A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
12 pág.
metodologia de pesquisa

Pré-visualização | Página 1 de 7

Analise a manchete abaixo que trata da polêmica sobre a pesquisa com células tronco e, em seguida, marque a única opção que apresenta uma observação correta sobre o conteúdo da notícia, considerando o que estudamos sobre a classificação da pesquisa.
As novas pesquisas com células tronco, ou também denominadas de células-mãe, ou ainda células esta minais, têm despertado um grande debate. O primeiro relato de pesquisa em células tronco utilizando células embrionárias humanas foi publicado em  1998 pela equipe da Universidade de Wisconsin/EUA. Neste mesmo ano, a equipe da Universidade Johns Hopkins, realizou pesquisas com células tronco fetais humanas. Vários segmentos da população tem assumido uma posição contrária a este tipo de pesquisas, pois afirmam que o bem da sociedade não pode ser obtido a partir da morte de alguns indivíduos, mesmo que ainda em fase embrionária.(Disponível em:. Acesso em: 26 fev 2011.)
		
	
	A pesquisa científica acima pode ser classificada como uma pesquisa pura, do tipo exploratório. 
	
	A pesquisa científica acima pode ser classificada como uma pesquisa pura do tipo explicativa;
	
	A pesquisa científica acima pode ser classificada como uma pesquisa aplicada do tipo histórica;
	
	A pesquisa científica acima pode ser classificada como uma pesquisa aplicada e exploratória;
	
	A pesquisa mencionada na manchete pode ser classificada como uma pesquisa aplicada do tipo comparado 
	Ao estudamos a classificação da pesquisa, observamos que há um procedimento em que os participantes assumem o lugar do tomador de decisão, para gerar e avaliar alternativas para o problema, e propor um curso de ação. Este procedimento de pesquisa é denominado de:
		
	
	pesquisa de campo.
	
	pesquisa comparada.
	
	pesquisa bibliográfica.
	
	pesquisa histórica
	
	estudo de caso.
	Ao concluir seu curso de Fisioterapia, Mariza fez um estudo nos arquivos da clínica em que estagiou. Interessaram a ela registros de quebraduras em pacientes com mais de 60 anos nos dois últimos anos. Podemos concluir que Mariza se utilizou de uma pesquisa
		
	
	documental
	
	experimental
	
	bibliográfica
	
	de campo
	
	exploratória
	O objetivo da pesquisa exploratória é:
		
	
	Descrever as características de algum fenômeno.
	
	Identificar os fatores que determinam a ocorrência de algum fenômeno.
	
	A pesquisa bibliográfica não pode ser utilizada.
	
	Viabilizar a construção de hipóteses.
	
	Identificar a aplicação das hipóteses.
	Do ponto de vista de sua abordagem, uma pesquisa poderá ser classificada como qualitativa ou quantitativa. Nesse sentido, assinale a opção que apresenta a característica de uma pesquisa qualitativa. 
		
	
	Busca-se reconsiderar ou reconstruir a realidade observada atribuindo significado às relações entre os fenômenos observados.
	
	Apresenta como finalidade o interesse de determinar o perfil de um grupo de pessoas, baseando-se em características que elas tem em comum.
 
	
	Apresenta como finalidade medir tanto opiniões, atitudes e preferências como comportamentos.
 
	
	Apresenta como finalidade o compromisso de gerar medidas precisas e confiáveis que permitam uma análise estatística.
	
	Busca-se descobrir e apresentar quantas pessoas de uma determinada população compartilham determinada característica. 
 
	Recentemente, mais de um milhão e meio de pessoas foram às ruas em Paris em homenagem às vítimas do atentado à revista Charlie Hedbo e dos acontecimentos que o sucederam, quando outras pessoas foram assassinadas dentro de um supermercado de produtos judaicos na cidade. Foi a maior manifestação da história da França. Acredita-se que a liberdade estaria em perigo e muito se falou sobre fundamentalismo como fenômeno contemporâneo em diversos países da Europa. Jornalistas, analistas políticos, apresentaram programas abordando o tema em diversos momentos e em diferentes países. Dentre os tipos de pesquisa abaixo, assinale a opção em que aparecem tipos fundamentais para a análise do fenômeno.
		
	
	Pesquisa pura, bibliográfica e de campo.
	
	Pesquisa comparada, pura, documental.
	
	Pesquisa quantitativa, aplicada, qualitativa.
	
	Pesquisa comparada, histórica, quantitativa.
	
	Pesquisa aplicada, pura e descritiva.
	
	As pesquisas quanto à sua natureza podem ser qualitativas ou quantitativas. Leia os enunciados abaixo e coloque: 
(1) para aqueles que correspondem à pesquisa qualitativa 
(2) para pesquisa quantitativa
( ) Traduz em números, opiniões e informações.
( ) Preocupa-se em explicar e não em medir o fenômeno.
( ) Adota uma perspectiva processual do fato estudado.
( ) Faz uso de métodos estatísticos. 
		
	
	2, 1, 2, 2
	
	2, 1, 1, 2
	
	2, 1, 2, 1
	
	1, 2, 2, 1
	
	1, 1, 2, 1
	A pesquisa científica é o elemento imprescindível na construção de novos conhecimentos. Nesse sentido, temos diversos tipos de pesquisa, entre elas a pesquisa que objetiva gerar novos conhecimentos que sejam úteis para o avanço da ciência mesmo sem uma aplicação prática prevista e que é motivada basicamente pela curiosidade do pesquisador. Marque a única alternativa que corresponde a esse tipo de pesquisa.
		
	
	Pesquisa aplicada
	
	Pesquisa pura
	
	Pesquisa documental
	
	Pesquisa exploratória
	
	Pesquisa quantitativa
	Sobre a delimitação de um tema para uma pesquisa, existem alguns critérios. Verifique a citação abaixo e aponte qual critério foi esquecido pelo suposto pesquisador em ambos os casos narrados. Caso 1: Imagine que um estudioso resolveu fazer uma pesquisa sobre as relações sociais entre os índios ianomâmis sem, todavia conhecer as particularidades da pesquisa antropológica, não dominar a língua ianomâmi, não poder se deslocar para a reserva indígena. Caso 2: Um pesquisador ficou muito entusiasmado quando ouviu dizer das novidades no Direito Civil Húngaro. Assim, elaborou um projeto de pesquisa e escolheu para assunto o princípio da informação, a partir da comparação entre o Direito do Consumidor húngaro e o brasileiro. O fato é que não fala húngaro, nunca viajou à Hungria.
		
	
	O caso 1 mostra que o pesquisador esqueceu que o tema deve ser genérico; no caso 2, não considerou que o tema deve ser viável. 
	
	O caso 1 mostra que o pesquisador esqueceu que o tema deve ser exequível no prazo estipulado; no caso 2, não considerou que o tema deve ser específico.
	
	O caso 1 mostra que o pesquisador esqueceu que o tema deve ser exequível no prazo estipulado; no caso 2, não considerou que o tema deve ser específico. 
	
	O caso 1 mostra que o pesquisador esqueceu que o tema deve ser acessível às suas condições, o tema é obviamente inacessível; no caso 2, temos uma pesquisa igualmente inacessível pelo desconhecimento do idioma estrangeiro.
	
	O caso 1 mostra que o pesquisador esqueceu que o tema deve ser amplo; no caso 2, não considerou que o tema deve respeitar as exigências institucionais.
	
	
Quando dizemos que um tema amplo possibilita omissões, estamos afirmando que ele precisa ter:
 
		
	
	generalização
	
	abrangência
	
	amplitude
	
	objetividade
	
	especificidade
	Na seleção de um tema, a opção por um que seja atual e controvertido nos leva a enfrentar algumas dificuldades: carência de bibliografia teórica adequada, dificuldade para detectar sites ou fontes de pesquisas virtuais confiáveis, etc. Qual opção abaixo condiz com uma conduta de sua parte que vise evitar tais problemas: 
		
	
	Conversar com pessoas leigas e que não foram contaminadas pelo ranço acadêmico
	
	Conversar com sua família e buscar orientação com pessoas de diversas áreas de estudo que possam lhe sugerir o melhor caminho.
	
	Buscar escutar tudo que seus colegas de universidade sugerem sem refletir demasiadamente a respeito a fim de evitar racionalizar