Gera��o Baby Boomer.docx
3 pág.

Gera��o Baby Boomer.docx

Disciplina:Psicologia do Consumidor13 materiais340 seguidores
Pré-visualização1 página
Geração Baby Boomer

 Geração que nasceu depois da ll guerra mundial.
 Nos anos 40 e 50.
 São inseguros e impacientes, eles causaram grandes mudanças.
 Eles foram a primeira geração a conquistar o direito de ser jovem, inventando o que ficou conhecido como o lifestyle jovem , eles receberam as chaves de casa e a liberdade de ir e vir, eles tomaram conta dos centros acadêmicos, grandes festivais e ruas.
 Por causa disso eles foram chamados de juventude libertária, vendo de fora pareciam meio loucos, mas o papo de paz e amor, sexo livre e “power flower “, contininua influenciando o comportamento até hoje. E na verdade tudo aquilo deve ter sido muito divertido.

QUEBRANDO PARADIGMAS DE CONSUMO
 Uma das grandes diferenças entre as gerações, foram os meios de comunicação que estes jovem tiveram contatos.
 A formação dos hábitos de consumo dos baby boomers e outras gerações foram significativamente influenciadas pela TV e Rádio – Meios passivos e unidirecionais que não permitem contestação ou comparação de informações.
“ A primeira mudança apontada pelo banco é a aposentadoria da chamada geração dos Baby Boomers (explosão de bebês, na tradução livre). Nascidos entre os anos de 1945 e 1964, no período pós-guerra, a geração mudou os hábitos de consumo dos norte-americanos e responde, atualmente, por 26% da população local.                                          
“Com os mais velhos dos baby boomers completando 65 anos em 2011, a próxima transformação econômica nos Estados Unidos será dada com sua aposentadoria. O impacto dessa mudança será sentido em toda economia nacional, especialmente nos setores de saúde, finanças e consumo”, diz o Goldman Sachs”....   
 Dados do Departamento de Trabalho dos Estados Unidos mostram que o pico de consumo dos norte-americanos é dado entre os 55 e 64 anos. Após ultrapassar esta faixa etária, os gastos caem 17%. “Os boomer buys (explosão de compradores, em tradução livre) da última década serão os boomer sells (explosão de vendedores, em tradução livre) desta década.”                                                                                                                                    
 Ao mesmo tempo em que os baby boomers perdem força, surgem duas novas ondas geracionais: os Millennials, ou Geração Y, que estão atualmente na faixa etária dos 16 aos 29 anos, e a Geração Z, na faixa do zero aos 4 anos. 

Entrevista com Ronald Lee

“ FAZER MAIS COM MENOS BRAÇOS”
 O economista americano não se assusta com um mundo com mais idosos e menos bebês, desde que a chance de investir na formação de mentes inovadoras seja aproveitada.
 Estudioso das questões demográficas há mais de quatro décadas, o economista americano Ronald Lee, 70 anos, professor da universidade da Califórnia em Berkeley, tem se dedicado nos últimos anos a analisar e tentar antecipar reações a um dilema social que tira o sono de governos no mundo todo.
 Em que bases vai se sustentar a economia de países, onde nascem cada vez menos crianças e os aposentados vivem cada vez mais tempo?
 Lee afirma que os efeitos desse ônus demográfico já começam a afetar as nações ricas e que o Brasil também não escapará deles. Alerta o professor, que atualmente conduz uma pesquisa sobre o envelhecimento populacional em 28 países, incluindo o Brasil: “ As saídas para um mundo mais velho e melhor passam pela adoção de medidas incômodas e inéditas, que quebrem a lógica reinante.”
“Com menos crianças é possível investir mais em educação, lapidando talentos”....
“As pessoas de 70 anos hoje estão tão o mais saudáveis que as de 60 de três décadas atrás. Elas precisam começar a receber incentivos para adiar a aposentadoria, e não para antecipá-la como é comum.”...
“O brasil passa por aceleradíssimo processo de envelhecimento da sua população. As autoridades precisam entender que não dá mais para manter um sistema tão benevolente em relação aos idosos.”...

Fonte: Matéria da revista Veja de Abril de 2012.