AV.ED.ESPECIAL
5 pág.

AV.ED.ESPECIAL

Disciplina:Educação Especial3.626 materiais140.456 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Avaliação: CEL0249_AV_201301012645 » EDUCAÇÃO ESPECIAL

Tipo de Avaliação: AV

Aluno:

Professor: ELIANE TAVEIRA DO NASCIMENTO Turma:

Nota da Prova: Nota de Partic.: Data: 18/11/2013

 1a Questão (Ref.: 201301055869)

Destacamos como papel do educador na construção de uma escola inclusiva:

1) criar as adaptações de acesso ao currículo que facilitem o processo de ensino-aprendizado.

2) trabalhar a partir de um planejamento fixo e igual para todo o grupo.

3) encaminhar o aluno com necessidades educacionais especiais para a escola especial.

Está(ao) correta(s) a(s)questão(ões):

 apenas a 1

apenas a 3

1 e 2

2 e 3

1 e 3

 2a Questão (Ref.: 201301055263)

Em relação ao processo educativo das crianças cegas e com baixa visão, é correto afirmar que:

As crianças precisam se orientar apenas através dos vultos de imagens e do Braille para aprenderem
conceitualmente e não apenas concretamente.

O Braille apenas é utilizado para crianças que são alfabetizadas em LIBRAS.

Ela só poderá realizar uma atividade da vida diária sozinha se mostrar-se capaz de fazê-la sem risco e
após a autorização de um supervisor que avaliará detalhadamente o que ela é capaz de fazer.

A criança deverá ser dependente, precisando de um adulto para fazer todas as tarefas por ela.

 O aprendizado ocorre pelas experiências concretas e partir delas, a criança cega aprende os conceitos.

 3a Questão (Ref.: 201301055768)

Assinale a questão em que TODAS as situações configuram fatores indicadores de deficiência física.

Atraso no desenvolvimento da linguagem oral e na simbolização, quedas sem motivo aparente.

 Dificuldade de locomoção, prematuridade e deficiências sensoriais

 Atraso no desenvolvimento psicomotor e alterações nos movimentos e no equilíbrio.

Atraso no desenvolvimento psicomotor, da linguagem e do raciocínio matemático.

Prematuridade, atraso no desenvolvimento da linguagem e quedas constantes.

 4a Questão (Ref.: 201301055199)

Normalidade e deficiência são concepções que se transformam ao longo da história e da cultura. Das categorias
abaixo, qual melhor representa a ideia de normalidade de acordo com Camguilhem (1995).

Normal é não possuir qualquer deficiência mental, pois deficiência física todos nós temos.

É normal quem se esforça para minimizar as diferenças pessoais

Normal é aquele que apresenta estrutura física perfeita e que apresenta coeficiente intelectual (QI) acima
da média.

Normal é se enquadrar nos padrões das classes dominantes de etnia branca.

 Normal é o que se encontra na maior parte das pessoas.

 5a Questão (Ref.: 201301055691)

Marque a questão que traz duas prioridades que foram estabelecidas para a educação especial dentro das
Diretrizes Operacionais para Atendimento Educacional Especializado na Educação Básica (2009).

 A obrigatoriedade da matrícula dos alunos, público-alvo da Educação Especial, na escola comum do
ensino regular e da oferta do atendimento educacional especializado e inclusão do AEE no projeto
pedagógico da escola da rede regular de ensino.

As diretrizes citadas estabelecem apenas regulamentação sobre a manutenção de alunos deficientes na
rede regular de ensino e garantem a promoção automática como forma de minimizar os efeitos nocivos
que esta inclusão terá para a avaliação sistemática dos alunos deficientes.

Programa diferenciado de ensino para os alunos com deficiência que ocorre no momento das atividades
diárias da turma regular e pagamento de Bolsa família para que o aluno deficiente tenha condições de
financiar seu tratamento e estudar.

Essas diretrizes versam apenas sobre o ensino dos alunos com de deficiências mentais e sensórias, pois
para os alunos com deficiências físicas não há qualquer definição que garanta a sua acessibilidade. Além
disso, os deficientes físicos não são considerados deficientes perante a escola por não apresentarem

déficit cognitivo.

Utilização do espaço escolar das instituições voltadas para o ensino regular e segregação dos alunos
durante as atividades de aprendizagem para aqueles que não acompanharem o ritmo de aprendizagem
da turma.

 6a Questão (Ref.: 201301075599)

Rafael tem 7 anos de idade e foi trazido para um posto de saúde para avaliação neurológica por insistência da
mãe que nunca considerou o filho normal¿. Desde que nasceu Rafael só gostava de ficar no berço e passava
muitas horas observando o movimento repetitivo das hélices dos ventiladores de teto. Sua mãe ficava muito

triste porque ele não olhava nos olhos e até hoje, não falava palavras claras e nem atendia pelo nome. Durante
o atendimento com o médico, Pedro relutou em entrar no consultório, chorou muito ao ser examinado e ficava
balançando os braços num movimento estereotipado que parecia imitar um pássaro. Muito ansiosos e parecendo
amedrontado, ficava gritando e se escondendo atrás da roupa da mãe. A mãe já tinha tentado colocá-lo numa
escola pública, mas ele não se adaptou porque não falava e nem interagia com as outras crianças. Até que a
mãe soube da escola Vila Cruzeiro que recebia e fazia um trabalho diferenciado com crianças que apresentam

necessidades educativas especiais. Ao procurar a escola, a mãe foi informada que toda a rede pública regular de
educação deve estar preparada para receber alunos como Rafael e desenvolver um trabalho com ele, sua família
e toda a comunidade chamado de Inclusão, mas esta escola, em si, não teria condições de recebê-lo porque não
tem professores especializados em deficiência mental. A mãe procurou o Ministério Público de sua cidade e foi
orientada a escrever uma carta utilizando um dos princípios da Declaração de Salamanca (1994) para
fundamentar sua queixa.

Se você fosse ajudar essa mãe a escrever a carta, qual dos princípios abaixo poderia usar (escolha 1 princípio) e

escreva um parágrafo em que usa a lei para exigir escolarização gratuita na rede regular para Rafael.

Princípios:

a)Toda criança tem direito fundamental à educação, e deve ser dada a oportunidade de atingir e manter o nível
adequado de aprendizagem;

b)Toda criança possui características, interesses, habilidades e necessidades de aprendizagem que são únicas;

c) Sistemas educacionais deveriam ser designados e programas educacionais deveriam ser implementados no
sentido de se levar em conta a vasta diversidade de tais características e necessidades;

d) Aqueles com necessidades educacionais especiais devem ter acesso à escola regular, que deveria acomodá-
los dentro de uma Pedagogia centrada na criança, capaz de satisfazer a tais necessidades;

e) Escolas regulares que possuam tal orientação inclusiva constituem os meios mais eficazes de combater

atitudes discriminatórias criando-se comunidades acolhedoras, construindo uma sociedade inclusiva e
alcançando educação para todos; além disso, tais escolas provêem uma educação efetiva à maioria das crianças
e aprimoram a eficiência e, em última instância, o custo da eficácia de todo o sistema educacional.

Gabarito:

Escolheria o princípio: Aqueles com necessidades educacionais especiais devem ter acesso à escola regular, que

deveria acomodá-los dentro de uma Pedagogia centrada na criança, capaz de satisfazer a tais necessidades.

Carta: Rafael precisa, antes de mais nada, ser observado pelos profissionais de educação e a partir disso, os

profissionais devem tentar fazer um planejamento de como Rafael pode se beneficiar do espaço e das atividades
educativas dentro de suas particularidades de desenvolvimento.

 7a Questão (Ref.: 201301055216)

A partir da segunda metade do século XX percebemos grandes mudanças na