ESTADO DE PERIGO   Direito Civil

ESTADO DE PERIGO Direito Civil


DisciplinaDireito Civil I72.912 materiais859.035 seguidores
Pré-visualização1 página
Art. 156 CC
- Configura-se o estado de perigo quando alguém, Premido da necessidade de salvar-se, Ou a pessoa da família, de grave dano conhecido pela outra parte, Assume obrigação excessivamente onerosa. 
Parágrafo único. Tratando-se de uma pessoa não pertencente a família do declarante, O Juiz decidirá segundo as circunstâncias. 
ESTADO DE PERIGO
Afogamento do Filho .
A mãe na praia vê seu filho se afogando e pede ao salva vidas para ajudar, Porém o salva vidas por sua vez pede algo em troca como um carro. A mãe por sua vez querendo salvar a vida do seu filho acaba aceitando o acordo proposto pelo salva vidas. ( A Mãe da vitima pode pedir a anulação deste negocio Jurídico uma vez que o mesmo foi feito firmado no estado de perigo.) 
Afogamento da sogra
O Genro por sua vez esta na praia e avista a sua sogra que estava a se banhar pedindo ajuda pois estava se afogando, O genro por sua vez procura o salva vidas que ao ver o estado de perigo eminente pede mil Reais para salvar a vida da sua sogra. ( Este caso estará entrando no Parágrafo único do Art 156 do CC. Onde Tratando-se de uma pessoa não pertencente a família do declarante, O Juiz decidira segundo as circunstâncias.) 
A Venda do Terreno 
Gustavo irmão mais velho leva seu irmão Carlos ao Médico onde o mesmo é Diagnosticado com uma doença séria que necessita de uma operação. Gustavo por sua vez se lembra de um terreno que havia herdado da sua família no valor de 100 Mil Reais. 
Gustavo ao falar com o seu irmão Carlos decidem vender esse terreno a fim de pagar as custas da operação de Carlos.
Gustavo e Carlos procuram seu amigo Thiago que estava interessado na compra do terreno. Thiago ao saber do problema dos irmãos tenta se aproveitar da situação (Estado Necessidade) oferecendo apenas 20 Mil Pelo terreno, Gustavo por sua vez sabendo do estado de Perigo que seu irmão se encontrava devido a doença acaba aceitando a Oferta de Thiago. 
Após a operação de Carlos ser realizada com sucesso e ter sucesso também em sua recuperação Gustavo decide ir atrás de um advogado. 
O Advogado Por sua vez entra com uma ação citando o Art. 156 do CC, Onde o negocio Jurídico acaba sendo desfeito, Gustavo e Carlos devolvem o Dinheiro a Thiago e por sua vez devolve o terreno aos irmãos Gustavo e Carlo. 
Divida de Droga 
Priscila recebe uma ligação as 09:00 da manha informando que o seu vizinho Marcelo esta detido junto aos traficantes do morro devido a dívidas de drogas. Os Traficantes avisam Priscila que querem 2 Mil Reais até as 13:00 da tarde para Não Matar Marcelo. 
Priscila por sua vez desesperada acaba levando o seu veiculo único bem de valor para um desmanche e vendendo o mesmo por 3 Mil Reais. Mais tarde Priscila após pagar a divida de Marcelo junto aos traficantes vai até o desmanche querendo reaver o veiculo, Porém o dono do desmanche pede 5 Mil para devolver o veiculo.
Priscila achando aquele valor muito alto procura um advogado que entra com uma ação pedindo a anulação do Negócio Jurídico citando o art. 156 do CC (Do Estado De Perigo ), O juiz por sua vez ao estudar o caso declara a causa favorável ao Despachante uma vez que Marcelo estava envolvido com Drogas e que não fazia parte da Família da Priscila.