A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
276 pág.
ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS (1)

Pré-visualização | Página 12 de 50

23 
Receita Industrial 79.905 143.950 
Receita de Serviços 676.279 792.267 
Remuneração das Disponibilidades 351.047 590.291 
Outras Receitas Derivadas e Originárias 6.719.914 2.295.594 
Total das Receitas Derivadas e Originárias 53.825.004 40.551.934 
QUADRO 1FC - RECEITAS DERIVADAS E ORIGINÁRIAS
RECEITAS DERIVADAS E ORIGINÁRIAS 2017 2016
R$ Mil
Intergovernamentais 3.109.932 6.282.312 
da União 3.096.171 6.214.412 
de Estados e Distrito Federal 697 2.783 
de Municípios 13.063 65.117 
Outras transferências correntes recebidas 2.654.408 2.622.917 
Total das Transferências Recebidas 5.764.339 8.905.229 
TRANSFERÊNCIAS CONCEDIDAS
Intergovernamentais 1.067.748 1.126.680 
da União 1.012.179 1.036.982 
de Municípios 55.569 89.698 
Intragovernamentais 6.706.383 3.150.220 
Outras transferências concedidas 475.588 621.814 
Total das Transferências Concedidas 8.249.719 4.898.714 
QUADRO 2FC - TRANSFERÊNCIAS RECEBIDAS E CONCEDIDAS
TRANSFERÊNCIAS CORRENTES RECEBIDAS 2017 2016
 
 
 
 
 
 
 
 
Contas de Governo – Exercício 2017 
 
29 
 
Governo do Estado do Rio de Janeiro 
Secretaria de Estado de Fazenda e Planejamento 
Contadoria Geral do Estado 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
R$ Mil
Legislativa 1.252.895 1.256.719 
Judiciaria 3.931.736 3.934.129 
Essencial a Justica 2.156.825 1.936.047 
Administracao 1.765.722 1.710.726 
Seguranca Publica 8.550.329 7.911.446 
Assistencia Social 209.116 226.940 
Previdencia Social 21.997.074 13.950.457 
Saude 3.230.974 3.012.750 
Trabalho 14.991 12.955 
Educacao 5.105.210 5.270.173 
Cultura 99.225 102.540 
Direitos da Cidadania 58.840 16.855 
Urbanismo 38.565 25.425 
Habitacao 63.670 55.209 
Saneamento 15.389 12.229 
Gestao Ambiental 164.727 170.194 
Ciencia e Tecnologia 69.561 67.851 
Agricultura 211.969 175.824 
Organizacao Agraria 10.313 9.355 
Industria 72.173 65.837 
Comercio e Servicos 211.859 253.668 
Comunicacoes 10.314 32.313 
Transporte 419.094 363.601 
Desporto e Lazer 21.857 30.549 
Encargos Especiais 406.990 558.258 
Total dos Desembolsos de Pessoal e Demais Despesas por Função 50.089.419 41.162.049 
QUADRO 3FC - DESEMBOLSOS DE PESSOAL E DEMAIS DESPESAS POR FUNÇÃO
PESSOAL E OUTRAS DESPESAS CORRENTES POR FUNCAO 2017 2016
R$ Mil
Juros e Correção Monetária da Dívida Interna 677.237 2.433.080 
Juros e Correção Monetária da Dívida Externa 68.802 248.719 
Outros Encargos da Dívida 152.060 194.008 
Total dos Juros e Encargos da Dívida 898.100 2.875.807 
QUADRO 4FC - JUROS E ENCARGOS DA DÍVIDA
2017 2016JUROS E ENCARGOS DA DÍVIDA
 
 
 
 
 
 
 
 
Contas de Governo – Exercício 2017 
 
30 
 
Governo do Estado do Rio de Janeiro 
Secretaria de Estado de Fazenda e Planejamento 
Contadoria Geral do Estado 
 
 
 
 
 
03 – Principais Práticas 
Contábeis 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Contas de Governo – Exercício 2017 
 
31 
 
Governo do Estado do Rio de Janeiro 
Secretaria de Estado de Fazenda e Planejamento 
Contadoria Geral do Estado 
a) Disponibilidades 
As disponibilidades são mensuradas ou avaliadas pelo valor original, feita a conversão, quando em 
moeda estrangeira, à taxa de câmbio vigente na data do Balanço Patrimonial. 
 
Incluem as aplicações financeiras de liquidez imediata que são mensuradas ou avaliadas pelo valor 
original, atualizadas até a data do Balanço Patrimonial. As atualizações apuradas são contabilizadas em 
contas de resultado. 
 
b) Créditos e Obrigações 
Os direitos, os títulos de créditos e as obrigações são mensurados ou avaliados pelo valor original, feita 
a conversão, quando em moeda estrangeira, à taxa de câmbio vigente na data do Balanço Patrimonial. 
 
Os riscos de recebimento de direitos são reconhecidos em conta de ajuste, a qual será reduzida ou 
anulada quando deixarem de existir os motivos que a originaram. Os direitos, os títulos de crédito e as 
obrigações prefixados são ajustados a valor presente, enquanto os pós-fixados são ajustados 
considerando-se todos os encargos incorridos até a data de encerramento do balanço. 
 
As provisões são constituídas com base em estimativas pelos prováveis valores de realização para os 
ativos e de reconhecimento para os passivos. As atualizações e os ajustes apurados são contabilizados 
em contas de resultado. 
 
c) Adiantamentos Concedidos 
O adiantamento concedido é caracterizado por ser um adiantamento de valores a um servidor para 
futura prestação de contas. Esse adiantamento constitui uma despesa orçamentária, ou seja, para 
conceder o recurso ao suprido é necessário percorrer os três estágios da despesa orçamentária: 
empenho, liquidação e pagamento. 
 
Apesar disso, não representa uma despesa pelo enfoque patrimonial, pois, no momento da concessão, 
não ocorre redução no patrimônio líquido. Na liquidação da despesa orçamentária, ao mesmo tempo em 
que ocorre o registro de um passivo, há também a incorporação de um ativo, que representa o direito de 
receber um bem ou serviço, objeto do gasto a ser efetuado pelo suprido, ou a devolução do numerário 
adiantado. 
 
 
 
 
 
 
 
 
Contas de Governo – Exercício 2017 
 
32 
 
Governo do Estado do Rio de Janeiro 
Secretaria de Estado de Fazenda e Planejamento 
Contadoria Geral do Estado 
Com a implantação do novo Plano de Contas Aplicado ao Setor Público - PCASP, com ênfase no 
Patrimônio, os valores concedidos a título de Suprimento de Fundos deverão ser reconhecidos no Ativo 
a título de adiantamento. O registro em Variação Patrimonial Diminutiva-VPD será efetuado quando 
ocorrer o ato da prestação de contas do suprido, tendo como contrapartida a conta do ativo que 
registrou o adiantamento, em atendimento aos princípios contábeis da competência e da oportunidade. 
Essa adequação atende ao disposto no Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público publicado 
pela Secretaria do Tesouro Nacional. 
 
d) Estoques 
Os estoques são mensurados ou avaliados com base no valor de aquisição/produção/construção ou 
valor realizável líquido, dos dois o menor. Os custos de estoques abrangem todos os custos de compra, 
conversão e outros custos incorridos referentes ao deslocamento, como impostos não recuperáveis, 
custos de transporte e outros, referente ao processo de produção. Os custos posteriores de 
armazenagem ou entrega ao cliente

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.