LÍNGUA PORTUGUESA 5
4 pág.

LÍNGUA PORTUGUESA 5


DisciplinaPortuguês86.346 materiais2.484.489 seguidores
Pré-visualização1 página
Fechar
	
	
		  LÍNGUA PORTUGUESA
		
	 
	Lupa
	 
	
	
	 
	Exercício: CEL0465_EX_A5_201505457751 
	Matrícula: 201505457751
	Aluno(a): PAULO ROBERTO DA SILVA
	Data: 31/03/2016 22:52:18 (Finalizada)
	
	 1a Questão (Ref.: 201506206850)
	 Fórum de Dúvidas (1)       Saiba  (0)
	
	Tendo em mente os diferentes PORQUÊS (como pronome interrogativo, substantivo, conjunção causal ou explicativa etc.), assinale a alternativa que completa, adequadamente, as lacunas do diálogo abaixo.
- ___________ Paulo não veio trabalhar hoje?
- Ele estava muito cansado __________ saiu ontem com os amigos.
- Ele também não enviou o relatório. Você sabe ___________?
- Ih! Não sei. Acho melhor você telefonar para ele.
		
	
	Porque/por que/por quê
	 
	Por que/porque/por quê
	
	Por que/por que/por que
	
	Porquê/porque/porque
	
	Porque/porque/por quê
	
	 Gabarito Comentado
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201506211132)
	 Fórum de Dúvidas (1 de 1)       Saiba  (0)
	
	Leia o texto:´
 
No fim das contas, o otimismo não é um sentimento oco. É um catalisador que instiga à persistência, nos estabiliza durante nossos desafios e alimenta a confiança de que podemos influenciar nossos arredores.
 
Revista Você S/A.: Saber vender é da natureza humana, Daniel H. Pink
Disponível em: http://exame.abril.com.br/revista-voce-sa/noticias/licoes-grifadas-em-livros-de-negocios. Acesso: 14 ago 2015.
 
Percebemos que neste caso o sinal de crase está adequado porque
		
	
	persistência é um vocábulo neutro.
	
	persistência é um vocábulo masculino.
	
	persistência é um vocábulo abstrato.
	
	persistência é um vocábulo adverbial.
	 
	persistência é um vocábulo feminino.
	
	 Gabarito Comentado
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201506309713)
	 Fórum de Dúvidas (1 de 1)       Saiba  (0)
	
	Definida como a fusão entre duas vogais, a crase é representada pelo acento grave:  ela é a junção de dois tipos de a, um deles a preposição A, e o outro os artigos femininos A. Observe as lacunas nas sentenças a seguir e depois a alternativas que as preenche corretamente.
Referiu-se ____ pessoas que não tive o prazer de conhecer.
Fomos visitá-lo _______ quinze horas, mas não o encontramos.
Refiro-me  ______  pessoa que está ao lado da sua irmã.
		
	 
	às;  às; à
	
	as; as; as
	
	às; as; a
	 
	as; às; às
	
	a; à; as
	
	
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201506206022)
	 Fórum de Dúvidas (1)       Saiba  (0)
	
	A utilização de POR QUE varia de acordo com o contexto. Utilizamos porquê quando se trata de um substantivo, por que (átono, em início de frase)  e por quê (tônico, no final da frase) quando se trata de advérbio interrogativo e porque em se tratando de conjunções. Assinale a alternativa correta em relação ao emprego de por que:
		
	
	Porque está triste?
	
	O menino estudou muito por que queria tirar uma boa nota.
	
	Eis a razão porquê te chamei.
	
	Você não me ama, porquê?
	 
	Por que você não me ama?
	
	 Gabarito Comentado
	 Gabarito Comentado
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201506206837)
	 Fórum de Dúvidas (1)       Saiba  (0)
	
	Tendo em mente a diferença entre MAS (= ideia de oposição) e MAIS (= ideia de quantidade), assinale a alternativa que completa, adequadamente, as lacunas do enunciado abaixo.
Mariana sempre come _______ carboidrato e _________ proteína do que deveria, ______ consegue emagrecer mesmo assim.
		
	
	mas/mais/mas
	 
	mais/mais/mas
	
	mas/mas/mais
	
	mais/mais/mais
	
	mais/mas/mais
	
	 Gabarito Comentado
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201506206228)
	 Fórum de Dúvidas (1 de 1)       Saiba  (0)
	
	 
No editorial Opinião de O Globo, p. 12, do dia 11 de agosto de 2015:  "Os maus conselhos dados à presidente", observa-se acento grave nesse título.
Dentre as oferecidas abaixo, aponte a opção que justifica, corretamente, o fenômeno da crase:
		
	 
	 
Trata-se de união da preposição A com o artigo A, pois se refere à presidente Dilma;                                                                                 
	
	 
O fenômeno da crase deve ser marcado por acento agudo;                                                                     
	
	 
Não se usa crase diante de palavra masculina;                                                                                                  
	
	 
Não há necessidade de usar acento algum hoje em dia.
	 
	 
O uso não está correto, pois presidente é homem;