A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
RELATORIO MKT

Pré-visualização | Página 1 de 2

FACULDADE DA CIDADE DO SALVADOR
CURSO DE ADMINISTRAÇÃO
JULIANA MONTEIRO PASSINHO
CINTIA REIS NERIS
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO E INTERVENÇÃO
SALVADOR
2012
JULIANA MONTEIRO PASSINHO
CINTIA REIS NERIS
RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO E INTERVENÇÃO
Trabalho destinado à avaliação curricular da disciplina Fundamentos do Marketing, ministrada pela Profª. Bárbara Amorim no Curso de Administração de Empresas.
SALVADOR
2012
SUMÁRIO
INTRODUÇÃO...........................................................................................................03
BREVE HISTÓRICO DA AVIAÇÃO BRASILEIRA......................................................04
DIAGNÓSTICO E INTERVENÇÕES..........................................................................05
CONCLUSÃO.............................................................................................................06
BIBLIOGRAFIA...........................................................................................................07
�
 INTRODUÇÃO
A GOL Linhas aéreas Inteligentes S.A começou sua história de sucesso em 15 de janeiro de 2001. O seguinte relatório tem como base um estado de caso efetuado sobre a referida empresa, documento este que, após ser submetido à minuciosa análise revelou sobre a contratante os seguintes pontos fortes:
a) Estrutura de custos enxuta, baseada nos pilares da alta tecnologia, padronização da frota e motivação da equipe;
								
b) Serviço aos passageiros sem o fornecimento de refeições quentes, novamente causando impacto sobre os custos;
c) Seus custos com funcionários representam 50% (cinqüenta por cento) menos que o custo médio do setor;
d) Suas operações estão concentradas, em rotas curtas, no eixo Rio – São Paulo e Brasília onde claramente se vê o aproveitamento e exploração da considerável parcela do tráfego aéreo nacional ali reunida;
e) Seu tempo de permanência em solo, entre etapas, é de 20 (vinte) a 30 minutos enquanto o tempo médio entre os concorrentes gira em torno dos 45 (quarenta e cinco) minutos.
BREVE HISTÓRICO DA AVIAÇÃO CIVIL BRASILEIRA
Iniciou-se a aviação comercial brasileira em 1927. A primeira empresa no Brasil a transportar passageiros foi a Condor Syndikat, no hidroavião "Atlântico". A 22 de fevereiro, iniciava-se a primeira linha regular, a chamada "Linha da Lagoa", entre Porto Alegre, Pelotas e Rio Grande. Em junho de 1927, era fundada a Viação Aérea Rio-Grandense (VARIG), sendo transferido para a nova empresa o avião "Atlântico", que recebeu o prefixo nacional P-BAAA. Em novembro de 1933 era fundada por 72 empresários, a Viação Aérea São Paulo - VASP, que iniciaria em 1936 o vôo regular entre o Rio e São Paulo, a linha de maior tráfego da aviação brasileira.
A extensão do país e a precariedade de outros meios de transporte fizeram com que a aviação comercial tivesse uma expansão excepcional no Brasil. Em 1960, o país tinha a maior rede comercial do mundo em volume de tráfego depois dos Estados Unidos. Na década de 1950, operavam cerca de 16 empresas brasileiras. A crise e o estímulo do governo federal às fusões reduziram esse número para quatro grandes empresas comerciais (VARIG, VASP, TransBrasil e Cruzeiro). No início do século XXI, muita coisa mudou: A Transbrasil paralisou as suas atividades no final de 2001, teve pedido de falência protocolizado pela General Electric e, em seguida, foi a vez da VASP, que parou por decisão judicial. A VARIG, também com dificuldades financeiras, foi dividida em diversas empresas menores e, à época, a então novata GOL - Linhas Aéreas Inteligentes, assumiu o que a companhia gaúcha tinha de melhor. No ano de 2011 se pôde observar um cenário totalmente diferente: dentre outras inovações, a TAM assumiu o posto de maior empresa aérea da América Latina e maior operadora de aeronaves Airbus do hemisfério sul do planeta e a GOL passou a operar com mais de cem modernas aeronaves Boeing. O mercado brasileiro vem crescendo a taxas superiores às do resto do mundo e os aeroportos não mais suportam o movimento trazendo transtornos aos mais de 150 milhões de passageiros que embarcaram em seus aeroportos em 2010. Com a disputa da Copa do Mundo (2014) e das Olimpíadas (2016) no Brasil espera-se uma explosão no aumento do volume de passageiros, cargas e voos no país e o governo federal trabalha para conseguir atender a essa crescente demanda.
DIAGNÓSTICO E INTERVENÇÕES
Da leitura e análise do histórico desta organização, esta consultoria chegou ao consenso de que os executivos da GOL Linhas Aéreas Inteligentes tem, na última década, primado na tarefa de dar continuidade à estratégia de sucesso que lhe deu origem, porém tem deixado a desejar no quesito inovação, o que pode, de igual modo, tornar a empresa menos competitiva. Suas promoções nos preços das passagens tem sido constantes e variadas, todavia, voltamos a afirmar, sua valia não passa de manutenção da posição conquistada nesta faixa de mercado. Negligenciar neste sentido é ferramentar a concorrência de modo que esta venha a oferecer ao consumidor um produto ou serviço de valor superior ao ofertado atualmente e, nesse sentido, vale a pena recordar o quanto a clientela de todo e qualquer mercado é exposta diariamente a estímulos visuais de toda sorte.
Como solução, aconselhamos a organização a provocar seu Departamento de Marketing a voltar a enxergar seus consumidores como clientes a fim de surpreende-los, ao passo que sugerimos que a empresa estude a possibilidade de explorar o nicho de mercado conhecido popularmente como “concurseiros”. O perfil social e econômico destes se concentra nas classes média e média alta, e dentre suas características, as que mais se destacam são a racionalidade, a disciplina e a consciência de que cada centavo de real gasto na sanha por uma vaga nas esferas municipal, estadual e federal do poder público é investimento a longo prazo, mas de retorno satisfatório.
Os “concurseiros”, até onde sabemos, tem sido alvo apenas dos estabelecimentos de ensino, inclusive os virtuais, englobando, de igual forma, as atividades afins. Assim sendo, concluímos que essa considerável parcela da população é uma grande oportunidade de negócio para as empresas de transporte aéreo uma vez que sua grande maioria não se atem a prestar concurso somente em seu logradouro, mas também em outras localidades e esta locomoção se dá tanto individualmente quanto em grupos detalhadamente esquematizados. A criação de um tipo de passagem aérea precificada através da estratégia de desconto sobre volume é uma opção atrativa. Além disso, a empresa teria muito a ganhar em publicidade, pois o presente grupo também se organiza em comunidades, chats e fóruns onde toda a sorte de informação é compartilhada entre os candidatos, sendo de grande impacto a crítica e/ou elogio dirigida a determinado produto ou serviço.
CONCLUSÃO
A análise deste estudo de caso nos levou a deduzir que a GOL Linhas Aéreas Inteligentes é uma empresa que foi brilhantemente criada pelos seus idealizadores, tendo no marketing e suas ferramentas um poderoso aliado. Seus administradores merecem ser parabenizados por terem utilizado com maestria toda a informação que lhes chegou às mãos à época da fundação, provendo-lhes de novas táticas para a implementação, gestão e manutenção do novo negócio.
Outra conclusão que merece destaque é o fato de que a GOL nasceu e estabeleceu-se num momento em que o ramo da aviação estava sendo desregulamentado e havia uma política governamental buscando a desconcentração do setor, além de uma concorrência economicamente frágil devido a um acúmulo de prejuízos; cenário este tenebroso aos olhos dos leigos, mas que ratifica a premissa de que o administrador deve estar sempre atento não só às ameaças advindas das oscilações do mercado, mas também às novas possibilidades em meio a adversidades.