O direito ao esquecimento é o direito que uma pessoa possui de não permitir que um fato
1 pág.

O direito ao esquecimento é o direito que uma pessoa possui de não permitir que um fato


DisciplinaDireito Civil I73.334 materiais868.584 seguidores
Pré-visualização1 página
O direito ao esquecimento é o direito que uma pessoa possui de não permitir que um fato, ainda que verídico, ocorrido em determinado momento de sua vida, seja exposto ao publico em geral, causando-lhe sofrimento, transtorno ou humilhação.
Este direito não esta previsto diretamente na legislação brasileira, ele é decorrente do Art. 1 da CF/88 no principio da dignidade da pessoa humano. Ademais, o tema tem como a existência do direito a retirada de notícias (direito ao esquecimento em sentido estrito), anos após a ocorrência dos fatos retratado, especialmente quando alterado o panorama fático que justificava a publicação.
A complexidade do tema, causador de muitas controvérsias, gira em torno do conflito entre o direito a informação previsto na CF/88 no art.5 inc. xiv e o direito a intimidade e vida privada no art5 inc. x dividindo os especialista no assuntos em: pró informação, pró esquecimento e os intermediários.
O tema é ainda mais discutido nos dias atuais, mesmo sendo anterior a era digital, com ela os conflitos entre liberdade de imprensa e a vida privada se tornaram ainda mais estridentes, diversos casos em que noticias e fatos antigos são trazidos a tona fora do contexto em ocorreram, principalmente na vida de pessoas publicas, coloca em pauta o direito ao esquecimento da personalidade