Portfolio o bom e o belo na minha cidade
12 pág.

Portfolio o bom e o belo na minha cidade


DisciplinaSistema de Ensino e Políticas Educacionais507 materiais6.442 seguidores
Pré-visualização1 página
FACULDADE INTERNACIONAL DE CURITIBA
Portfólio: O Bom e o Belo na Minha Cidade
Cleonice SCHNNOR
RU: 412458
Joelma Cristiane PEREIRA
 RU: 422878
UNINTER
RESUMO
	Este trabalho foi desenvolvido, com o tema \u2018\u2019O Bom e o Belo na minha cidade\u2019\u2019, de acordo com a metodologia de texto científico. 
Aqui apresentamos uma breve consideração sobre o conceito de beleza, em seguida é apresentada uma parte da história da cidade, com o objetivo de fundamentar este trabalho. E por último, apresentamos as fotos relativas ao tema, sobre a cidade em questão.
Esse trabalho tem como objetivo descrever os pontos turísticos que se destacam na cidade, além de cumprir com as recomendações do trabalho, para que este esteja bem fundamentado.
Palavras-chave: bom e belo na cidade Porto Vitória-PR, historia
 
INTRODUÇÃO
	Nem tudo o que é bom, precisa necessariamente ser belo; também nem tudo o que é belo pode ser considerado como bom.
Sob o ponto de vista do mercado de negócios, tenta-se convencer os incautos que o belo é sempre o que é bom. Assim, tudo o que é bom para o indivíduo usufruir, precisa ser útil, saudável, visto que trará benefícios para quem dele experimenta.
O bom possibilita ao homem construir, apesar de nem sempre se alegrar com a construção; pode ser prazeroso, apesar de não ser vistoso ou belo, e pode ser apenas duradouro. 
Ao fazermos a junção do belo e do bom, podemos atingir todas as camadas da sociedade, de uma forma produtiva e adequada.
	De acordo com o filosofo alemão Immanuel Kant, o belo, é tudo quanto agrada desinteressadamente, e de acordo com Platão, um juízo de beleza só é possível de ser enunciado quando o mesmo não possui um interesse na coisa que estamos considerando. 
A seguir, estaremos apresentando um pouco da história do município de Porto Vitoria.
Historia de Porto Vitória
\u201cPorto Vitória, cidade sul paranaense é assim: um município acolhedor que tem o seu povo como o seu maior tesouro. Gente que trabalha e luta por um dia a dia melhor. Gente que acredita na sua cidade. Porto Vitória, a Terra das Cachoeiras, como também é conhecida, compartilha de um comércio forte, setor produtivo em expansão e um povo trabalhador. Um povo que viu esta cidade crescer e progredir. Um povo que gosta de partilhar a história desta terra. Uma história que data 1909, sendo o inicio da sua colonização com a chegada dos europeus.\u201d
Porto Vitória localiza-se na região centro-sul do Paraná, banhada pelo caudaloso rio Iguaçu. 
Acesso
O acesso à porto Vitória, que fica a 262 km da Capital do estado, se dá pelas rodovias BR 153 e PR 446.
A história do megatério
É também conhecida como a terra do animal pré-histórico (megatério), bicho preguiça gigante que tinha sete metros de comprimento encontrado pela família de Otto Bayer tornando a cidade importante no cenário científico nacional.
Instalação  
            Com a Lei nº 790 de 14 de novembro de 1951, Porto Vitória foi elevada a categoria de Distrito, pertencente ao Município de União da Vitória. Pela Lei nº 4.788 de 29 de novembro de 1963, foi elevado a Município desmembrando-se do Município de União da Vitória. Foi instalado em 08 de dezembro de 1964.
Um povo e seu sustento   
      Sua área é de 213.795 km² e sua população total é de 3.775. A economia está baseada na produção de leite e indústria madeireira.
Fundação
 A ocupação dessa área aconteceu devido à navegabilidade do Rio Iguaçu. Nesse local existe a corredeira do Iguaçu, que impossibilitava seguir rio abaixo. Em função dessas dificuldades constituiu-se aqui, o porto central, que reunia os produtos agrícolas e a madeira dos municípios vizinhos que eram levados até o Porto Amazonas.   Esse era o único meio de transporte existente.    Navegar de Porto Amazonas a Porto Vitória era uma aventura, devido as dificuldades encontradas no caminho. Assim, quando aqui, se chegava, era considerada uma vitória. Por isso a origem do seu nome.
.
Algumas imagens da cidade:
Portal na entrada da cidade: esta escultura feita de tronco de imbui representa a atividade leiteira onde é o ponto forte da cidade.
Cachoeira na entrada da cidade: A cachoeira logo na entrada da cidade atrai bastantes turistas no verão
Cachoeira à noite
Parque Ambiental
Igreja Matriz Paróquia São Miguel Arcanjo Católica Única na cidade
Salão de Molas
Camara de vereadores 
Imagens área da cidade
Capela da colônia são Nicolau: esta capela foi construída em formato de chalé. Também é considerado um ponto turístico onde as pessoas param para tirar foto, 
Capela na epoca da enchente
CONCLUSÃO
Neste trabalho abordamos sobre o assunto o bom e o belo na minha cidade, onde falamos sobre a historia da cidade, e alguns pontos turísticos assim podem concluir que é muito bom morar nesta pequena cidade de quatro mil e vinte habitantes.
Através desse trabalho passei a dar mais valor a cada detalhe que as vezes passa despercebido e ter a certeza de que aqui não temos que nos estressar com trânsito lotado, roubos, assaltos, etc. 
Posso dizer que este trabalho foi muito importante pra mim, não só pelo conhecimento adquirido, mas também porque a gente passa a ter uma visão diferenciada das coisas, valorizando cada espaço, estabelecimento, lugar de lazer e também as pessoas que aqui vivem. Agora posso afirmar que tenho um olhar diferente de Minha Cidade, já gostava de morar aqui e depois desse conhecimento todo só tenho a agradecer de morar num lugar assim.
 
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
Portal do município Porto Vitoria
www.portovitoria.pr.gov.br
A beleza e sua importância. AMORIM, Tiago. Disponível em: https://www.youtube.
\u201cÉtica do Cotidiano\u201d com os professores Mario Sérgio Cortella e Clóvis de Barros Filho: https://www.youtube.com/watch?v=ee9j4ohop0e