A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
46 pág.
Anticoncep

Pré-visualização | Página 1 de 2

ANTICONCEPÇÃO 
HORMONAL 
! Consiste na utilização de um progestógeno ou na 
associação do progestógeno com um estrógeno com a 
finalidade de impedir a concepção 
   
MARYSABEL PINTO TELIS SILVEIRA 
 
CICLO MENSTRUAL 
 
FISIOLOGIA DO EIXO 
HIPOTÁLAMO - HIPÓFISE 
OVÁRIO 
NÍVEIS HORMONAIS 
NO CICLO MENSTRUAL 
______________________________________ 
CICLO MENSTRUAL - ENDOMÉTRIO 
CICLO MENSTRUAL - ENDOMÉTRIO 
 
CICLO MENSTRUAL 
FASE FOLICULAR 
 OVULAÇÃO 
FASE LÚTEA 
 
 
ANTICONCEPÇÃO 
HORMONAL 
l  ORAL 
l  INJETÁVEL 
l  IMPLANTE 
l  ANEL VAGINAL 
l  TRANSDÉRMICO 
l  DISPOSITIVO INTRA-UTERINO 
(ENDOCEPTIVO) 
   
   
ANTICONCEPÇÃO 
HORMONAL ORAL 
 
l  baixa taxa de falha 
l  facilidade de uso (método não relacionado ao 
coito) 
l  excelente reversibilidade 
   
   
M A 
E N 
C O 
A V 
N U 
I L 
S A 
M T 
O O 
 R 
 I 
 O 
MECANISMO DE AÇÃO 
Previnem a contracepção: 
 
•  inibem a ovulação por supressão de FSH e LH 
 
•  alteram a motilidade tubária 
•  alteram o endométrio de maneira a não permitir 
implantação 
 
•  viscosidade do muco cervical prejudicando a 
motilidade dos espermatozóides 
 
BENEFÍCIOS NÃO CONTRACEPTIVOS 
 
 
 
•  diminuição da dismenorréia 
•  diminuição do fluxo menstrual e menor anemia 
•  supressão da formação de cistos ovarianos 
 
•  eliminação da dor ovulatória cíclica 
•  diminuição risco de gestação ectópica 
•  diminuição de sintomas de TPM 
•  prevenção de Ca ovário e Ca endométrio 
•  melhora da endometriose 
•  aumento da densidade mineral óssea 
 
•  melhora da acne 
BENEFÍCIOS NÃO CONTRACEPTIVOS DO ACHO 
D’Souza et al. (2002) 
“MULHERES USANDO ACHO MODERNOS DE BAIXA DOSE 
ESTÃO EXPOSTAS A RISCOS EQUIVALENTES AOS DO 
CICLO MENSTRUAL NORMAL.” 
Drife (1996) 
•  reduz o risco de doença benigna da mama, 
 câncer de endométrio e câncer de ovário 
•  diminui os cistos funcionais de ovário 
•  diminui os índices de gravidez ectópica e 
 doença inflamatória pélvica 
•  melhoras relacionadas ao ciclo menstrual 
 
 ESTRÓGENO 
 
 
 
 
 
 
PROGESTÓGENO 
 
 
 
 
 
 
Etinilestradiol 15-50 µg 
 
1° geração noretindrona 
 
2° geração norgestrel 
 levonorgestrel 
 
3° geração desogestrel 
 gestodeno 
 norgestimato 
 ciproterona 
 
4° geração drospirenona 
 dienogest 
 
 
 
 
•  náuseas e vômitos 
•  hipersensibilidade mamária 
•  cloasma 
•  aumento incidência de telangectasias 
•  pequeno grau de retenção hídrica 
•  risco elevado de tromboflebite ou tromboembolia 
•  cefaléias vasculares 
 
 
ESTRÓGENO - EFEITOS COLATERAIS 
 
 
 
•  aumento de apetite / ganho ponderal 
•  flutuações de humor 
•  depressão 
•  diminuição de libido 
•  fadiga 
•  acne 
•  aumento do tamanho de mamas 
•  alteração do metabolismo de lipídios e carboidratos 
 
 
PROGESTERONA - EFEITOS COLATERAIS 
É o componente de quase todos os contraceptivos modernos, 
ativo oralmente, é um potente estrogênio. 
A dose apropriada ( entre 15 e 50 µg) requer equilíbrio entre as 
necessidades de segurança, eficácia e controle de ciclo. 
ESTROGÊNIO: ETINIL ESTRADIOL 
ORIGEM DOS PROGESTÓGENOS 
19 - nortestosterona 
Noretisterona 1954 
Levonorgestrel 1963 
 Gestodeno/ 
Desogestrel 
 1975 
Norgestimato 
1977 
17 - α - hidroxiprogesterona 
Caproato de 
 hidroxiprogesterona 
1954 
 Acetato de 
Clormadinona 
 1960 
Acetato de Ciproterona 
 1961 
17-α-espironolactona 
Drospirenona 1987 
ORIGEM DOS PROGESTÓGENOS 
l  Derivados da 19 NOR - TESTOSTERONA 
!   A retirada do C 19 da etisterona muda 
principal efeito hormonal de um androgênio 
para um progestogênio, entretanto as 
propriedades androgênicas e anabolizantes 
não são totalmente eliminadas. 
Progestógenos 
l  Derivados da 19 NOR - TESTOSTERONA 
–  Noretindrona - Possui efeito androgênico. Possui 
atividade estrogênica (mínima - pela fraca ligação ao 
receptor E): 
l  Mesigyna, Micronor, Trinovum 
–  Linestrenol - Possui efeito androgênico, sem efeito 
estrogênico: 
l  Anacyclin, Exluton 
–  L- Norgestrel - Sem efeito estrogênico, possui efeito 
androgênico: 
l  Anfertil, Primovlar, Evanor, Neovlar, Nordette, 
Microvlar, Trinordiol, Triquilar, Nortrel, Postinor 
Progestógenos 
l  Derivados da 19 NOR - TESTOSTERONA 
–  Gestodeno - Derivado α 15 L-norgestrel com forte 
atividade depressora das gonadotrofinas, mais que a 
substância de origem. Efeito androgênico e anabolizante 
reduzido. Não tem ação estrogênica. 
Efeito antimineralocorticoide (ação diurética), tende a 
diminuir a PA sistêmica. Não tem efeito glicocorticoide. 
Não estimula ACTH. 
l  Gynera, Minulet, Femiane, Harmonet, 
 Diminut, Ginesse 
Progestógenos 
l  Derivados da 19 NOR - TESTOSTERONA 
–  Desogestrel: Mínima ação androgênica. Não possui ação 
estrogênica, mas em virtude de sua baixa atividade 
androgênica. 
l  Microdiol, Mercilon, Gracial, Cerazette 
–  Etonogestrel: metabólito ativo do desogestrel. Administrado 
subdermicamente evita o efeito da 1ª passagem no fígado. 
l  Implanon 
–  Norgestimato - Norelgestromina: Metabólito do L-Norgesrel. 
Uso transdérmico, s/efeito da 1ª passagem. 
l  Evra 
Progestógenos 
l  Derivados da 17 α HO - PROGESTERONA 
–  Medroxiprogesterona: 
l  Depo - provera 
–  Ciproterona - Potente progestógeno com ação anti-
androgênica, sem ação estrogênica: 
l  Diane 
Progestógenos 
l  Derivado da ESPIRONOLACTONA 
–  Drospirenona: Possui perfil farmacológico semelhante 
a progesterona, propriedade antimineralocorticóide 
(excreção de sódio) leve, devido a menor retenção 
hídrica está associada a estabilidade de peso ou redução 
de peso. Possui atividade anti-androgênica, melhora acne 
e seborréia 
l  YASMIN 
CONTRA-INDICAÇÕES AO ACHO 
•  trombose (venosa ou arterial) ou antecedentes 
•  diabetes mellitus com alterações vasculares 
•  hipertensão severa 
• doença hepática grave atual ou antecedentes 
•  presença ou antecedentes de tumores hepáticos 
•  câncer de mama ou neoplasias estrogênio 
 dependentes 
•  gravidez ou suspeita 
•  hipersensibilidade a qualquer dos componentes 
 do produto 
ATENÇÃO – PRECAUÇÕES 
•  TABAGISMO 
•  IDADE SUPERIOR A 35 ANOS 
•  ANTECEDENTES PESSOAIS E FAMILIARES 
•  OBESIDADE 
•  CIRURGIAS PROGRAMADAS 
•  IMOBILIZAÇÃO PROLONGADA 
DROSPIRENONA 
Possui perfil farmacológico semelhante 
a progesterona, efeitos natriuréticos 
similares aqueles da dieta com 
restrição leve sódio, devido a menor 
retenção hídrica está associada a 
estabilidade ou redução de peso. 
Pela atividade anti-androgênica, melhora 
a acne e a seborréia 
 
ANTICONCEPÇÃO HORMONAL 
l  METABOLISMO HIDROELETROLÍTICO 
–  Pela ação do EE há estimulação da síntese de RENINA e 
liberação de ANGIOTENSINA, promovendo vasoconstrição 
e consequentemente aumento da PA 
–  Pela ação do EE há liberação de ALDOSTERONA pela SR 
favorecendo a retenção de água e sódio 
–  Drospirenona age competindo com a aldosterona a nível do 
seu receptor, inibindo este efeito 
ANTICONCEPÇÃO HORMONAL 
! METABOLISMO DOS CARBOHIDRATOS 
! Compostos com 35 µg ou menos de EE parecem não afetar