A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
15 pág.
Apostila planejamento e controle de produção (PCP)

Pré-visualização | Página 4 de 4

reserva com objetivo 
de prevenir falta ou exesso de estoque, emitir ordens na forma de 
programas de necessidades e criar uma base de registros dos 
estoques com o objetivo de auxiliar no controle. 
• Sistema ConWIP H. A principal diferença existente entre esse 
sistema com o ConWip da classe b, é que neste caso os cartões ou 
DBD
PUC-Rio - Certificação Digital Nº 0813417/CA
 
 
28
as ordens de produção são criadas com base na explosão do MPS 
que se origina do departamento de PCP da empresa. Sipper e 
Bulfin (1997) nomearam as ordens e os cartões como lista de 
pedidos em carteira – backlog list. Desta maneira, o sistema possui 
algumas características de um sistema de estoque controlado e de 
fluxo programado. 
• Sistema Kanban H. Este sistema, por envolver o tema central deste 
trabalho, será melhor abordado nos capítulos 3 e 4. 
• Sistema Rope-Drum-Buffer (RDB). Com base na teoria das 
restrições, o sistema tem seu foco principal nos recursos que são 
considerados gargalos da produção. A idéia é que haja um 
sincronismo entre as etapas de produção, isto é, deve existir um 
único ritmo de produção para todos os centro produtivos (Drum), o 
qual é determinado pelo recurso gargalo, evitando dessa forma 
grandes estoques em alguns centros produtivos e falta de itens em 
outros. Além disso, o estoque de segurança (Buffer) é mantido 
antes do recurso gargalo, com o objetivo evitar a perda de tempo 
por falta de itens que serão produzidos. A corda (Rope) é o 
feedback de informação para o estoque de matérias-primas. 
• Sistema DEWIP (Decentralized Work in Process). É um sistema 
voltado para ambientes job shop com alta diversidade de itens e um 
complexo fluxo de materiais. O estoque em processo de maneira 
descentralizada é considerado como a variável de controle principal 
para este sistema. 
• Sistema LOOR (Load Oriented Order Release). Há nesse sistema 
uma carga limite para cada centro de trabalho, nas quais as tarefas 
são liberadas apenas quando as cargas projetadas estão abaixo da 
carga limite para um determinado período de tempo. As ordens de 
produção, o horizonte de planejamento e a capacidade produtiva 
são as principais variáveis consideradas pelo sistema. Da mesma 
forma que o DEWIP, este sistema é propício para ambientes com 
DBD
PUC-Rio - Certificação Digital Nº 0813417/CA
 
 
29
alta diversidade de itens e com complexo fluxo de materiais com 
alto nível de complexibilidade. 
• Sistema POLCA (Paired-cell Overlapping Loops of Cards with 
Authorization). É baseado em uma estratégia de obtenção de 
vantagem competitiva através da redução do lead time. Esse 
sistema que foi projetado para sistemas produtivos com estrutura 
celular, além dos altos níveis de estoque, utiliza informações 
referentes aos tempos (lead time) planejados para cada célula dos 
sistemas produtivos, com a finalidade de determinar quando cada 
uma delas irá iniciar o processamento das tarefas necessárias. As 
datas de início das operações são autorizadas por meio de cartões 
que apresentam a capacidade possível das células. 
Existem diversas teorias que abordam o tema de planejamento e controle da 
produção, e cada dia mais pesquisas são desenvolvidas dentro deste tema. De 
acordo com MacCarthy e Fernandes (2002), é muito difícil selecionar ou projetar 
um sistema PCP apropriado, pois existe um caráter integrativo das funções PCP, 
no qual há uma interface com todas as áreas funcionais da empresa. Diante disso, 
determinar a aplicabilidade de uma abordagem é muito complexo, principalmente 
por existir um número crescente de alternativas. Para finalizar, as análises que 
foram apresentadas anteriormente oferecem uma indicação de que existe uma 
dificuldade quando é feita a análise tanto do planejamento, quanto do controle da 
produção e suas estruturas, sem se preocupar com as relações de dependência, 
com as condições produtivas e ambientes que se interligam. Importante salientar 
que alguns elementos do PCP devem ser pensados não só pelo ponto de vista 
conceitual, mas também das regras ou condições que podem tornar viáveis sua 
efetividade. 
 
DBD
PUC-Rio - Certificação Digital Nº 0813417/CA

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.