AULA 03   TOMADA DE DECISÃO
9 pág.

AULA 03 TOMADA DE DECISÃO


DisciplinaGestão e Empreendedorismo151 materiais1.268 seguidores
Pré-visualização1 página
Aula 03 \u2013 Tomada 
de Decisão 
Conceito de Decisão 
\u2022 São escolhas que as pessoas fazem para: 
\u2022 enfrentar PROBLEMAS 
\u2022 aproveitar OPORTUNIDADES 
 
A tomada de decisão é o processo de escolher um curso de ação 
entre várias alternativas para se defrontar com um problema ou 
oportunidade. 
(CHIAVENATO, 2010). 
Modelos de decisão 
Modelo racional 
Modelo intuitivo 
Segue uma ordem lógica (problema e decisão). 
Precisa basear-se totalmente em informações, não em 
sentimentos ou emoções. 
A informação não é suficiente para tomar a decisão. 
Processo baseado em sensibilidade, percepção. 
Não são feitas de modo totalmente lógico. 
Racionalidade 
\u2022 A decisão envolve a racionalidade do tomador de decisão. 
\u2022 Racionalidade significa a capacidade de selecionar os meios necessários 
(mais apropriados) para atingir os objetivos que se pretende. 
\u2022 Deve-se incluir os seguintes elementos: 
\u2022 A busca de toda informação relevante para o assunto a ser decidido. 
\u2022 A capacidade de determinar preferências. 
\u2022 A capacidade de selecionar a alternativa que maximize a utilidade do 
tomador de decisão. 
 
Elementos do processo decisório 
\u2022 O tomador de decisão: 
\u2022 Indivíduo ou grupo que faz uma opção entre várias alternativas. 
\u2022 Os objetivos: 
\u2022 Sãos os fins ou resultados que o tomador deseja alcançar. 
\u2022 Preferências: 
\u2022 Critérios que o tomador de decisão usa para fazer sua escolha. 
\u2022 A situação: 
\u2022 São os aspectos do ambiente que envolve o tomador de decisão. 
\u2022 Estratégia: 
\u2022 É o curso da ação que o tomador de decisão escolhe para melhor atingir os objetivos. 
\u2022 Resultados: 
\u2022 É a consequência ou resultante de uma determinada estratégia. 
 
O processo decisório 
Identificar a situação 
Obter a informação 
1 
2 
Gerar soluções 
alternativas 
Avaliar e escolher a 
melhor alternativa 
Transformar a solução 
em ação 
Avaliar os resultados 
3 
4 
5 
6 
\u2022 Qual a essência do problema ou oportunidade? 
\u2022 Quais os subproblemas ou aspectos da oportunidade? 
\u2022 Veja a situação global e não apenas parte dela. 
\u2022 Busque fatos, dados e informações a respeito. 
\u2022 Busque informação interna e externa. 
\u2022 Envolva o cliente ou usuário. 
\u2022 Desenvolva várias alternativas de solução. 
\u2022 Use a criatividade e a inovação. 
\u2022 Avalie a relação custo-benefício de cada alternativa. 
\u2022 Avalie as alternativas geradas: custo, tempo e eficácia. 
\u2022 Utilize escala de pontos para avaliar alternativas. 
\u2022 Escolha a alternativa mais adequada para a situação. 
\u2022 Implemente a solução escolhida. 
\u2022 Pense no global e não apenas no detalhe. 
\u2022 Seja prático para colocar a solução em ação. 
\u2022 Monitore o andamento das coisas. 
\u2022 Verifique se o problema foi realmente resolvido. 
\u2022 Avalie o resultado e as consequências. 
Ambientes de decisão 
Ambiente 
de certeza 
Ambiente 
de risco 
Ambiente 
de incerteza 
\uf0a7 A informação é suficiente para 
predizer os resultados de cada 
alternativa. 
\uf0a7 O administrador conhece seu 
objetivo e tem informação 
mensurável. 
\uf0a7 Não se pode predizer os resultados 
das alternativas com certeza, mas 
apenas uma certa probabilidade. 
\uf0a7 O tomador de decisão tem 
informação suficiente, mas a 
interpretação pode variar. 
\uf0a7 Conhece-se pouco a respeito das 
alternativas e de seus resultados. 
\uf0a7 O tomador tem pouco ou nenhum 
conhecimento ou informação para 
utilizar como base para a decisão. 
Tipos de decisão 
DECISÕES 
PROGRAMADAS 
 
\uf0a7 Aplicam-se a problemas 
repetitivos e que exigem as mesmas 
decisões. 
\uf0a7 São tomadas mediante uma regra, 
procedimento. 
\uf0a7 São facilmente computadorizadas 
quando se tem sistemas de 
informação. 
DECISÕES NÃO 
PROGRAMADAS 
 
\uf0a7 Lidam com problemas incomuns 
ou excepcionais. 
\uf0a7 A organização não tem 
experiência com esses problemas 
ou eles se apresentam de forma 
diferente a cada ocorrência. 
Solução de problemas 
\u2022 Abordagem reativa 
\u2013 Espera-se até que o problema se torne aparente, antes de tomar qualquer 
iniciativa. Por exemplo, esperar que uma peça de um equipamento pare de 
funcionar. 
\u2022 Abordagem proativa 
\u2013 Procuram-se problemas em potencial antes que eles se tornem sérios. Por 
exemplo, manutenção preventiva de equipamentos.