A maior rede de estudos do Brasil

quais diferenças anatômicas e fisiológicas de animais ruminantes e não ruminantes?

Zootecnia Geral

ESTÁCIO


2 resposta(s)

User badge image

Josue

Há mais de um mês

Diferença Anatômica entre Ruminante e Monogástrico

Monogástricos: (mono=1 gastrico= digestão) são os animais que apresentam um estômago simples, com uma capacidade de armazenamento pequena e que digere o alimento com substâncias produzidas no próprio organismo portanto o fornecimento de alimentos deve ser constante. Existem monogástricos carnívoros como o cão e o gato; herbívoros como o coelho e o cavalo; e onívoros como as aves e os suínos.

Ruminantes: (latim científico: Ruminantia) os ruminantes tem vários "estômagos" onde acontecem diversos estágios da digestão, além de apresentar microoganismos que digerem celulose para eles, como no caso das vacas. Estes são uma subordem de mamíferos artiodátilos, que inclui os veados, girafas, bovídeos e por vezes incluídos até mesmo os camelos, caracterizados. Os ruminantes possuem vários compartimentos gástricos, por isso são também denominados de poligástricos. Os compartimentos nos ruminantes são quatro... rúmen, retículo, omaso e abomaso. O termo ruminantes advém do fato destes animais ruminarem, isto é, depois de ingerirem rapidamente o alimento, entre os períodos de alimentação eles tornam a regurgitar o alimento para a boca, onde é de novo mastigado (ruminado) e deglutido.

Espero ter ajudado...!!!!Bjs

 

Diferença Anatômica entre Ruminante e Monogástrico

Monogástricos: (mono=1 gastrico= digestão) são os animais que apresentam um estômago simples, com uma capacidade de armazenamento pequena e que digere o alimento com substâncias produzidas no próprio organismo portanto o fornecimento de alimentos deve ser constante. Existem monogástricos carnívoros como o cão e o gato; herbívoros como o coelho e o cavalo; e onívoros como as aves e os suínos.

Ruminantes: (latim científico: Ruminantia) os ruminantes tem vários "estômagos" onde acontecem diversos estágios da digestão, além de apresentar microoganismos que digerem celulose para eles, como no caso das vacas. Estes são uma subordem de mamíferos artiodátilos, que inclui os veados, girafas, bovídeos e por vezes incluídos até mesmo os camelos, caracterizados. Os ruminantes possuem vários compartimentos gástricos, por isso são também denominados de poligástricos. Os compartimentos nos ruminantes são quatro... rúmen, retículo, omaso e abomaso. O termo ruminantes advém do fato destes animais ruminarem, isto é, depois de ingerirem rapidamente o alimento, entre os períodos de alimentação eles tornam a regurgitar o alimento para a boca, onde é de novo mastigado (ruminado) e deglutido.

Espero ter ajudado...!!!!Bjs

 

User badge image

Karla

Há 21 dias

Ruminantes apresentas cavidades no sistema digestório, por isso alguns autores os denominam "pluricavitarios", rumem, retículo, omaso e abomaso, cada um desses compartimentos apresentam uma função e as partículas só passam para o processo de digestão final quando estão no tamanho ideal, caso contrario o alimento volta a boca do ruminante para maior degradação. E ainda se tem a presença da goteira esofágica em bezerros, que é necessária durante a alimentação líquida dos bezerros, quando eles começam a ingerir sólidos essa goteira começa a perder a funcionalidade.

Os não ruminantes ou monogástricos, só possuem 1 cavidade onde ocorre todo processo com ácidos, diminuição de partículas e etc.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes