5 em 0,5 pontos
Analise o caso clínico abaixo e marque a alternativa correta.Paciente M.L.M, do sexo feminino, 68 anos, aposentada, chega ao seu consultório com queixas de dor (grau 6), edema e deformidade na primeira articulação metatarsofalangeana esquerda. A paciente relata trabalhar diariamente com sapatos de saltos altos e que nos últimos meses tem tido dificuldade para calçar os mesmos calçados que costumava utilizar. Na avaliação postural estática e dinâmica você percebe que a paciente tem pés planos e que durante a marcha o peso corporal fica principalmente na borda medial do pé. Com estes dados qual o possível diagnóstico clínico dessa paciente?
Resposta Selecionada:, A. Hálux Valgo
Respostas:, 
A. Hálux Valgo
B. Neuroma de Morton
C. Bursite retrocalcanear
D. Síndrome do túnel do tarso
E. Fascite Plantar
Pergunta 30,5 em 0,5 pontos
A Síndrome do desfiladeiro torácico (SDT) se caracteriza pela compressão do plexo braquial, artéria e ou veia subclávia em regiões de estreitamentos anatômicos. Analise as afirmativas abaixo e marque a alternativa correta.I- As três regiões de estreitamentos anatômicos que podem gerar a síndrome do desfiladeiro torácico são espaço interescalênico, costoclavicular e subacromial. II- O espaço costoclavicular é limitado anteriormente pela clavícula, músculo subclávio e ligamento costocoracóide, póstero-medialmente pela primeira costela, póstero-lateralmente pela borda superior da escápula. III- Geralmente os pacientes que com SDT apresentam fraqueza dos músculos trapézio médio e superior, levantador da escápula e esternocleidomastoideo além, de encurtamento dos músculos escaleno anterior e médio., peitoral maior e menor. IV- A diminuição ou ausência do pulso radial pela compressão apenas da artéria subclávia indica sinal negativo ao Teste de Adson.
Resposta Selecionada:, 
C. As alternativas II e III estão corretas
Respostas:, 
A. As alternativas II e IV estão corretas
B. As alternativas III e IV estão corretas
C. As alternativas II e III estão corretas
D. As alternativas I, II, III e IV estão corretas
E. As alternativas I e II estão corretas
Pergunta 40 em 0,5 pontos
15- Analise o caso clínico abaixo e marque a alternativa correta. Paciente 35 anos sofreu fratura do colo cirúrgico do úmero sem deslocamento há 6 semanas. Realizou tratamento conservador onde ficou imobilizado nesse período com tipóia (velpeau de verão). Irá realizar fisioterapia em sua clínica pela primeira vez. Na avaliação, apresenta limitação de todos os movimentos glenoumerais, escapulares e de flexão-extensão de cotovelo além de edema em punho e dedos.I- O tipo de consolidação é secundário, pois há movimento no foco de fratura e formação de calo ósseo.II- O tipo de dispositivo é proteção contra estresseIII- Teremos como principais objetivos redução do edema, ganho de amplitude articular e força muscular.IV- Ainda não podemos realizar exercícios resistidos com esse paciente.
Resposta Selecionada:, 
D. Apenas as alternativas II, III e IV estão corretas
Respostas:, 
A. Apenas as alternativas I, II e III estão corretas.
B. Apenas as alternativas III e IV estão corretas.
C. Apenas as alternativas III e IV estão corretas
D. Apenas as alternativas II, III e IV estão corretas
E. Apenas as alternativas I e III estão corretas.
Pergunta 50,5 em 0,5 pontos
Paciente J.A.S., 55 anos, aposentada, começou a apresentar dor no ombro direito há meses, logo após realização de cirurgia cardíaca. Ao longo dos últimos seis meses, a paciente começou a apresentar rigidez na articulação, tendo dificuldades para alguns movimentos. Na avaliação fisioterapêutica pode-se observar escápula aderida, diminuição de amplitude de movimento (ADM) ativa e passiva de rotação externa (0°), rotação interna (20°), abdução (30°), flexão (45°) e elevação no plano escapular (50°); dor no final das amplitudes de movimentos com sensação de travamento articular por rigidez de tecidos moles. Ao final da avaliação, você tem todos os indicativos de que a sua paciente está apresentando um quadro de capsulite adesiva no ombro direito. Sobre essa patologia podemos afirmar:
Resposta Selecionada:, A. É uma patologia auto limitante onde o paciente apresenta grande limitação de amplitude de movimento. Apresenta fases inflamatória e dolorosa; de congelamento; e de descongelamento que pode demorar até 2 anos para recuperação total.
Respostas:, 
A. É uma patologia auto limitante onde o paciente apresenta grande limitação de amplitude de movimento. Apresenta fases inflamatória e dolorosa; de congelamento; e de descongelamento que pode demorar até 2 anos para recuperação total.
B. É uma patologia dolorosa e inflamatória, mas os pacientes não apresentam limitação de movimento, por isso, pode levar somente alguns meses pra recuperação total.
C. É uma patologia auto limitante que envolve dor, inflamação, ruptura total do manguito rotador, diminuição de ADM ativa mas não passiva e que pode ser solucionada sem tratamento em até 06 meses.
D. É uma patologia auto limitante, onde primeiramente, o paciente apresentará grande diminuição de amplitude de movimento e depois, dor e inflamação capsular.
E. É uma patologia que envolve a ruptura total do manguito rotador e devido a isso, o impacto da cabeça do úmero na cavidade glenóide, gerando dor, inflamação e limitação de amplitude de movimento.
Pergunta 60 em 0,5 pontos
A respeito do impacto femoro-acetabular (IFA) do quadril, marque a alternativa correta:
Resposta Selecionada:, D. O sintoma mais característico é uma dor na região da nádega semelhante à ciatalgia.
Respostas:, A. O tipo Pincer ocorre quando a junção ântero-superior da cabeça femoral é proeminente, ou há um ”bump” ósseo do colo femoral.
B. O mecanismo de lesão mais comum são os movimentos repetitivos de adução associado a hiperextensão de quadril.
C. O tipo CAM ocorre quando há uma cobertura excessiva do acetábulo sobre a cabeça femoral
D. O sintoma mais característico é uma dor na região da nádega semelhante à ciatalgia.
E. O impacto femoro-acetabular tem sido relacionado com artrose precoce do quadril.
Pergunta 70 em 0,5 pontos
Um paciente que apresenta síndrome do desfiladeiro torácico com compressão no tronco inferior do plexo braquial pode apresentar os seguintes sintomas:
Resposta Selecionada:, D. Dor no ombro, mandíbula e ouvido
Respostas:, 
A. Todas as alternativas anteriores
B. Dor na região occipital, interescapular e polegar
C. Dor na região axillar, medial do braço, dedo anular e mínimo.
D. Dor no ombro, mandíbula e ouvido
E. Dor na região ântero-lateral do pescoço
Pergunta 80,5 em 0,5 pontos
Em uma avaliação fisioterapêutica, um paciente de 45 anos do sexo masculino,

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.