A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
18 pág.
Anotações de Aula   Oficina Literária

Pré-visualização | Página 1 de 6

AULA 001 – OFINCINA LITERÁRIA
História, Crítica e Teoria Literária
História 
Se preocupa em estudar o texto e encontrar relações com sua época de produção, como o momento histórico influenciou a obra literária. Costuma classificar as obras e autores por estilo de época. Para cada época se atribui características próprias períodos ou movimentos literários. É o método de ensino de literatura mais praticado nas escolas porque fazem e trazem elementos de ligação da literatura com outras artes e ciências. 
Crítica
Analisa os textos mas com intenção de julgá-los, manifestar julgamento de valor quanto ao texto literários. Classifica as obras entre boas ou ruins dentro de um certo tema ou forma literária, atribui valor e valoriza e desvaloriza a obra quanto a sua contribuição para a sociedade. Conta com professores e jornalistas especializados em literatura. 
Teoria
Avalia a prática da história e crítica literária. É a crítica da crítica. Aponta o que é certo e errado. 
O que é Literatura?
Sentido Geral – tudo que é impresso, tudo que a biblioteca contem, a ficção, historia, ciência, etc. Se for equivalente a cultura, perde especificidade, que é o uso poético e estético da linguagem. Todas as obras de linguagem verbal que se destinam ao entretenimento, a diversão e prazer dos leitores. 
Sentido específico – fronteira entre literário ou não varia consideravelmente conforme as épocas. Existe algo específico que defina o que é Literatura? Cânone (maneira de agir; modelo, padrão.): as obras mais valorizadas, consideradas geniais, importantes, grandiosas. Permite várias interpretações, não é preciso ficar fechado num significado. Dialoga-se com o texto. 
Na sala de aula, a prática da leitura auxilia em diversas áreas, principalmente no que diz ao conhecimento do mundo e entendimento da pluralidade nele existente. A literatura em sala de aula não deve ser limitada, usada apenas como meio de reprodução. Deve-se ser utilizada para estimular a compreensão e imaginação. 
No sentido mais geral se tem literatura como cultura e no núcleo que está o Cânone Literário. Entre a cultura e a literatura está a literatura de massa, como Harry Potter, por exemplo. Isso não quer dizer que essas obras não venham um dia a fazer parte do núcleo, do cânone literário.
Definições da literatura
Arte de compor ou escrever trabalhos artísticos, em verso ou prosa;
Também o conjunto de trabalhos literários de um país ou uma época (movimentos).
Usos estéticos da linguagem – se expande para música ou propaganda, por exemplo.
As definições de literatura não é algo pacífico entre os estudiosos. 
Toda definição de literatura compromete-se com uma preferência extraliteraria. Quando se faz um julgamento de valor se leva em conta fatores de fora do texto. O conceito de literatura sempre considera uma preferência. A sociedade pode vir a concordar com esse julgamento e ela passa a ser uma regra universal. 
EXERCÍCIO 001
Leia as definições de literatura a seguir e destaque os pontos principais de cada definição.
Literatura é realidade recriada através do olhar do artista através da língua. Artista cria mundo de verdades não mensuráveis pelos padrões das verdades factuais. 
Meio de comunicação especial com uso trabalhado da linguagem.
Literatura é transfiguração do real, verdades humanas gerais comuns a todos os homens e lugares. É uma linguagem especial. 
AULA 002 – OFICINA LITERÁRIA
O que torna um livro obra literária ou não?
Referencia é sempre um livro escrito em papel, material, como por um exemplo um Best-seller. Um Best-seller é um livro porém nem sempre é uma obra literária. 
Literatura é a arte de escrever trabalhos em prosa ou verso. É um conjunto de trabalhos literários de um país ou época ou conjunto de conhecimentos sobre os assuntos. Uso estético da linguagem. 
De acordo com Compagnon em o Demônio da teoria, no sentido amplo, literatura é tudo expresso de modo escrito, mas numa concepção mais fechada entendemos que Literatura é tudo que é trabalhado de forma retórica ou poética (poesias ou narrativas de forma estética). A retórica é a formação do discurso com objetivo de convencer alguém e pode ser considerada Literatura. Pode aparecer de forma conservadora ou como forma de ruptura com tradicional para que haja mudanças – é a arte engajada. Fazem uma denuncia da sociedade visando transformação. Há convencimento embutido. 
Para o autor, nem só o criativo é considerado Literatura, mas também os textos discursivos. Porém não podemos fazer equivalência de literatura e cultura como um todo, pois assim se nega o que a literatura tem de mais valioso que é o uso da língua de forma estética. 
Literatura além de trabalhar com o que é literário no sentido de uso especifico da linguagem, varia de acordo com as épocas e culturas. A literatura ocidental é separada das belas-letras a partir do século XIX, com declínio do tradicional sistema de gêneros poéticos perpetuados desde Aristóteles. 
Música “Livros” de Caetano Veloso Livro traz algo que vai alem da sua materialidade. Corporifica a atividade de leitura e traz para o individuo mais conhecimento e consequentemente modificação e desenvolvimento – somos mudados pela obra literária e assim transformamos a sociedade. Agrega-se valor com a leitura e também se repassa o que está dentro de si. Além disso, a obra literária reproduz a sociedade da época, mas também serve para ir contra a cultura, não porque ela é ruim, mas porque muitas vezes é estereotipada. Por meio da leitura é possível também ter experiência transcendental – estamos num tempo, mas lendo é possível viajar para outros tempos, culturas e arte. Livro – obra literária - traz iluminação da nossa mente, preserva o que foi feito na humanidade e proporciona mudança.
Será que todo livro é uma obra literária? O que faz com que o livro se torne literatura arte? Se a literatura é ficção, as biografias não são literatura? 
Biografia – depende de como é trabalhada. Se for para fins editoriais e venda rápida, provavelmente é de massa. Só se tiver uma linguagem trabalhada e puder viver ao longo dos anos é que talvez se torne uma obra literária ou até um cânone. 
Poemas sem rimas não são literatura? Como equacionar características aparentemente contraditórias como “copia da realidade” e “ficção, mentira”?
Literatura representa a realidade na verdade não, pois sempre estão presentes as ideias do autor. 
É só ficção não, pois tem um pouco de verdade, uma verdade interna a obra. 
A Literatura é uma transfiguração do real, assim como td arte. É recriada e retransmitida. A literatura toma corpo e nova realidade a partir de um livro. É algo que vai alem da realidade. Coutinho busca articular forma (arte literária = poesia/prosa) e conteúdo (realidade recriada) na sua definição de Literatura. 
Ex. fábula do leão e do rato utiliza os animais para representar as ações e sentimentos de seres humanos. Leão é sinônimo de coragem e garra e por isso é orgulhoso. O rato é humilde e pede socorro para sobreviver. Como retribuição ao leão, solta as cordas que o prendiam – mostra a força interior do rato. Mostra que cada um tem um papel na sociedade. É a nossa realidade transfigurada através dos animais, de forma criativa e poética. 
Qual a importância da Literatura?
Katharsis (Aristóteles) purificação das emoções – sente-se a emoção apaziguada, feliz por não estarmos numa determinada situação, mas também triste ou aflito pelo personagem.
Prodesse aut delectare (Aristóteles) instruir pelo divertimento – fábulas servem para isso, para ensinar através do prazer
Dulce et utile (Horácio) o prazer de aprender
Uma definição mais humanista da Literatura diz que há um conhecimento maior dos mundos e dos homens que só a experiência literária proporciona.
EXERCÍCIO 02
Primeiro texto é Literatura pois apresente um texto canônico. 
Já o segundo é uma obra de Filosofia.
AULA 03 – OFICINA LITERÁRIA
Texto e Discurso
Domínio da Leitura – toda leitura é construída no viés do sentido, traz sempre uma conclusão seguindo

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.