A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Aula 3

Pré-visualização | Página 1 de 2

01/05/2019 EPS
simulado.estacio.br/alunos/?user_cod=2136928&matr_integracao=201807029905 1/4
CEL0249_A3_201807029905_V1
 
Redigida em 1994, por cerca de cem países reunidos em conferência internacional apoiada pela UNESCO, realizada na
Espanha, como um importante marco na luta pelos direitos humanos, pela igualdade de oportunidades para todas as
pessoas e pela participação social efetiva da pessoa com deficiência como cidadão.
 Este relato refere-se a:
Após a Declaração de Salamanca, o movimento de educação inclusiva ganha força e vários países passam a orientar suas
ações tendo como base os princípios e as propostas redigidas e assinadas em comum acordo. Neste documento, diferentes
países defendem a ideia de que o sistema educacional deve organizar-se de forma a atender a todos os alunos, não sendo
recomendado a:
EDUCAÇÃO ESPECIAL
 CEL0249_A3_201807029905_V1 
Lupa Calc.
 
 
Vídeo
 
PPT
 
MP3
 
Aluno: THAYRINE DE ASSIS MENDONCA DALL AGNOL Matrícula: 201807029905
Disc.: EDUCAÇÃO ESPECIAL 2019.1 EAD (G) / EX
 
Prezado (a) Aluno(a),
 
Você fará agora seu TESTE DE CONHECIMENTO! Lembre-se que este exercício é opcional, mas não valerá ponto para sua
avaliação. O mesmo será composto de questões de múltipla escolha.
Após responde cada questão, você terá acesso ao gabarito comentado e/ou à explicação da mesma. Aproveite para se
familiarizar com este modelo de questões que será usado na sua AV e AVS.
 
1.
Declaração de Salamanca
Lei de Diretrizes e Bases LDB (Lei nº 4.024/61)
Constituição Federal de 1988
O Conselho Nacional de Educação Especial ¿ CENESP
Lei de Diretrizes e Bases LDB nº 5.692/71
 
 
 
Explicação:
A Conferência Mundial sobre Necessidades Educacionais Especiais foi promovida pelo governo espanhol em colaboração com a
Unesco. A Declaração de Salamanca repercutiu de forma significativa, sendo incorporadas as políticas educacionais brasileiras.
 
Gabarito
 Coment.
 
 
 
2.
Educação
Escolarização
Segregação
Transformação
01/05/2019 EPS
simulado.estacio.br/alunos/?user_cod=2136928&matr_integracao=201807029905 2/4
Em 1994 cerca de 100 países se reuniram na cidade de Salamanca para discutirem as diretrizes educativas das pessoas
com deficiências. Essa reunião foi apoiada pela UNESCO e deixou como principal diretriz para o sistema educacional.
Marque a resposta certa.
No contexto educacional brasileiro, a partir da década de 90, aumenta o movimento de inclusão de estudantes com
deficiência física, intelectual ou sensorial. Isso representa um avanço histórico em relação ao trabalho pedagógico que era
oferecido anteriormente. A partir dos pressupostos da educação inclusiva, o aluno com necessidades educacionais especiais
deverá ser matriculado:
Avaliação
 
 
 
Explicação:
Segregação. No modelo segregacionista, a educação especial se configurava como um sistema de ensino paralelo,
substitutivo ao regular. Fundamentada no conceito de normalidade/anormalidade, a segregação, como o próprio nome
sugere, previa a separação física entre alunos com e sem deficiência no contexto educacional.
 
Gabarito
 Coment.
 
 
 
3.
A educação para pessoas com deficiência será preferencialmente feita na rede pública, exceto os casos de deficiência
mental que devem ser encaminhados para uma instituição de educação especial por se tratar de alunos mais difíceis
de ensinar.
As escolas devem receber as crianças com deficiências e permitir que a inclusão aconteça espontaneamente a partir
da ação educativa dos professores. Os colegas não poderão ajudar o aluno com deficiência para que não se crie
vínculos.
A inclusão na rede regular de ensino deve acontecer mediante a participação dos familiares do aluno com deficiências
na escola tanto para ajudar em sua locomoção como para realizar todas as atividades escolares por ele.
A inclusão na rede regular de ensino será uma conquista mundial depois que os países criarem uma política nacional
para inclusão dos deficientes. Os países teriam 2 anos para planejar essa política e 5 anos para implementá-la.
A educação de pessoas com deficiências deve ser feita na rede regular de ensino e para isso, o sistema educativo
precisa oferecer as condições didáticas e físicas para atender a todos os alunos.
 
 
 
Explicação:
Na rede regular de ensino, conforme manda a inclusão. Onde o sistema educativo oferece as condições física, didáticas para
atende aos alunos.
 
 
 
Gabarito
 Coment.
 
 
 
4.
em classe comum de escola regular.
em escola especial.
em classe hospitalar.
em classe especial de escola especial.
em classe especial de escola regular.
 
 
 
Explicação:
Em uma sala junto com os outros alunos, integrados como manda a inclusão
 
Gabarito
 Coment.
 
 
01/05/2019 EPS
simulado.estacio.br/alunos/?user_cod=2136928&matr_integracao=201807029905 3/4
No ano de 1994 após a Declaração de Salamanca a educação inclusiva ganha força em muitos países. As propostas
redigidas e assinadas, em comum acordo, tem como base:
A inclusão só é possível na medida em que se respeite a identidade sociocultural dos sujeitos, suas particularidades
socioeducativas e linguísticas. Diante deste enfoque, as adaptações curriculares para educação especial devem oferecer aos
alunos:
Conforme nota técnica do Ministério da Educação, o atendimento educacional especializado (AEE) será desenvolvido
 
5.
A exclusão dos deficientes das escolas regulares
A Participação efetiva do deficiente como cidadão
A segregação de alunos com necessidades educacionais
O Atendimento ao deficiente apenas em algumas escolas
O deficiente não deve ter oportunidade de trabalho
 
 
 
Explicação:
A participação total do deficiente como cidadão.
 
Gabarito
 Coment.
 
 
 
6.
alterações estruturais, de conteúdo, estratégias, metodologias e recursos como mobiliário, equipamentos e sistemas
de comunicação alternativos.
atividades assistemáticas e abertas, que trabalhem aspectos da vida diária e conduzam à socialização.
propostas homogeneizadoras que atendam às diferenças individuais.
equipe de apoio composta de psicólogos, médicos, psicopedagogos e assistentes sociais.
escolas especiais integrais com profissionais qualificados que atendam às necessidades individuais.
 
 
 
Explicação:
Mudanças nas estruturas, conteúdos com metodologias significativas, assim como mobiliário, os equipamentos e sistemas de
comunicação bem alternativos.
 
 
Gabarito
 Coment.
Gabarito
 Coment.
 
 
 
7.
exclusivamente em salas de recursos multifuncionais da própria escola do aluno e em caráter complementar ou
suplementar à escolarização.
em salas de recursos multifuncionais dos centros específicos de AEE, não podendo ser substitutivo à escolarização,
mas devendo ser ofertada no mesmo turno de aula do aluno para auxiliar o trabalho docente.
 
no turno inverso ao turno do aluno, na própria escola, em outra escola, mas não em centros de AEE, em caráter
complementar ou suplementar.
 
em salas de recursos multifuncionais da escola do aluno, de outra escola ou em centros específicos de AEE, de forma
substitutiva à escolarização.
 
em salas de recursos multifuncionais da escola do aluno, de outra escola ou em centros de AEE, desde que ofertado
de forma complementar ou suplementar, sem substitutir à escolarização.
 
 
 
01/05/2019 EPS
simulado.estacio.br/alunos/?user_cod=2136928&matr_integracao=201807029905 4/4
Em 1994, muitos países se reuniram na Espanha para discutirem as diretrizes para a educação das pessoas com deficiência
e necessidades educativas especiais. Em se tratando das conquistas que foram assinadas pelos países participantes da
Declaração de Salamanca, marque (V) para verdadeiro e (F) para falso.
( ) A escola deve utilizar recursos,