A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
60 pág.
APS   ONG Banco de Alimentos COMPLETA 2º semestre

Pré-visualização | Página 4 de 11

vendida em pote com a quantidade adequada de ingredientes para render quatro porções. [8: Produtos disponíveis para comercialização em: <http://www.bancodealimentos.org.br/>]
Figura 4 Camisa Combate à Fome, Eu Ajudo
Figura 5 Brownie in Jar
Figura 6 Livro Entre Cascas e Temperos
Figura 7 Livro Gourmet Sustentável
Local e hora de funcionamento 
A sede do Banco de Alimentos está localizada em São Paulo, na Rua Atibaia, nº 218, Pacaembu. Funciona das 08h da manhã até as 18h da tarde. 
Sugestões para a mídia e conscientização popular 
A ONG apresenta material qualificado de divulgação, como logotipo, cartão de visita, livros, execução de palestras, workshops e postagens constantes na página do Facebook. Entretanto, a mídia ainda é apresentada como um dos problemas enfrentados pela organização. Desse modo, propomos a execução do merchandising do Banco de Alimentos em programas televisivos, de rádio e em revistas voltados para a culinária e o aproveitamento integral de alimentos, visando incentivar a iniciativa e tornar a prática de evitar o desperdício algo recorrente no dia a dia da população. [9: Merchandising, segundo a definição de Regina Blessa, é “o conjunto de técnicas responsáveis pela informação e apresentação destacada dos produtos na loja, de maneira tal que acelere sua rotatividade”. ]
Beneficiado: Arsenal da Esperança 
História e Objetivos 
A criação do Arsenal da Esperança, em São Paulo, é antes pautada pelo surgimento do SERMIG (Serviço Missionário Giovani), em 1964, Turim (Itália), através da iniciativa do casal Ernesto Olivero e Maria Cerrato, que compartilhavam o desejo de promover melhorias na sociedade e acabar com a fome no mundo. O serviço, desenvolvido por missionários, em seguida recebe o nome de Arsenal da Paz, ao se estabelecer em um local onde anteriormente eram armazenadas armas e equipamento militar. 
Em 1996, influenciado por todos os projetos que o Arsenal da Paz já instituía no Brasil — como a construção de moradias adequadas para a população da Bahia que vivia em cortiços, além de diversas outras ações na Região Sudeste —, é fundado em São Paulo o Arsenal da Esperança, por intermédio de Ernesto Olivero e Dom Luciano Pedro Mendes de Almeida. 
Localizado na antiga Hospedaria do Imigrante, a fundação tem como objetivo auxiliar pessoas que passam por dificuldades econômicas, essencialmente homens, maiores de 18 anos, que perderam o emprego e não possuem alternativas para recorrer, encontrando-se em “situação de rua”. O Arsenal, em sua nobre atitude, oferece a reestruturação adequada a fim de que o indivíduo seja capaz de se estabelecer novamente em sociedade, disponibilizando dormitórios, alimentação, assistência médica, acompanhamento com assistentes sociais, além de cursos profissionalizantes, com parceria e certificado do Senai, que auxiliam na restituição dos beneficiados.[10: O Arsenal da Esperança está localizado na Rua Dr. Almeida Lima, nº 900, na Mooca. Referência: próximo à Estação do Metrô Bresser-Mooca. ]
Figura 8 Dormitórios - Todos os lençóis e fronhas de travesseiros são iguais, a fim de que os beneficiados não se sintam diferenciados
O projeto está ligado à prefeitura, que fornece a verba necessária para a administração da fundação. Entretanto, os recursos providos nem sempre são suficientes, o que faz com que o Arsenal dependa também de doações e contribuições externas. 
A Organização também é patrocinada e auxiliada pelo Clube de Futebol Juventus, que contribui com doações de produtos oficiais que podem ser comercializados. [11: Juventus Clube é um dos times mais bem-sucedidos da Itália. Originário de Turim. ]
Em todo o seu tempo no Brasil, a instituição já auxiliou mais de 50 mil pessoas. Há casos em que, após sua passagem pela fundação, o indivíduo retorna à Casa e se voluntaria a ajudar outros que necessitam.
Figura 9 Sede Arsenal da Esperança - Na fachada localizam-se dois homens esperando vagas para serem acolhidos pela Instituição
Prêmios 
Ernesto Olivero foi indicado ao prêmio Nobel da Paz, em 1997, por Madre Tereza de Calcutá. 
Gianfranco Mellino, administrador da fundação, recebeu o prêmio internacional Piemonteses Protagonistas, devido ao seu trabalho no Arsenal da Esperança, ao trabalhar em atividades sociais em prol do próximo. 
A influência do Banco de Alimentos 
A parceria com o Banco de Alimentos é de longa data, aproximadamente 18 anos. A ONG assiste o Arsenal da Esperança em suas 3.500 refeições diárias, onde o auxílio fornecido pela prefeitura não cobre todos os gastos. A periodicidade das doações é diária e são entregues alimentos de diversos tipos. 
Figura 10 Refeitório
Ademais, vários projetos e campanhas empreendidos pelo Banco contribuem com a alimentação da fundação. Como exemplo, é possível citar a ação realizada pela ONG, em que esta mobilizou supermercados e comércios alimentícios, como pizzarias, a incentivar seus clientes a doarem 1 quilo de alimentos ao comprarem ou receberem seus produtos. Todas as quantias recolhidas foram distribuídas entre os beneficiados da associação civil, incluindo o Arsenal. 
Luciana Quintão também acompanha as ações realizadas pela Casa de acolhimento, como ocorreu com o Almoço dos Povos. Esta foi uma atividade dinâmica promovida pelo Arsenal da Esperança em que jovens de escolas de São Paulo são divididos em grupos que correspondem à diversas regiões do globo terrestre. Alguns ficaram em países ricos, como os Estados Unidos da América, a França, entre outros, enquanto os demais foram localizados em nações pobres, como ocorre com os países africanos. No momento de promover o banquete, apenas aqueles que estavam nas localidades mais ricas receberam alimento, enquanto os restantes permaneceram sem nada. O projeto visa à conscientização dos jovens ao expor a problemática da fome, que afeta milhares de pessoas em todo o mundo, buscando promover a igualdade e formas de amenizar a questão social. 
No quesito alimentação, o Arsenal da Esperança sempre conseguiu dar base aos mais necessitados e nunca sofreu com a falta de produtos, graças ao apoio e contribuição da prefeitura e do Banco de Alimentos. 
Unidades do Arsenal 
Além do Arsenal da Paz, na Itália, e do Arsenal da Esperança, no Brasil, o SERMIG ainda promove o auxílio da fundação em mais duas localidades. Uma delas fica também na Itália e foi intitulada de Arsenal da Acolhida. Fundado em 2014, o projeto engloba famílias que se dedicam a ajudar o próximo, abrigando em suas casas os mais necessitados. 
A outra unidade fica na Jordânia, no Oriente Médio, e recebe o nome de Arsenal do Encontro. Inaugurada em 2006, a instituição abriga e disponibiliza apoio a crianças e jovens portadores de deficiências físicas e mentais, além de, atualmente, acolherem também refugiados de guerra. 
O Arsenal pretende continuar expandindo sua ação, mas para isso necessita do apoio e contribuição da sociedade, que pode ser realizado através de doações. Estas podem ser efetivadas por meio do cupom fiscal sem CPF, do trabalho voluntário ou contribuições financeiras, alimentícias ou de vestuário e produtos de higiene. [12: Informações referentes a doações financeiras disponível em: < http://www.sermig.org/br/como-ajudar>.]
CONCLUSÃO
No Brasil, a fome ainda é uma questão de impacto que afeta aproximadamente 870 milhões de pessoas. O país está entre os dez que mais desperdiçam, com 41 mil toneladas anualmente. O processo tem início ainda nas fazendas, onde os produtos machucados ou fora do padrão estabelecido pelo mercado são eliminados, e termina na mesa do cidadão, em que a perda engloba não apenas os restos alimentares, como também as partes essenciais, a exemplo de talos, cascas, sementes e folhas, que são eliminados no processo de preparo da refeição. Isso decorre da falta de educação alimentar que marca a sociedade brasileira, em conjunto com a desigualdade que permeia as classes sociais, onde as menos