A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
prova corrigida

Pré-visualização | Página 1 de 2

14/06/2018 BDQ Prova
http://bquestoes.estacio.br/entrada.asp?p0=68686380&p1=201803193441&p2=4177062&p3=NPG1227&p4=103217&p5=AV&p6=30/05/2018&p… 1/3
 
 
Avaliação: NPG1227_AV_201803193441 » MECANISMOS DE SOLUÇÃO DE CONFLITOS
Tipo de Avaliação: AV
Aluno: 201803193441 - ADNA FURTADO LEITE FILHA
Professor: CLAUDIA ABBASS CORREA DIAS
 
Turma: 9002/AA
Nota da Prova: 6,0 Nota de Partic.: 1 Av. Parcial 0 Data: 30/05/2018 21:12:41
 
 1a Questão (Ref.: 201803791999) Pontos: 0,6 / 0,6
Tendo em vista a Diretiva n° 52 da Comunidade Europeia, e a ideia de institucionalizar a mediação nos Estados
Membros, é correto afirmar que:
 todos os países devem instituir mecanismos de solução consensual de conflitos;
os países devem fazer plebiscitos para adotar a mediação obrigatória;
a Diretiva instituiu a mediação obrigatória em todos os países da Comunidade;
cada país deve adotar as ferramentas adequadas às suas peculiaridades, desde que contemple a mediação
obrigatória para conflitos em matéria de pequenas causas.
nos conflitos em matéria patrimonial, entre partes maiores e capazes, deve ser, necessariamente, adotada a
mediação obrigatória.
 
 2a Questão (Ref.: 201804274473) Pontos: 0,6 / 0,6
Marque a alternativa correta :
A Mediação Brasileira
estabeleceu a obrigatoriedade da conciliação
é utilizada,sempre, em todas as áreas do Judiciário
apresenta cinco anos de existência
teve a sua legislação aprovada em 2002
 possui legislação própria que a defina.
 
 3a Questão (Ref.: 201803792019) Pontos: 0,6 / 0,6
(VUNESP - 2013 - TJ-SP - Juiz) Acerca da arbitragem, é correto dizer que
 a sentença arbitral brasileira não fica sujeita a recurso ou a homologação pelo Poder Judiciário.
é nula a sentença arbitral quando o julgamento de mérito nela contido contrariar lei federal ou alterar a
verdade dos fatos.
A sentença arbitral não pode ser anulada após o trânsito em julgado.
somente o Poder Judiciário pode decidir acerca da validade e eficácia da convenção de arbitragem e do
contrato que contenha a cláusula compromissória, de sorte que, em caso de tal alegação, o Tribunal Arbitral
deve submeter a questão ao juiz togado competente.
a nulidade do contrato no qual se estipulou a cláusula arbitral implica, necessariamente, a nulidade da
cláusula compromissária.
 
 4a Questão (Ref.: 201803934284) Pontos: 0,6 / 0,6
(FCC - 2013 - TJ-PE - Titular de Serviços de Notas e de Registros) Sobre a arbitragem, de acordo com a Lei nº
14/06/2018 BDQ Prova
http://bquestoes.estacio.br/entrada.asp?p0=68686380&p1=201803193441&p2=4177062&p3=NPG1227&p4=103217&p5=AV&p6=30/05/2018&p… 2/3
9.307/96, é correto afirmar:
A demanda para a decretação de nulidade da sentença arbitral seguirá o procedimento comum, previsto no
Código de Processo Civil, e deverá ser proposta pela parte interessada no prazo de até sessenta dias após o
recebimento da notificação da sentença arbitral ou de seu aditamento.
No procedimento arbitral, em caso de ausência sem justa causa de testemunha convocada para prestar
depoimento poderá o árbitro ou o presidente do tribunal arbitral determinar a condução coercitiva da
testemunha faltosa requerendo, se necessário, o auxílio de força policial.
 Nada tendo sido convencionado pelas partes, o prazo para a apresentação da sentença é de seis meses,
contado da instituição da arbitragem ou da substituição do árbitro, podendo ser prorrogado pelas partes e
árbitros, havendo comum acordo.
No prazo de dez dias, a contar do recebimento da notificação ou da ciência pessoal da sentença arbitral, a
parte interessada, mediante comunicação à outra parte, poderá solicitar ao árbitro ou ao tribunal arbitral
que corrija qualquer erro material da sentença arbitral.
Sendo nomeados vários árbitros, as partes envolvidas elegerão o presidente do tribunal arbitral e, não
havendo consenso entre elas, será designado presidente o mais idoso.
 
 5a Questão (Ref.: 201803934278) Pontos: 0,6 / 0,6
(FCC - 2013 - TJ-PE - Titular de Serviços de Notas e de Registros) Sobre a arbitragem, de acordo com a Lei nº
9.307/96, é correto afirmar:
No prazo de dez dias, a contar do recebimento da notificação ou da ciência pessoal da sentença arbitral, a
parte interessada, mediante comunicação à outra parte, poderá solicitar ao árbitro ou ao tribunal arbitral
que corrija qualquer erro material da sentença arbitral.
 Nada tendo sido convencionado pelas partes, o prazo para a apresentação da sentença é de seis meses,
contado da instituição da arbitragem ou da substituição do árbitro, podendo ser prorrogado pelas partes e
árbitros, havendo comum acordo.
No procedimento arbitral, em caso de ausência sem justa causa de testemunha convocada para prestar
depoimento poderá o árbitro ou o presidente do tribunal arbitral determinar a condução coercitiva da
testemunha faltosa requerendo, se necessário, o auxílio de força policial.
Sendo nomeados vários árbitros, as partes envolvidas elegerão o presidente do tribunal arbitral e, não
havendo consenso entre elas, será designado presidente o mais idoso.
A demanda para a decretação de nulidade da sentença arbitral seguirá o procedimento comum, previsto no
Código de Processo Civil, e deverá ser proposta pela parte interessada no prazo de até sessenta dias após o
recebimento da notificação da sentença arbitral ou de seu aditamento.
 
 6a Questão (Ref.: 201804277287) Pontos: 0,6 / 0,6
Assinale a afirmativa correta: Considerando a divisão dos conflitos por espécies, podemos dizer que:
O conflito estrutural relaciona-se à reivindicação de valores.
O conflito de informações relaciona-se à diferenças de posições políticas.
O conflito estrutural relaciona-se à diferenças na moral.
O conflito de valores relaciona-se à diferenças de informações.
 O conflito de interesses relaciona-se à reivindicação de bens e interesses.
 
 7a Questão (Ref.: 201804270424) Pontos: 0,6 / 0,6
Não é um principio informador da mediação:
 Publicidade;
Oralidade;
Isonomia entre as partes;
Informalidade.
Imparcialidade do mediador;
 
14/06/2018 BDQ Prova
http://bquestoes.estacio.br/entrada.asp?p0=68686380&p1=201803193441&p2=4177062&p3=NPG1227&p4=103217&p5=AV&p6=30/05/2018&p… 3/3
 8a Questão (Ref.: 201803791975) Pontos: 0,6 / 0,6
( Prova: FCC - 2006 - BACEN - Procurador) Existindo convenção de arbitragem, o Juiz
transformará o processo judicial em arbitragem, nomeando árbitro para dirimir o litígio.
 se alegada pelo réu, extinguirá o processo sem apreciação do mérito.
de ofício, poderá extinguir o processo sem apreciação do mérito.
suspenderá o processo até que o árbitro apresente seu laudo.
extinguirá o processo com apreciação do mérito.
 
 9a Questão (Ref.: 201803934292) Pontos: 0,6 / 0,6
(CESGRANRIO - 2010 - Petrobrás - Advogado) De acordo com a Lei no 9.307/96, que dispõe sobre a arbitragem,
será denegada a homologação para o reconhecimento ou execução da sentença arbitral estrangeira, se constatado
que
há voto em separado de árbitro divergente do da maioria.
 a decisão ofende a ordem pública nacional.
a sentença arbitral foi proferida fora do território nacional.
os efeitos da decisão recairão sobre os sucessores das partes.
houve prévia denegação da homologação por vícios formais.
 
 10a Questão (Ref.: 201803792005) Pontos: 0,6 / 0,6
(CESPE - 2010 - MPE-SE - Promotor de Justiça) Assinale a opção correta a respeito da transação em conflitos
coletivos nas relações de consumo.
A obrigatoriedade da convenção coletiva de consumo tem início para as entidades signatárias a partir de sua
homologação pelo MP.
 A convenção coletiva de consumo consubstancia meio de composição de conflitos coletivos, em que
consumidores e fornecedores, por intermédio de entidades representativas, estabelecem condições
determinantes das relações de consumo, incidindo sobre os contratos individuais.
Inscrito no registro público

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.