Buscar

TESTE DE CONHECIMENTO AULA 1 E 2 DIREITO IMOBILIARIO

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 6 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 6, do total de 6 páginas

Prévia do material em texto

DIREITO IMOBILIÁRIO
1a aula
		
	 
	Lupa
	 
	 
	
Vídeo
	
PPT
	
MP3
	 
	
	 
	Exercício: CCJ0090_EX_A1_201702037525_V1 
	09/09/2018 21:01:29 (Finalizada)
	Aluno(a): CLODOALDO ITAMAR CARNEIRO PEIXOTO
	2018.2
	Disciplina: CCJ0090 - DIREITO IMOBILIÁRIO 
	201702037525
	 
	
	 1a Questão
	
	
	
	
	Dispondo sobre a atividade cartorária, assinale a alternativa INCORRETA:
		
	 
	O serviço de registro civil das pessoas jurídicas será prestado, também, nos sábados, domingos e feriados pelo sistema de plantão
	
	Os serviços notariais e de registro serão prestados, de modo eficiente e adequado, em dias e horários estabelecidos pelo juízo competente, atendidas as peculiaridades locais, observado que o atendimento ao público será, no mínimo, de seis horas diárias, devendo funcionar em local de fácil acesso ao público e que ofereça segurança para o arquivamento de livros e documentos
	
	Os notários e oficiais de registro gozam de independência no exercício das suas atividades, tem direito a percepção de emolumentos integrais pelos atos praticados na serventia e só perderão a delegação nas hipóteses previstas em lei
	
	Os titulares de serviços notariais são tabeliães de notas
	
	Notário, ou tabelião, e oficial de registro, ou registrador, são profissionais do direito, dotados de fé pública, a quem é delegado o exercício da atividade notarial e de registro
	
	 
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	"Faz-se necessário que o Oficial de Imóveis, antes de proceder com o registro do título, realize um exame prévio da legalidade do título, a fim de aferir acerca da validez e eficácia do título, evitando, desta forma, o registro de títulos inválidos, imperfeitos ou ineficazes." A afirmativa refere-se ao:
		
	
	Princípio da Continuidade Registrária.
	 
	Princípio da Legalidade.
	
	Princípio da Publicidade.
	
	Princípio da Prioridade.
	
	Princípio da Fé Pública.
	
	 
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	O Sistema registral, conforme leciona o Professor Hércules AGHIARIAN, é o procedimento instalado pelo legislador para controle e publicidade das ocorrentes transmissões (Curso de Direito Imobiliário. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2008, p. 61). Segundo previsto na Constituição Federal, a legislação sobre registros públicos compete:
		
	
	Comum à União, Estados e Municípios.
	 
	Privativamente à União.
	
	Exclusivamente à União.
	
	Concorrentemente à União, Estados e Distrito Federal.
	
	Geral da União e, na omissão, plena dos Estados, Distrito Federal e Municípios.
	
	 
	
	 4a Questão
	
	
	
	
	Os instrumentos públicos, sendo revestidos de formalidades legais, fazem prova plena do requisito da fé pública, que distingue o documento público do particular. Em tal afirmação, podemos constatar um importante elemento inerente aos atos notariais, ou seja:
		
	
	o intervencionismo
	
	o poder de polícia
	 
	a autenticidade
	
	a jurisdicionalidade
	
	a liberalidade
	
	 
	
	 5a Questão
	
	
	
	
	Serviços notariais e de registro são os de organização técnica e administrativa estabelecidos pela legislação civil, destinados a garantir determinados fins de direito aos atos jurídicos, quais sejam: I) Praticidade, autenticidade, segurança, eficácia; II) Verdade, autenticidade, segurança, eficácia; III) Publicidade, autenticidade, segurança, eficácia; IV) Publicidade, nitidez, segurança, eficácia; V) Publicidade, falsidade, segurança, eficácia; VI) Publicidade, autenticidade, segurança, litigância; É correto afirmar se afirmar que nas alternativas acima:
		
	
	Somente a I, II e III estão corretas;
	 
	Somente a III, está correta;
	
	Somente a I, III e V estão corretas;
	
	Todas as assertivas estão corretas;
	
	Somente a II, III e IV estão corretas;
	
	 
	
	 6a Questão
	
	
	
	
	Segundo o artigo 1.245 do Código Civil, "transfere-se entre vivos a propriedade mediante o registro do título translativo no Registro de Imóveis". Relativamente ao registro imobiliário, podemos afirmar que: I) enquanto não se registrar o título translativo, o alienante continua a ser havido como dono o imóvel; II) enquanto não se promover, por meio de ação própria, a decretação de invalidade do registro, e o respectivo cancelamento, o adquirente continua a ser havido como dono do imóvel; III) o registro é eficaz desde o momento em que se apresentar o título ao oficial do registro, e este o prenotar no protocolo; IV) se o teor do registro não exprimir a verdade, poderá o interessado reclamar que se retifique ou anule; V) cancelado o registro, poderá o proprietário reivindicar o imóvel, independentemente da boa-fé ou do título do terceiro adquirente; É correto afirmar se afirmar que nas alternativas acima:
		
	
	Somente a I, III e V estão corretas;
	
	Somente a II, III e IV estão corretas;
	 
	Todas as assertivas estão corretas;
	
	Somente a I, II e III estão corretas;
	
	Somente a III, IV e V estão corretas;
	
	 
	
	 7a Questão
	
	
	
	
	Em relação aos princípios informadores dos sistemas notarial e de registros públicos, é CORRETO afirmar:
		
	
	A fé pública de que é dotada a escritura pública lavrada em notas de tabelião faz prova plena e assegura a autenticidade tanto dos escritos quanto dos direitos constantes desses escritos.
	
	O princípio da inscrição significa que a constituição, transmissão e extinção de direitos reais sobre imóveis só se operam por atos causa mortis, mediante sua inscrição no registro.
	
	Os princípios contêm mandados definitivos e permanentes.
	 
	Em se tratando de título judicial, vedado é ao oficial registrador e ao tabelião de protestos o exame e qualificação de suas formalidades legais extrínsecas, já que os serviços de registro, por previsão constitucional, estão sujeitos à fiscalização do Poder Judiciário, seja quanto aos atos já praticados, seja no tocante aos atos a serem efetivados.
	 
	Ainda que se cuide de título judicial, o oficial registrador, profissional do direito que goza de fé pública, havendo exigência a ser satisfeita, deverá indicá-la por escrito e recusar registro a título e documento que não se revistam das formalidades legais, por força do princípio da legalidade e como imperativo de sua independência jurídica, facultado ao interessado requerer-lhe a suscitação de dúvida.
	
	 
	
	 8a Questão
	
	
	
	
	 Em relação ao Registro Imobiliário e a aquisição dos Direitos Reais, análise as afirmativas abaixo e marque a opção correta.
I ¿ O registro de imóveis é obrigatório e deriva da própria lei, para que o ato almejado se concretize e tenha a eficácia pretendida.
II ¿ Os direitos reais sobre imóveis constituídos, ou transmitidos por atos entre vivos, só se adquirem com o registro no Cartório de Registro de Imóveis dos referidos títulos.
 III ¿ Transfere-se entre vivos a propriedade mediante o registro do título translativo no Registro de Imóveis.
 IV- A aquisição do Direito de Propriedade admite a presunção.
		
	
	As assertivas I e II estão corretas.
	
	Apenas a assertiva IV está correta.
	
	As assertivas II e IV estão corretas.
	 
	As assertivas I, II e III estão corretas.
	
	Apenas a assertiva I está correta.
	
Explicação:
A aquisição da propriedade imovél, por ato inter vivos, ocorre com o registro do título translativo no Cartório de Registro de Imóveis.
Somente com o registro no competente Registro de Imóveis, a propriedade do bem passa do vendedor para o comprador. A simples assinatura de um instrumento de contrato ou acordo verbal com o vendedor não é suficiente para que o comprador se torne proprietário.
A importância do registro do título de transmissão da propriedade imobiliáriaestá evidenciada no artigo 1.245 do Código Civil:
Art. 1.245. Transfere-se entre vivos a propriedade mediante o registro do título translativo no Registro de Imóveis.
§ 1º Enquanto não se registrar o título translativo, o alienante continua a ser havido como dono do imóvel.
Ao efetuar o registro da escritura de compra e venda, o Registro de Imóveis emite Guia de Comunicação ao Cadastro de IPTU, para que sejam atualizadas as informações de propriedade e endereço do proprietário.
	
		DIREITO IMOBILIÁRIO
2a aula
		
	 
	Lupa
	 
	 
	
Vídeo
	
PPT
	
MP3
	 
	
	 
	Exercício: CCJ0090_EX_A2_201702037525_V1 
	12/09/2018 21:36:29 (Finalizada)
	Aluno(a): CLODOALDO ITAMAR CARNEIRO PEIXOTO
	2018.2
	Disciplina: CCJ0090 - DIREITO IMOBILIÁRIO 
	201702037525
	 
	
	 1a Questão
	
	
	
	
	No registro de imóveis, serão feitos os registros:
		
	
	da dação em pagamento, da constituição do direito de superfície, da extinção da concessão do direito real de uso.
	
	das convenções antenupciais; do usufruto; da alteração do nome do dono por casamento ou divórcio;
	
	da permuta; da doação entre vivos; do contrato de locação para fins do direito de preferência
	
	da instituição do bem de família; das servidões em geral; da mudança de denominação e numeração dos prédios;
	 
	dos contrato de promessa de compra e venda; das instituições e convenções de condomínio, das citações de ações reais;
	
	 
	
	 2a Questão
	
	
	
	
	Retificar um registro é corrigir um registro válido, mas que apresenta uma ou mais irregularidades sanáveis. Podemos afirmar que:
		
	 
	a retificação tanto pode ser procedida administrativa quanto judicialmente;
	
	a retificação não pode ser procedida administrativamente;
	
	a retificação só pode ocorrer mediante procedimento judicial;
	
	verificado o defeito no registro, o próprio oficial não pode tomar a iniciativa de retificá-lo;
	
	a opção pelo procedimento administrativo exclui a prestação jurisdicional;
	
	 
	
	 3a Questão
	
	
	
	
	Prenotação é ato de natureza preparatória, de eficácia cautelar e com natureza antecipativa, através do qual os títulos tomarão, no livro de protocolo, o número de ordem que lhes competir em razão da sequência rigorosa de sua apresentação. Relativamente à prenotação podemos afirmar que: I) Cessa automaticamente os seus efeitos, se decorridos 30 (trinta) dias do seu lançamento, o título não for registrado por omissão do interessado em atender as exigências formuladas; II) Cessa automaticamente os seus efeitos, se decorridos 15 (quinze) dias do seu lançamento, o título não for registrado por omissão do interessado em atender as exigências formuladas; III) O documento, uma vez prenotado, torna irrevogável o seu registro e o apresentante não pode mais desistir do mesmo; IV) O apresentante poderá desistir do registro depois de prenotado e terá restituída as despesas antecipadas, deduzidas as de buscas e prenotação; A esse respeito, podemos afirmar que:
		
	
	Estão corretas as assertivas II, III e IV;
	
	Todas as assertivas estão corretas;
	 
	Estão corretas somente as assertivas I e IV;
	
	Estão corretas as assertivas I, II e IV;
	
	Todas as assertivas estão erradas;
	
	 
	
	 4a Questão
	
	
	
	
	Quanto as nulidades do registro podemos afirmar que:
		
	
	Da decisão que a decretar não cabe apelação ou agravo.
	
	Deverá ser decretada mesmo que atinja terceiros de boa-fé que já tenha atingido direito a usucapir o imóvel.
	
	Devem ser declaradas sem audição dos atingidos
	
	Mesmo que cause danos a terceiros de difícil reparação, o Juiz não poderá determinar de oficio o bloqueio da matrícula do imóvel
	 
	Uma vez provadas, invalidam-no, independente de ação direta
	
	 
	
	 5a Questão
	
	
	
	
	Averbação é o ato modificativo do status da propriedade ou do titular do domínio, onde se verifica a idéia de atos circunstantes à propriedade sem, contudo, comprometer a qualidade do vínculo jurídico entre o sujeito e o bem jurídico. Assim, podemos afirmar ser objeto de averbação:
		
	
	da permuta entre imóveis;
	
	da compra e venda;
	
	da dação em pagamento;
	 
	do contrato de locação, para os fins de exercício de direito de preferência;
	
	da doação entre vivos;
	
	 
	
	 6a Questão
	
	
	
	
	No Registro de Imóveis podem ser feitos registros e averbações. Indique qual dentre as alternativas, corresponde ao ato de registro:
		
	
	Alteração do nome por casamento.
	 
	Contratos de locação de prédios, nos quais tenha sido consignada cláusula de vigência no caso de alienação da coisa locada; da instituição de bem de família.
	
	Da extinção dos ônus e direitos reais, por cancelamento.
	
	Cédulas hipotecárias.
	
	Ex ofício, dos nomes dos logradouros, decretados pelo poder público
	
	 
	
	 7a Questão
	
	
	
	
	Relativamente ao cancelamento da matrícula imobiliária, é INCORRETO afirmar que:
		
	 
	Ocorre pela vontade exclusiva do proprietário do bem;
	
	Ocorre em decorrência de decisão judicial, mesmo que pendente de recurso;
	
	Ocorre quando, em virtude de alienações parciais, o imóvei for inteiramente transfeiro a outros proprietários;
	
	Ocorre pode decisão judicial, transitada em julgado;
	
	Quando houver fusão entre dois ou mais imóveis contíguos;
	
	 
	
	 8a Questão
	
	
	
	
	Relativamente à matricula imobiliária podemos afirmar que:
		
	
	A matrícula poderá ser cancelada a pedido das partes interessadas.
	 
	Todo imóvel objeto de título a ser registrado deve estar matriculado no Livro 2 - Registro Geral - obedecido o disposto no artigo 176.
	
	Se o registro anterior foi efetuado em outra circunscrição, a matrícula será aberta com os dados constante do título apresentado, independentemente do que consta no registro antecedente.
	
	Tratando-se do registro da usucapião é dispensável que os requisitos da matrícula constem do mandado judicial
	
	Quando o mesmo proprietário possuir dois imóveis contíguos, não poderá em nenhuma hipótese pretender a fusão das matrículas.

Continue navegando

Outros materiais