A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
105 pág.
Aula 01   Organização Administrativa   Exercícios

Pré-visualização | Página 1 de 23

PACOTE DE EXERCÍCIOS – STJ/2012 
ANALISTA JUDICIÁRIO – JUDICIÁRIA 
DIREITO ADMINISTRATIVO 
Prof. Edson Marques 
www.pontodosconcursos.com.br 
1 
Olá pessoal, 
Bem vindos ao nosso curso em exercícios para Analista 
Judiciário – área Judiciária – para o Superior Tribunal de Justiça. 
Sou o prof. Edson Marques, vou ministrar o módulo de 
Direito Administrativo, abordando todo o conteúdo o edital, a fim de 
que você chegue à prova com aptidão suficiente para gabaritá-la. Este é 
o objetivo. 
A propósito, como a boa educação recomenda, deixe-me 
fazer uma breve apresentação. 
Sou Defensor Público Federal, atuando no Superior 
Tribunal de Justiça, ministro aulas de Direito Administrativo e 
Constitucional em cursos preparatórios para concursos, na pós-
graduação e graduação em Brasília. Integro a equipe do Ponto dos 
Concursos já há uns quatro anos. 
Também fiz diversos concursos públicos, de modo que 
tive a sorte de ser aprovado em alguns, tal como Procurador da Fazenda 
Nacional, Advogado da União, Delegado de Polícia Federal, Defensor 
Público, Analista Judiciário do TST, STF e STJ, dentre outros. 
Atualmente, e acredito para o resto de minha carreira 
pública, sou Defensor Público Federal, mas ocupei os cargos de Técnico 
de Finanças e Controle, Técnico Judiciário no STJ, Analista Judiciário no 
STF e no STJ e Advogado da União. 
Bem, depois dessa brevíssima apresentação, é bom 
informar que nosso curso, conforme o edital, será dividido em doze 
aulas, além dessa inaugural, do seguinte modo: 
AULA 01: 8 Organização administrativa (noções gerais). 8.1 
Administração direta e indireta, centralizada e descentralizada. 
8.2 Agências reguladoras. 
PACOTE DE EXERCÍCIOS – STJ/2012 
ANALISTA JUDICIÁRIO – JUDICIÁRIA 
DIREITO ADMINISTRATIVO 
Prof. Edson Marques 
www.pontodosconcursos.com.br 
2 
AULA 02: 6 Princípios básicos da administração. 
AULA 03: 5 Poderes da administração. 5.1 Poder vinculado, 
discricionário, hierárquico, disciplinar e regulamentar. 5.2 O 
poder de polícia: conceito, finalidade e condições de validade. 
AULA 04: 1 Ato administrativo: conceito, requisitos, atributos, 
classificação, espécies e invalidação. 1.1 Anulação e revogação. 
1.2 Prescrição, decadência e preclusão. 
AULA 05: 3.4 Licitação: princípios, obrigatoriedade, dispensa e 
exigibilidade, procedimentos e modalidades. 
AULA 06: 3 Contratos administrativos. 3.1 Conceito, 
características e formalização. 3.2 Execução do contrato: 
direitos e obrigações das partes, acompanhamento, 
recebimento do objeto, extinção, prorrogação e renovação do 
contrato. 3.3 Inexecução do contrato: causas justificadoras, 
consequências da inexecução, revisão, rescisão e suspensão do 
contrato. 
AULA 07: 7 Serviços públicos. 7.1 Conceito, classificação, 
regulamentação, formas e competência de prestação. 7.2 
Concessão e autorização dos serviços públicos. 3.5 Contratos 
de concessão de serviços públicos. 2.2 Domínio público. 2.3 
Bens públicos: conceito; utilização; afetação e desafetação; 
regime jurídico; formas de aquisição e alienação. 2.4 Proteção 
e defesa de bens de valor artístico, estético, histórico, turístico 
e paisagístico. 
AULA 08: 10 Intervenção do Estado na propriedade: noções 
gerais; servidão administrativa; requisição; ocupação; 
limitação administrativa. 11 Desapropriação: conceito; 
características; fundamentos; requisitos constitucionais; 
objeto; beneficiários; indenização e seu pagamento; 
desapropriação indireta e por zona. 
PACOTE DE EXERCÍCIOS – STJ/2012 
ANALISTA JUDICIÁRIO – JUDICIÁRIA 
DIREITO ADMINISTRATIVO 
Prof. Edson Marques 
www.pontodosconcursos.com.br 
3 
AULA 09: 1.3 Improbidade administrativa. 1.4 Lei nº 
8.429/1992. 6.2 Enriquecimento ilícito e uso e abuso de poder: 
sanções penais e civis. 
AULA 10: 9 Processo administrativo: normas básicas no 
âmbito da administração federal (Lei nº 9.784/1999). 
AULA 11: 2 Controle da administração pública. 2.1 Controles 
administrativo, legislativo e judiciário. 6.1 Responsabilidade 
civil da administração: evolução doutrinária e reparação do 
dano. 
AULA 12: 4 Agentes administrativos. 4.1 Investidura e 
exercício da função pública. 4.2 Direitos e deveres dos 
servidores públicos: regimes jurídicos. 4.3 Processo 
administrativo: conceito, princípios, fases e modalidades. 12 
Normas aplicáveis aos servidores públicos federais: Lei nº 
8.112/1990 e alterações. 
Percebam que o edital veio pesadíssimo, praticamente 
abordando todo o Direito Administrativo, o que indica, aparentemente, 
um grau maior de dificuldade para a prova. 
De toda sorte, temos diversas questões da banca. Assim, 
vamos selecionar questões cobradas entre 2009 a 2011. Claro que 
atualizando com outras que vierem a surgir no decorrer do curso 
(concursos de 2012). 
Mas, não se descarta por completo questões mais antigas, 
porque às vezes um dado tema não é muito abordado e não 
encontraremos questões mais novas. 
Assim, vamos deixar de conversa e vamos ao que 
interessa. 
PACOTE DE EXERCÍCIOS – STJ/2012 
ANALISTA JUDICIÁRIO – JUDICIÁRIA 
DIREITO ADMINISTRATIVO 
Prof. Edson Marques 
www.pontodosconcursos.com.br 
4 
QUESTÕES COMENTADAS 
1. (AFCE – TCU – CESPE/2011) Segundo a doutrina 
administrativista, o direito administrativo é o ramo do direito 
privado que tem por objeto os órgãos, os agentes e as pessoas 
jurídicas administrativas que integram a administração pública, 
a atividade jurídica não contenciosa que esta exerce e os bens 
de que se utiliza para a consecução de seus fins, de natureza 
pública. 
Comentário: 
O Direito é concebido como ramo da ciência criado pelo 
homem na medida em que as regras e normas não estão dispostas na 
natureza no sentido de serem observadas e, assim, empreender uma 
padronização. Por isso, diz-se que o Direito é essencialmente criação 
humana. Sendo, no entanto, uno. 
Todavia, a fim de facilitar seu estudo, decompõe-se em 
ramos, do qual, modernamente, adviriam de uma fonte comum, ou 
seja, da Constituição, muito embora haja pensamento, de certo modo 
ultrapassado, de divisão em dois ramos: o direito público e o direito 
privado. 
Com efeito, nessa linha de pensamento, o direito privado 
seria encarregado de regular as relações em que os sujeitos atuem 
preponderantemente em igualdade de condições, ainda que, em certas 
ocasiões haja certa proteção para um dos lados. Cuida-se, portanto, de 
relações de interesses privados, sendo exemplo o Direito Civil, 
Empresarial etc. 
O Direito Público, por outro lado, estaria encarregado de 
reger as relações envolvendo especialmente o Estado, quando agindo 
em superioridade, a fim de preservar e realizar o interesse público, 
tendo como exemplo o Direito Administrativo, Tributário, Econômico 
etc. 
PACOTE DE EXERCÍCIOS – STJ/2012 
ANALISTA JUDICIÁRIO – JUDICIÁRIA 
DIREITO ADMINISTRATIVO 
Prof. Edson Marques 
www.pontodosconcursos.com.br 
5 
Por isso, o Direito Administrativo seria um dos ramos 
do direito público que tem por objeto a função administrativa e 
os entes ou entidades que exercem tal função. Todavia, para 
melhor compreensão do conceito dessa ciência jurídica, é preciso 
entender os critérios que nortearam e norteiam a definição desse 
importante ramo do direito. 
Nesse sentido, é importante a lição da profa. Di Pietro, 
segundo a qual a definição de direito administrativo pode ser vista sob 
diversos critérios, sintetizando os seguintes: 
• Escola do Serviço Público 
• Critério do Poder Executivo 
• Critério das relações Jurídicas 
• Critério Teleológico 
• Critério negativo ou residual 
• Critério distintivo entre atividade jurídica e social do Estado 
• Critério da Administração Pública 
Para a Escola do serviço público formada na França, 
tendo

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.