Buscar

atividade contextualizada Bioestatistica (enviar)

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

Matemática Aplicada e Bioestatística 
xxxxxxxxxxx 
xxxxxxxx 
Farmácia 
 
 
A Bioestatística é o termo que designa as aplicações da Estatística em Ciências 
Biológicas e da Saúde desde os planejamento, coleta, avaliação e interpretação dos dados, 
ou seja, é o ramo da estatística responsável pela interpretação adequada dos dados 
científicos gerados na biologia, saúde pública e outras ciências da saúde. Ela fornece 
caminhos para interpretar dados que não poderiam ser analisados apenas em estudos 
qualitativos. Por meio dela, ainda é possível imputar e investigar informações para 
estudos epidemiológicos, como perfis de demografia, natalidade e mortalidade, além da 
incidência e prevalência de doenças. Nesse contexto, o uso desse conhecimento nas 
ciências da saúde torna possível realizar adaptações de suas ferramentas às inúmeras 
questões envolvidas na pesquisa nesse campo. Conhecer as aplicações da bioestatística à 
medicina é um importante fator que possibilita ao médico e ao estudante analisar 
criticamente o conhecimento que está disponível através de ferramentas bem estruturadas. 
Os resultados de pesquisas estatísticas estão presentes a todo instante na nossa sociedade, 
é bastante comum ver nos noticiários pesquisas de diversas naturezas que trazem para a 
sociedade dados para interpretação e realização de inferências sobre ela. Pesquisas estão 
sendo feitas constantemente tendo em vista a tomada de decisões, e elas se utilizam das 
ferramentas da estatística desde os primeiros passos até a representação gráfica, que pode 
ser de cunho político, ambiental ou da saúde. 
Um exemplo é o uso dos dados relacionados à quantidade de casos da 
doença COVID-19, que faz com que estados, municípios e o Ministério da Saúde tomem 
decisões com base no que foi coletado. Até mesmo na busca por uma vacina para uma 
doença, há a necessidade da realização de pesquisas para avaliar-se a eficácia dela, o que 
demonstra essa eficácia são os dados coletados e trabalhados estatisticamente. A 
estatística está presente nas decisões simples até nas mais complexas do nosso cotidiano, 
e essas informações não podem ou não deveriam ser repassadas de qualquer maneira. 
Existem regras específicas para a coleta de dados, para sua análise e até mesmo para a 
definição da estimativa de confiabilidade da pesquisa, enfim, todas essas regras surgem 
baseadas em ferramentas desenvolvidas no estudo da estatística. 
 
 
 
 
REFERÊNCIAS 
 
 
Almeida, L. M. (29 de 01 de 2020). Scielo. Acesso em 08 de 12 de 20 23, disponível em 
https://www.scielo.br/j/ress/a/qFWFpg3Xtq4WBxYNKNTzmJs/? format=pdf&lang=pt 
Gonçalves, L. E. (10 de 03 de 2011). Acesso em 08 de 12 de 2023, disponível em 
https://www.redalyc.org/pdf/3882/388239962009.pdf 
https://www.scielo.br/j/rbof/a/ZnvJ63VgxhbhWthX9nVBWgg/?format=pdf&lang=pt 
https://mundoeducacao.uol.com.br/matematica/estatistica.htm https://mundoeducacao.uol.com.br/matematica/estatistica.htm 
https://www.sanarmed.com/bioestatistica-o-que-preciso-aprender-sobre-interpretacao-de-dados-e-analise-estatistica-para-prova-
sanarflix 
https://mundoeducacao.uol.com.br/doencas/covid-19.htm
https://www.scielo.br/j/ress/a/qFWFpg3Xtq4WBxYNKNTzmJs/
https://www.redalyc.org/pdf/3882/388239962009.pdf

Outros materiais