Linguística II - Avaliando o Aprendizado
34 pág.

Linguística II - Avaliando o Aprendizado


DisciplinaLinguistica II686 materiais9.494 seguidores
Pré-visualização11 páginas
inato, de uma 
capacidade genética: é interno ao organismo humano. Analise as afirmativas a seguir considerando esse ponto de vista. 
I. Crianças que vivem isoladas, como foi o caso de Genie, não desenvolvem uma língua natural: precisamos da dados 
para criar as regras de nossa língua. 
II. Tudo na linguagem humana é baseado na imitação e na repetição: nosso comportamento linguístico é condicionado. 
III. Embora a linguagem humana possua caráter biológico, é totalmente condicionada. 
A partir de sua leitura, 
 
 as afirmativas II e III estão corretas. 
 somente III está correta. 
 as afirmativas I e II estão corretas. 
 somente II está correta. 
 somente I está correta. 
Aula 5 
1
a
 Questão (Ref.: 201504575256) 
 
 
Segundo a Sociolinguística, uma língua não é uma realidade homogênea. Esta afirmação acaba por indicar que: 
 
 os sistemas linguísticos funcionam como um todo bem organizado e previsível. 
 a variabilidade é inerente a qualquer sistema linguístico. 
 uma língua representa o modo de pensar de qualquer ser vivo. 
 a língua abarca um conjunto finito de possibilidades, mas que sempre levam à mudanças. 
 o que se costuma chamar de língua é um conjunto de variedades diatópicas. 
2
a
 Questão (Ref.: 201505184850) 
 
 
Tendo como base os conhecimentos da Sociolinguística, pode-se dizer que em A GENTE PEGAMOS OS LIVRO temos 
um exemplo de 
 
 variação diastrática. 
 variação diafásica. 
 variação geográfica. 
 variação diatópica. 
 variação de registro. 
3
a
 Questão (Ref.: 201505185156) 
 
 
Leia o trecho a seguir. 
"Sabe-se que uma língua varia em diferentes contextos de uso. [...] Com certeza você já percebeu que, mesmo dentro de 
um mesmo país, existem várias maneiras de se falar uma língua, no nosso caso, a Língua Portuguesa. As pessoas se 
comunicam de formas diferentes e múltiplos fatores devem ser considerados, tais como a época, a região geográfica, a 
idade, o ambiente e o status sociocultural dos falantes." (www.estudopratico.com.br/variacoes-linguisticas-diafasica-
diatopica-dias) 
I. A presença de [r], em lugar de [l], em grupos consonantais, como em BRUSA (blusa) e GROBO (globo) é exemplo de 
variação diastrática. 
II. Quando observamos o vocabulário, diferentes nomes como MEXERICA, BERGAMOTA e TANGERINA são 
exemplos de variação diatópica. 
III. O pronome VOCÊ passou por mudanças ao longo da história da língua e é exemplo de variação diafásica. 
A partir de sua leitura: 
 
 Somente I está correta. 
 Todas estão corretas. 
 Somente III está correta. 
 As afirmativas I e II estão corretas. 
 Somente II está correta. 
4
a
 Questão (Ref.: 201505185164) 
 
 
É comum em alguns locais do Brasil se usar a expressão 'meu rei' para tratar alguém com simpatia, enquanto em outros 
usaríamos 'meu querido'. Ainda que essa expressão tenham usos equivalentes, são utilizadas em regiões diferentes do 
país e, por isso, são exemplos de variação 
 
 de registro. 
 social. 
 geográfica. 
 diastrática. 
 histórica. 
5
a
 Questão (Ref.: 201505185161) 
 
 
"Essa variação, no Brasil, é facilmente identificada. [...] Frases como Houveram menas percas não são ouvidas em um 
ambiente em que estejam professores, médicos, cientistas, advogados, etc. São frases comuns a quem não teve 
oportunidades para ascender a estratos sociais mais privilegiado." (Adaptado de 
http://www.gramaticaonline.com.br/page.aspx?id=9&idsubcat=59&iddetalhe=268&idcateg=6) 
A partir de sua leitura do texto acima, podemos concluir que ele fala de variação 
 
 diastrática. 
 diafásica. 
 histórica. 
 geográfica. 
 diatópica. 
6
a
 Questão (Ref.: 201505185158) 
 
 
Leia o parágrafo a seguir. Há vários exemplos na língua de ______________________. Por exemplo, temos na música 
do grupo Ultraje a Rigor 'A gente não sabemos escolher presidente' Qual das alternativas a seguir preenche corretamente 
a lacuna? 
 
 Variação social. 
 Variação diafásica. 
 Variação histórica. 
 Variação geográfica. 
 Variação de registro. 
7
a
 Questão (Ref.: 201504575253) 
 
 
Ao estudarmos os processos de variação linguística, percebemos que 
 
 nem tudo o que varia sofre mudança, mas toda mudança linguística, contudo, pressupõe variação. 
 toda mudança conduz a alterações na gramática normativa. 
 os estudos de conjuntos de variáveis linguísticas preveem um pesquisa de ordem sincrônica. 
 estudos variacionistas não podem prescindir de pesquisas sincrônicas e diacrônicas simultaneamente. 
 os estudos de processos de mudança linguística preveem uma pesquisa de ordem diacrônica. 
8
a
 Questão (Ref.: 201505223445) 
 
 
Qual das alternativas preenche corretamente a lacuna a seguir? A variação _________ pode ser fonética: falar 
CANTANO em lugar de CANTANDO indica problemas em relação à escolaridade e é um exemplo desse tipo de 
variação. 
 
 diatópica. 
 diafásica. 
 diastrática. 
 de registro. 
 geográfica. 
Aula 6 
1
a
 Questão (Ref.: 201505167366) 
 
 
"O termo Sociolinguística surge pela primeira vez na década de 1950, mas se desenvolve, especialmente, com os 
trabalhos de William Labov. Esse pesquisador vê a Linguística como uma ciência social: a sociolinguística equivale à 
linguística com ênfase na atenção às variáveis de natureza linguística e extralinguística. Isso significa que o homem 
adquire a linguagem e dela se utiliza dentro de uma comunidade.¿ (CEZARIO, Maria M. e VOTRE, Sebastião. 
Sociolinguística. In. MARTELOTTA, Mário E. Manual de Linguística. São Paulo: Contexto, 2010) 
A partir de sua leitura, marque a alternativa INCORRETA no que se refere aos pressupostos da Sociolinguística. 
 
 A Linguística possui um caráter social, mas, ainda assim, o linguista deve abstrair a língua de seu uso 
real. 
 Algumas variantes são mais aceitas que outras: A GENTE VAMOS apresenta alto índice de rejeição. 
 Variação diastrática é um tipo de variação percebida entre grupos socioeconômicos como, por exemplo, 
usar OS PESSOAL TUDO JÁ FOI em lugar de O PESSOAL JÁ FOI. 
 A análise da fala de um indivíduo permite-nos identificá-lo como alguém de maior ou menor 
escolaridade. 
 O indivíduo partilha com os membros da sua comunidade de fala uma série de estruturas linguísticas. 
 
2
a
 Questão (Ref.: 201504547015) 
 
 
Analisando as diferentes formas de comunicação, em: "AS CASAS AMARELAS" e "AS CASA AMARELA", podemos 
entender as variações porque: 
 
 As diferentes formas do enunciado em questão são usadas sem modificação no significado básico; 
 A competência linguística do falante tem problemas genéticos; 
 Podemos ouvir os enunciados e associar a diferentes ideias, sendo assim, são variações. 
 A competência linguística do falante tem problemas hereditários; 
 As diferentes formas de falar podem ser associadas a problemas na estrutura da língua; 
 
3
a
 Questão (Ref.: 201504735822) 
 
 
Para fazer uma pesquisa sobre variação linguística, segundo os pressupostos teóricos da Sociolinguística, o pesquisador, 
inicialmente, deve escolher a comunidade onde se deseja pesquisar. Sobre o conceito de "comunidade linguística", pode-
se dizer que é: 
 
 o modo de usar a língua de um indivíduo que faz uso de mais de uma língua natural. 
 o conjunto de pessoas que interagem verbalmente e que compartilham um conjunto de normas com respeito 
aos usos linguísticos. 
 a comunidade que apresenta diferenças em relação aos usos da língua, comprovando o caos da variação. 
 a categoria de indivíduos que falam e escrevem do mesmo modo, independentemente do nível de 
escolarização. 
 o grupo de indivíduos que apresentam o mesmo conhecimento das regras internalizadas