PROTEÇÃO PENAL AOS INTERESSES SOCIAIS
40 pág.

PROTEÇÃO PENAL AOS INTERESSES SOCIAIS


DisciplinaProteção Penal Inter Sociais17 materiais61 seguidores
Pré-visualização11 páginas
Caro Aluno, 
 
Seja bem vindo. 
 
O presente curso é ministrado em aulas teóricas sobre a disciplina \u201cProteção Penal aos 
Interesses Sociais\u201d dispostas na forma de conteúdos e a matéria é relacionada com a 
orientação jurisprudencial e doutrinária atuais, informando ao aluno desde já que tais 
aulas têm ainda fulcro na interpretação de acórdãos prolatados pelos Tribunais. 
 
Para tanto o aluno deve, além do material disposto adiante apresentado, se valer das 
bibliografias abaixo recomendadas, para melhor aproveitamento do seu curso e 
entendimento da matéria e com isso aperfeiçoar o seu aprendizado. 
 
É objetivo precípuo com o presente curso promover a compreensão e a importância do 
Direito Penal, assim como apresentar e discutir o significado dos institutos fundamentais 
do Direito Penal; de forma a estimular a capacidade de análise, domínio de conceitos e 
terminologia jurídica, argumentação, interpretação e valorização dos fenômenos jurídicos 
e sociais envolvidos. 
 
Também como objetivo tem-se a preparação do aluno para utilização de elementos de 
doutrina, jurisprudência e legislação componentes da técnica jurídica do Direito Penal, 
com uma visão crítica e consciência sociopolítica, além de promover o desenvolvimento 
das competências e habilidades definidas no perfil do egresso, quais sejam: 
 
· Leitura, compreensão e elaboração de textos, atos e documentos 
jurídicos ou normativos, com a devida utilização das normas técnico-
jurídicas; 
· Interpretação e aplicação do Direito; 
· Pesquisa e utilização da legislação, da jurisprudência, da doutrina 
e de outras fontes do Direito; 
· Adequada atuação técnico-jurídica, em diferentes instâncias, 
administrativas ou judiciais, com a devida utilização de processos, atos 
e procedimentos; 
· Correta utilização da terminologia jurídica ou da Ciência do 
Direito; 
· Utilização de raciocínio jurídico, de argumentação, de persuasão 
e de reflexão crítica; 
· Julgamento e tomada de decisões; 
· Domínio de tecnologias e métodos para permanente compreensão 
e aplicação do Direito. 
 
Considerando-se que será você quem administrará seu próprio tempo, nossa sugestão é 
que você dedique ao menos 2 horas por semana para esta disciplina, estudando os textos 
sugeridos e realizando os exercícios de auto-avaliação. Uma boa forma de fazer isso é já 
ir planejando o que estudar, semana a semana. 
 
Para facilitar seu trabalho, apresentamos na tabela abaixo, os assuntos que deverão ser 
estudados e, para cada assunto, a leitura fundamental exigida e a leitura complementar 
sugerida. No mínimo você deverá buscar entender bastante bem o conteúdo da leitura 
fundamental, só que essa compreensão será maior, se você acompanhar, também, a leitura 
complementar. Você mesmo perceberá isso, ao longo dos estudos. 
 
a \u2013 Conteúdos (assuntos) e leituras sugeridas 
 
Assuntos/módulos Leituras Sugeridas 
Fundamental Complementar 
1 - Ultraje a culto e 
impedimento ou perturbação 
de ato a ele relativo; 
Impedimento ou perturbação 
de cerimônia funerária. 
Dos crimes contra o 
sentimento religioso 
econtra o respeito aos 
mortos (Livro texto: 
Título V, cap. I, arts. 208 
e 209 do CP) 
 
 
ANDREUCCI, Ricardo 
Antonio. Manual de 
Direito penal. 4ª ed. São 
Paulo: Saraiva, 2008. 
MIRABETE. Julio 
Fabbrini 
Mirabete. Manual de 
Direito Penal. Parte 
Especial: 
arts. 121 a 234 do CP. 29ª 
ed. v.2. São Paulo: Atlas, 
2012. 
MIRABETE. Julio 
Fabbrini 
Mirabete. Manual de 
Direito Penal. Parte 
Especial: 
arts. 235 a 361 do CP. 29ª 
ed. v.3. São Paulo: Atlas, 
2012. 
SILVA, César Dario 
Mariano da. Manual de 
direito penal, vol. 3: parte 
especial \u2013 2ª Ed. Rio de 
Janeiro: Forense, 2003. 
JESUS, Damásio. Direito 
penal. São Paulo: Saraiva. 
2008. v. 3. 
MIRABETE, Júlio 
Fabrini.Manual de direito 
penal.São Paulo: Atlas, 
2007. v. 3. 
NORONHA, Edgar 
Magalhães. Direito 
penal.São Paulo: Saraiva, 
2005. v. 3. 
 
2 \u2013 Violação de sepultura; 
Destruição, subtração ou 
ocultação de cadáver; 
Vilipêndio a cadáver. 
Dos contra o respeito aos 
mortos (Livro texto: 
Título V, cap. II, arts. 210 
a 212, do CP) 
3 \u2013 Incitação ao 
crime;Apologia de Crime ou 
Criminoso; Quadrilha ou 
Bando. 
Dos crimes contra a paz 
pública (Livro texto: 
Título IX, arts. 286 a 288 
do CP) 
4 - Moeda Falsa; Crimes 
Assimilados o de Moeda 
Falsa; Petrechos para 
falsificação de moeda, 
emissão de título ao portador 
sem permissão legal. 
 
Dos crimes contra a fé 
pública (Livro texto: 
Título X, Cap. I, arts. 289 
a 292 do CP) 
5 \u2013 Falsidade de títulos e 
outros papéis públicos. 
Falsificação do Selo ou Sinal 
Público; 
Falsificação de Documento 
Público; 
Falsificação de Documento 
Particular; 
 
Dos crimes contra a fé 
pública (Livro texto: 
Título X, Cap. II, arts. 
293 a 295 do CP); 
Dos crimes contra a fé 
pública (Livro texto: 
Título X, Cap. III, 
Falsidade Documental 
arts. 296 a 298 do CP) 
6 \u2013 Falsidade Ideológica; 
Falso Reconhecimento de 
Firma ou Letra; 
Certidão ou Atestado 
Ideologicamente Falso; 
Falsidade de Atestado 
Médico; 
Reprodução ou Adulteração 
de Selo ou Peça Filatélica; 
Dos crimes contra a fé 
pública (Livro texto: 
Título X, Cap. III, 
Falsidade Documental 
arts. 299 a 303 do CP) 
7 - Uso de Documento 
Falso;Supressão de 
Documento; 
Dos crimes contra a fé 
pública (Livro texto: 
Título X, Cap. III, 
Falsidade Documental 
Falsificação do Sinal 
Empregado no Contraste de 
Metal Precioso ou na 
Fiscalização Alfandegária, ou 
para Outros Fins; 
Falsa Identidade. 
arts. 304 e 305 do 
CP; Capítulo IV -De 
Outras Falsidades, arts. 
306 e 307, do CP). 
8 - Falsa Identidade (art. 308); 
Fraude de Lei sobre 
Estrangeiro (arts. 309 e 310); 
Adulteração de Sinal 
Identificador de Veículo 
Automotor (art. 311). 
Fraudes em Certame de 
Interesse Público 
Dos crimes contra a fé 
pública - De Outras 
Falsidades (Livro texto: 
Título X, Cap. IV, arts. 
308 a 311-A, do CP). 
 
Nota: ver as referências bibliográficas, para maior detalhamento das fontes de 
consulta indicadas. 
 
b \u2013 Avaliações 
 
Como é de seu conhecimento, você estará obrigado a realizar uma série de avaliações, 
cabendo a você tomar conhecimento do calendário dessas avaliações e da marcação das 
datas das suas provas, dentro dos períodos especificados. 
 
Por outro lado, é importante destacar que uma das formas de você se preparar para as 
avaliações é realizando os exercícios de auto-avaliação, disponibilizados para você neste 
sistema de disciplinas on line. O que tem que ficar claro, entretanto, é que os exercícios 
que são requeridos em cada avaliação não são a repetições dos exercícios da auto-
avaliação. 
 
Para sua orientação, informamos na tabela a seguir, os assuntos que serão requeridos em 
cada uma das avaliações às quais você estará sujeito: 
 
 
Conteúdos a serem exigidos nas avaliações 
 
Avaliações Assuntos 
Exercícios de auto-avaliação 
relacionados 
NP1 Do assunto 1 até o assunto 4 Exercícios de n.o 1 a 4 
NP2 Do assunto 5 até o assunto 8 Exercícios de n.o 5 a 8 
Substitutiva Toda a matéria Todos os exercícios 
Exame Toda a matéria Todos os exercícios 
 
 
Assim, o presente curso tem por alcance específico direcionar o estudo para as diversas 
possibilidades abertas ao estudante de direito, tanto para as áreas das carreiras por 
concursos, como para o exercício