PROJETO INTEGRADOR UC07 - SENAC ADMINISTRAÇÃO
3 pág.

PROJETO INTEGRADOR UC07 - SENAC ADMINISTRAÇÃO


DisciplinaAdministração100.957 materiais758.931 seguidores
Pré-visualização1 página
SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL
ESCOLA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL SENAC rs
EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
VICTÓRIA SCHUSTER FLORES
Curso: Técnico de Administração
Componente Curricular: Projeto Integrador UC07
Professor: Aline de Vargas Nunes
CANOAS
2017
O encontro presencial realizado em 08/05/2017 no polo de Canoas, foi conduzido pelo professor Everni Osmar Kiewel, graduado em administração de empresa e MBA de gestão empresarial.
	O foco desta aula foi explicar aos alunos um dos principais problemas que ocorrem nas empresas no dia de hoje: a rotatividade de funcionários. 
	Este problema afeta a maioria das empresas e há diversos fatores que podem evitar que isto ocorra com frequência, desde o momento da contratação, treinamento e até como manter o funcionário motivado sem trazer prejuízos para a empresa.	
	Foi explicado a importância de um contrato temporário, o que para muitos é \u2018\u2019perda de tempo\u2019\u2019 pode ser algo que garanta tanto para a empresa quanto para o funcionário de que fizeram a escolha certa, pois dá a oportunidade ao colaborador de ter a certeza se este é o cargo desejado, assim como para a empresa de perceber se o funcionário é capacitado para o cargo, bem como se o mesmo irá se adequar aos outros colaboradores. Foi demonstrado, ainda, a importância de como fazer um bom anúncio de vaga, e após, uma boa seletiva, pois estes filtros fazem com que a empresa consiga chegar na pessoa mais adequada para o cargo, e para isso precisa ser objetiva e clara com o tipo de perfil que deseja. A empresa necessita ser o mais acertiva possível para que o funcionário possa ter uma jornada de trabalho longa dentro da empresa, trazendo assim um retorno para a mesma. 
	Quando a empresa percebe que está havendo uma rotatividade alta, precisa tomar providencias, e uma delas é saber o porquê desta rotatividade, uma boa alternativa é realizar uma pesquisa de satisfação com os colaboradores afinal estes que poderão passar aos gestores quais os possíveis problemas da empresa. Neste momento é aberto mais um ponto, em muitas empresas de grande porte, os problemas internos não chegam aos gestores, pois há uma grande burocracia para realização de contato, fazendo assim com que muitos problemas não tenham solução e acabem motivando a rotatividade de funcionários. Neste momento, fazer a pesquisa de satisfação ou não, depende da cultura da empresa que é feita pelos donos da empresa. 
	Muitas vezes o RH trabalha em modo automático, acaba somente lidando com pagamentos, e do que é obrigado por lei (férias, benefícios, 13º salário, etc.) e esquece de que o setor também precisa controlar os funcionários, crescimento dos mesmos dentro da empresa, etc. O RH, deve também controlar o funcionário no sentido de analisar se este vem sendo sobrecarregado (sem tempo) ou se o mesmo não está sabendo se organizar com suas tarefas, e isso pode ser visto com excesso de horas extras, deve também cuidar se o colaborador vem realizando a pausa correta para almoço e lanche. 
	Uma das experiencias profissionais relatadas pelo professor, foi em que uma empresa que este já laborou o RH desta colocou um quadro com uma foto de cada funcionário, e no início de todos os dias de trabalho os funcionários representavam com \u2018\u2019emojis\u2019\u2019 embaixo de suas respectivas fotos como estavam se sentindo (ex.: feliz = boneco sorrindo ; triste = boneco chorando, etc.) e assim a empresa conseguia ter o controle do emocional de seus funcionários, e quem fazia este controle era um psicólogo contratado para este fim, que quando achava necessário poderia prestar auxílio ao funcionário.
	Sendo assim ficou claro que nem sempre o salário representa tudo, mas o emocional também conta muito, afinal se o funcionário não se sente realizado laborando na empresa há grandes chances de que o mesmo abandone a empresa quando houver outra oportunidade. 
	Outra experiencia profissional citada foi vivida no SENAC, que tem um sistema de apadrinhamento com o novo funcionário, em que um colaborador antigo apresenta ao novo, os colegas, rotina, tarefas, sana dúvidas, etc. E assim o novo funcionário já começa a se sentir mais confortável dentro da empresa.
	Acredito que uma grande inovação para empresas seria dar autonomia aos seus funcionários (ex.: o próprio colaborador se policiar em questão de horário, sem ponto, ou ter um funcionário específico para controlar). Esta é uma inovação muito \u2018\u2019impactante\u2019\u2019 mas que com certeza iria gerar menos pressão dentro do local de trabalho e assim o colaborador iria se sentir mais seguro. 
	Para manter o ambiente agradável para os colaboradores é importante mantê-los motivados, dando a eles metas e quando estas forem atingidas oferecer premios ; manter sempre os funcionários com benefícios, e se possível benefícios que alcancem os seus familiares também (plano de saúde, plano odontológico, auxilio creche, etc.), pois se o mesmo receber outra proposta de emprego com salário equivalente ou até mais elevado, os benefícios irão fazer a diferença, pois o salário poderá não compensar. 
	Oferecer ginástica laboral, local de descanso, festa de final de ano, confraternizações, jogos, e etc, fazem com que o clima entre os funcionários sempre fique harmonizado, evitando problemas entre estes. Também é importante fazer com que os funcionários se sintam valorizados dentro da empresa, ofertar a eles plano de carreira, para que possam visar um futuro e saber que o esforço de hoje poderá acarretar em uma promoção de cargo no amanhã.